Menu
2020-10-09T17:24:21-03:00
Estadão Conteúdo
Desinvestimento

Petros vai leiloar 56 imóveis e pode arrecadar cerca de R$ 80 mi em lance mínimo

Leilão faz parte do plano de desinvestimento da fundação para adequar os investimentos aos perfis das carteiras dos planos

5 de outubro de 2020
18:14 - atualizado às 17:24
Imóveis
Imagem: Shutterstock

Depois de decidir deixar sua sede própria para mudar para um local menor, o fundo de pensão dos empregados da Petrobras, Petros, decidiu vender 56 imóveis entre salas comerciais e lojas, inclusive uma participação em imóvel dentro de um shopping, que podem render cerca de R$ 80 milhões se saírem pelo lance mínimo.

De acordo com o fundo de pensão, o leilão faz parte do plano de desinvestimento da fundação para adequar os investimentos aos perfis das carteiras dos planos. No caso da mudança da sede, o objetivo é economizar não apenas com os gastos anuais, de cerca de R$ 3 milhões, como evitar obras estruturais necessárias nos próximos anos.

"A realização do leilão também integra um amplo trabalho conduzido pelos times de investimentos para reciclagem da carteira, a partir de um movimento de desinvestimentos em ativos muito pulverizados que não estão adequados à carteira imobiliária de um investidor de grande porte como a Petros", disse em nota ao Broadcast.

Os lances vão desde uma sala com vaga de garagem no Rio de Janeiro por R$ 56,6 mil, a três pavimentos com 84 vagas de garagem no Centro Empresarial de São Paulo, por R$ 28,7 milhões. Segundo a Frazão Leilões, que realizará a venda, são imóveis desocupados ou locados. O leilão está previsto para o dia 30 de outubro.

De acordo com a leiloeira, o destaque do leilão será a participação de 20% em um imóvel localizado dentro do Shopping Del Rey, em Belo Horizonte, Minas Gerais, que já recebeu mais de 170 visitas. São 15.000 m2, com a maior parte locada (70%) por duas grandes e conhecidas lojas do segmento de varejo. O lance mínimo é de R$ 10,7 milhões e tem renda garantida pelas locações que vão até 2027 e 2029.

Brasília e Rio, porém, concentram o maior número de ofertas. No Distrito Federal serão leiloadas 39 salas comerciais no Edifício OAB, além de cinco lajes comerciais no Centro Empresarial Varig.

No Rio, a Petros vai se desfazer de 10 salas comerciais e duas lojas no Condomínio dos Edifícios Rio Office Park 4 e 5, Jacarepaguá.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

dragão à vista

Economistas voltam a piorar projeções para inflação e dólar em 2021

Possibilidade de dólar fechar o ano abaixo de R$ 5,00 ficou ainda mais remota, segundo mediana de projeções divulgada pelo BC

O melhor do Seu Dinheiro

Quem vai ganhar a corrida das varejistas?

Quem será o novo Magazine Luiza? Essa pergunta virou quase um clichê no mercado depois que a varejista se tornou um dos maiores casos de sucesso da bolsa, com uma valorização de quase 35.000% desde dezembro de 2015. Entre o antigo modelo de lojas de rua e o promissor varejo online, o segredo da empresa […]

alívio no caixa

Governo reabre programa para renegociação de dívidas das empresas

A ideia é proporcionar um alívio no caixa das empresas no momento em que governadores decretaram o fechamento de estabelecimentos não essenciais devido ao colapso em seus sistemas de saúde

briga de galo

IMC mantém, por ora, contrato de franquia com KFC

Juízo indefere pedido da KFC de revogação da exclusividade da IMC na administração das operações KFC no Brasil

Liberalismo sob medida

Ala liberal perde terreno e aponta falhas no governo

Após a interferência na Petrobras e rumores de que Guedes sairia do governo, pacote de medidas liberais está em cheque

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies