2020-10-26T20:55:10-03:00
em Minas Gerais

Notre Dame Intermédica compra Grupo Serpram por R$ 170 milhões

Aquisição marca avanço da empresa em Minas Gerais; mais cedo, companhia anunciou compra de outra empresa, no Sul do País

26 de outubro de 2020
20:53 - atualizado às 20:55
Imagem: Shutterstock

A Notre Dame Intermédica anunciou nesta segunda-feira (26) um acordo para a aquisição do Grupo Serpram por R$ 170 milhões. A empresa é composta por uma seguradora e pelos hospitais Imesa e Varginha.

O Grupo Serpram é uma operadora de saúde verticalizada com 29 anos de atuação nas regiões de Alfenas, Varginha, Extrema e Pouso Alegre (Sul do Estado de Minas Gerais) - 100km distantes das operações recentemente adquiridas pela Intermédica em Poços de Caldas-MG.

A área de influência do grupo conta com mais de 1,4 milhão de habitantes (312 mil beneficiários de planos de saúde). A empresa informa ter uma carteira com 47 mil beneficiários de saúde (96% corporativo/adesão), 10 mil beneficiários dental e dois hospitais referências na região com um total de 74 leitos.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Em 2019, o grupo Serpram apresentou um faturamento líquido consolidado de R$ 108,4 milhões, com sinistralidade caixa de 76% e Ebitda de R$ 8 milhões (margem de 7,4%).

Ainda segundo a Intermédica, a aquisição inclui os imóveis hospitalares, que possuem mais de 10 mil metros quadrados de área construída e 36 mil metros quadrados de terreno.

Minas e Paraná

A compra do Grupo Serpram fortalece a estratégia da Intermédica de crescimento verticalizado no Estado de Minas Gerais e marca o segundo anúncio de aquisição em apenas um dia.

Na manhã desta segunda, a empresa anunciou a aquisição do Hospital e Maternidade Santa Brígida, em Curitiba (PR), por meio de sua subsidiária Clinipam.

A operação foi finalizada no valor de R$ 48,5 milhões e reforça a estratégia da companhia de expandir sua rede própria e atuação na região Sul do país.

Com um modelo de negócios verticalizado - com foco em sua rede própria de atendimento e hospitais -, o grupo NotreDame Intermédica tem investido bastante na expansão via aquisições.

A companhia adquiriu o grupo Clinipam, por R$ 2,6 bilhões, no fim do ano passado, em um movimento de entrada na região Sul do País. No mesmo ano, a Intermédica comprou outros três hospitais.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

ECONOMIA X COVID

Economia monitora variante ômicron da covid-19, mas programas de auxílio dependem da PEC dos Precatórios; pasta evita falar em gastos fora do teto

Ministério da Economia evita falar em crédito extraordinário, como acontece nos casos de guerras ou calamidades públicas

Black Friday em números

Varejo cresce 6,3% na Black Friday e vê crescimento de lojas virtuais com e-commerce aquecido; confira dados

Apesar do aumento em relação à Black Friday de 2020, o patamar de faturamento do varejo foi 9,1% inferior ao registrado em 2019

Desdobramentos da crise

Presidente da Latam, Roberto Alvo diz que recusou oferta ‘incompleta’ e ‘insuficiente’ da Azul

O conteúdo dela é confidencial”, afirmou, em entrevista coletiva. Procurada, a Azul não quis comentar

Solana no MB

Exclusivo: Solana (SOL), 5ª maior criptomoeda do mundo, chega Mercado Bitcoin com alta de mais de 12.000% no ano

A quinta maior criptomoeda do mundo vem conquistando o mercado porque se coloca como uma blockchain alternativa ao ethereum (ETH)

Pandemia em curso

Variante ômicron da covid-19 já está em dez países, mas chefe da associação médica da África do Sul vê “sintomas médios” da doença em estudo preliminar

Até o fechamento desta matéria, não haviam informações sobre infecções por essa variante da covid-19 nas Américas