Menu
2020-07-18T09:58:39-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Telefonia

Tim, Claro e Telefônica fazem oferta conjunta vinculante por negócio móvel do Grupo Oi

Empresas divulgaram oferta em fatos relevantes deste sábado; proposta dá direito de cobrir melhor lance em leilão

18 de julho de 2020
8:19 - atualizado às 9:58
oi
Imagem: Shutterstock

A Tim, a Claro e a Telefônica informaram, por meio de fatos relevantes deste sábado, 18/7, uma oferta conjunta vinculante pelos serviços móveis do Grupo Oi. A oferta foi submetida à apreciação da Oi, em recuperação judicial.

A proposta é sujeita a condições específicas, como a seleção das ofertantes como Stalking Horse (“Primeiro Proponente”), o que permite que as ofertantes tenham o direito de cobrir o melhor lance apresentado no processo competitivo de venda do negócio. Caso aceita a proposta e concretizada a operação, cada uma das interessadas receberá uma parcela do negócio.

Os principais ativos envolvidos na negociação são termos de autorização de uso de radiofrequência, base de clientes do Serviço Móvel Pessoal, direito de uso de espaço em imóveis e torres, elementos de rede móvel de acesso ou de núcleo, e sistemas e plataformas.

Além dessa proposta conjunta, a Highline do Brasil fez oferta vinculante para aquisição da Unidade Produtiva Isolada (UPI) Torres - relacionada às atividades de sites de telecomunicação outdoor e indoor de transmissão de radiofrequência da companhia e suas subsidiárias - por R$1,076 bilhão, conforme informado neste sábado por meio de fato relevante da Oi.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Dificuldades À vista?

Deputados falam em reduzir medidas de ajuste fiscal do texto da PEC do auxílio

Embora defenda celeridade na análise da proposta, Albuquerque admite que o texto pode ser enxugado

escolha da CEO

Investir no Brasil: se correr o bicho pega, se ficar o bicho come

Confira uma seleção de matérias feita pela CEO do Seu Dinheiro, Marina Gazzoni

Efeitos da pandemia

PEC do auxílio aprovada no Senado prevê abater R$ 100 bi da dívida pública

Pelos cálculos do governo, a necessidade de financiamento da dívida pública federal (DPF) neste ano é de R$ 1,469 trilhão, valor que aumentou por causa do maior volume de títulos de curto prazo que o governo precisou emitir para conseguir captar recursos

Resolvendo pendências

STF: Petrobras não precisa se sujeitar à Lei das Licitações

Nos últimos anos, a Suprema Corte tem dado decisões relativas a Petrobras que consideram o cenário de livre competição em que opera a estatal.

Pacote fiscal aguardado

EUA: Senado aprova extensão de aumento de auxílio-desemprego

A emenda prevê a extensão da duração dos benefícios federais a desempregados, mas reduz seu valor semanal, em comparação com o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Representantes no sábado passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies