Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-06-30T13:30:05-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
de olho na varejista

Via Varejo levanta R$ 4,45 bilhões em oferta de ações

Ação foi precificada a R$ 15; recursos serão usados em investimentos em tecnologia e logística, inovação e desenvolvimento

16 de junho de 2020
6:10 - atualizado às 13:30
Fachada da loja Casas Bahia, rede pertencente à Via Varejo (VVAR3/VIIA3)
Casas Bahia é uma das redes de lojas operadas pela Via (ex-Via Varejo) - Imagem: Shutterstock

A Via Varejo anunciou nesta segunda-feira (15) que definiu o preço da ação em nova oferta a R$ 15,00, emitindo 297 milhões de novos papéis — com isso, a empresa levantou R$ 4,45 bilhões.

A operação, uma das poucas registradas desde o início da crise do novo coronavírus, foi realizada apenas para investidores qualificados.

Inicialmente, a expectativa era que a companhia movimentasse entre R$ 2,9 bilhões e R$ 4 bilhões, considerando a cotação do dia em que a oferta foi anunciada, a R$ 13,48. Nesta segunda, os papéis da Via Varejo (VVA3) valiam R$ 15,62, depois de subirem 6,7% no dia.

Segundo a empresa, foi determinado que, do preço por ação, R$ 7,50 será destinado à conta de capital social da companhia, totalizando a quantia de R$ 2,2 bilhões em aumento do capital. A outra metade será destinada à formação de reserva de capital.

O novo capital social da Via Varejo passa a ser de R$5.131.712.284,78, dividido em 1.597.016.941 ações ordinárias, todas nominativas, escriturais e sem valor nominal. As ações emitidas na oferta passam a ser negociadas na B3 em 17 de junho.

Segundo a empresa, os recursos da oferta serão usados em investimentos em tecnologia e logística, inovação e desenvolvimento. Otimização da estrutura de capital da companhia, incluindo reforço de capital de giro, também está entre os destinos do dinheiro.

A oferta foi coordenada por Bradesco BBI, BTG Pactual, BB Investimento, Bank of America Merrill Lynch, Santander Brasil, Safra e XP Investimentos.

A Via Varejo registrou lucro líquido de R$ 13 milhões no primeiro trimestre deste ano, revertendo o prejuízo de R$ 50 milhões no mesmo período de 2019, após um período de reestruturação da empresa.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

De onde vem o dinheiro?

Governo confirma Auxílio Brasil em R$ 400, mas sem revelar de onde vai tirar o dinheiro para bancar o benefício

O ministro da Cidadania não respondeu às perguntas da imprensa nem confirmou a fonte de renda para o novo programa social, o que é a grande preocupação dos mercados

O que vem depois da lua?

Depois do recorde: até onde vai a alta do bitcoin? Especialista em criptomoedas responde

Depois da aprovação do primeiro ETF em criptomoedas, o bitcoin (BTC) não para de subir e as estimativas são otimistas — mas os EUA podem mudar o jogo

Analistas respondem

Ações da Vale aprofundam queda com sinais ruins do relatório de produção e vendas no 3º trimestre. Hora de comprar VALE3?

Analistas apontam que, enquanto a produção foi sólida, a venda de minério de ferro veio abaixo do esperado até pelas estimativas mais conservadoras

Puxando os ETFS

Chove bitcoin, molha ETF: fundos de índice brasileiros sobem até 19% em dia de recorde do BTC

Enquanto o primeiro ETF de criptomoeda dos Estados Unidos avança tímidos 3%, na B3, o avanço é de até 19,78%

Cabo de guerra

Sem explicar origem da verba, Bolsonaro confirma Auxílio Brasil em R$ 400 e promete respeitar teto de gastos

Apesar da promessa do presidente, o governo flerta com a flexibilização do teto para conseguir arcar com o valor do benefício

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies