Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-08-25T17:43:42-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
transações a toda hora

Santander Brasil lança solução financeira para o PIX, sistema de pagamentos do BC

Instituição começa hoje campanha publicitária para apresentar o SX, solução financeira que utiliza o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central

25 de agosto de 2020
17:43
Santander
Sede do Santander Brasil - Imagem: Shutterstock

O Santander Brasil lançou uma oferta própria para utilizar o novo sistema instantâneo de pagamentos do Banco Central, o PIX. A instituição deu início hoje à campanha publicitária para apresentar a solução financeira, que leva o nome de SX.

O uso do PIX se somará às modalidades já disponíveis no mercado, como DOC, TED, cheques e cartões de débito e crédito.

Com a opção, o consumidor poderá fazer pagamentos e transferências com mais eficiência, instantaneamente e sem custo para os clientes pessoa física, diz o banco.

"O PIX pode ser também uma poderosa ferramenta de bancarização da população e de fidelização dos nossos clientes", diz Marcelo Labuto, diretor do segmento Pessoa Física do Santander Brasil.

Em razão de "questões estratégicas", no entanto, o executivo diz que só em breve revelará os "diferenciais" do produto aos consumidores.

De acordo com ele, o PIX demonstrará avanços, mas o consumidor é que será o responsável por fazer o melhor uso desta modalidade — uma vez que há a necessidade de ter recursos disponíveis em conta a cada transação, a qualidade do acesso à internet e a robustez do sistema da instituição financeira.

"O PIX tem muitas vantagens, mas não esperamos que vá substituir todas as outras modalidades de pagamentos", diz Labuto, mencionando que o banco quer ser desde já uma "referência" na tecnologia.

O que é o PIX?

O PIX corresponde ao sistema instantâneo de pagamentos do BC, que traz a expectativa de mudar o mercado e facilitar a vida dos consumidores em transações financeiras.

A ideia é que o sistema funcione a qualquer hora do dia, durante todos os dias do ano, de forma que o usuário não leve mais do que alguns segundos para concluir transações.

As operações pelo PIX poderão ser realizadas por meio de QR Code, uso de chave ou mesmo por meio do preenchimento manual de dados, de acordo com o usuário.

A intenção do Banco Central é que o PIX gere maior inclusão financeira, entrada de novos atores no sistema de pagamentos e a eletronização dos meios. O PIX deve começar a funcionar em novembro.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

seu dinheiro na sua noite

Uma tarde de soluços nos mercados

O preço dos combustíveis, um dos grandes vilões da elevada inflação brasileira, não dá sinais de enfraquecimento. Muito pelo contrário: a passagem do furacão Ida pelo Golfo do México deve seguir impactando a oferta de petróleo por mais alguns meses, o que traz reflexos diretos ao preço da commodity. O Brent fechou em alta pela […]

menos méliuz

Méliuz (CASH3): Truxt reduz participação na companhia

Negociações têm por objetivo investimento e não visam alterar a composição do controle ou a estrutura administrativa da empresa

atenção acionista

Dividendos: Multiplan (MULT3) paga R$ 270 milhões em juros sobre capital próprio

Empresa vai considerar os acionistas inscritos nos registros da companhia no dia 28 de dezembro, dado que as ações de emissão da companhia passaram a ser negociadas “ex juros” a partir de 29 de dezembro

FECHAMENTO DO DIA

Petrobras dá susto, mas commodities garantem o avanço do Ibovespa; dólar sobe a R$ 5,37

A convovação de uma coletiva de última hora assustou os investidores, mas o Ibovespa retomou o ritmo de alta após a estatal confirmar que não irá mexr nos preços.

acesso bloqueado

Vale (VALE3) faz operação para resgatar 39 funcionários presos em mina no Canadá

De acordo com a empresa, na tarde de domingo (26), uma pá escavadeira que estava sendo transportada no acesso à mina subterrânea se desprendeu, bloqueando o shaft e, com isso, impedindo o meio de transporte dos empregados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies