Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-11-05T07:58:31-03:00
Estadão Conteúdo
Novos negócios

Fleury e Sabin criam fundo de R$ 200 milhões para inovação

Segundo as empresas, a ideia é realizar entre 15 e 18 investimentos nos próximos quatro antes em negócios da área de saúde

5 de novembro de 2020
7:58
fleury-fachada-1920×1080
Imagem: Shutterstock

Os grupos Fleury e Sabin, conhecidos pela atuação na área de medicina diagnóstica, anunciaram na quarta-feira, 4, a criação do Kortex Ventures, um fundo de investimentos em startups que nasce com R$ 200 milhões em recursos. Segundo as empresas - que, juntas, têm mais de 550 laboratórios no País -, a ideia é realizar entre 15 e 18 investimentos nos próximos quatro anos em companhias que possam trazer novidades na área da saúde e sinergias com seus negócios.

"A inovação é hoje cada vez mais uma cultura colaborativa e esse modelo não pode ficar não só no laboratório. Temos uma afinidade e uma complementaridade com o Sabin", disse Carlos Marinelli, presidente do Grupo Fleury, ao Estadão. A empresa será responsável por 70% do capital do Kortex, enquanto os outros 30% serão do Sabin.

Para Lidia Abdalla, presidente do Grupo Sabin, a intenção é de atrair startups não só pelo capital, mas também pelo conhecimento dos dois grupos. "Acreditamos que a união pode ser um fator de atração para os empreendedores."

Os investimentos devem se concentrar na área de medicina diagnóstica, medicina personalizada e saúde digital, com uso de tecnologias como inteligência artificial e análise de dados para a construção de diagnósticos focados no paciente.

Mas startups de outros setores também podem ser consideradas para investimentos, afirmam os executivos. "Se encontrarmos uma empresa de educação que tenha sinergia com a saúde e com o que fazemos, pode fazer sentido", explica Marinelli.

As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

De volta ao jogo

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 6,25%

Renda fixa “voltou ao jogo”, mas ainda não dá para ficar rico. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

entrevista

BC briga para recuperar a credibilidade e poderia ter acelerado alta da Selic, diz economista-chefe da gestora Garde

Para Daniel Weeks, BC passou mais tempo do que o necessário com a sinalização de que manteria taxa de juros muito baixas; ele avalia que aumento poderia ter sido de 1,25 ponto e que discussão sobre fim do ciclo de ajustes ainda não acabou

Seu Dinheiro na sua noite

Seguindo a rota planejada

Decisão da Selic pelo Copom, juros nos Estados Unidos, dólar em alta e muitas outras notícias que mexeram com o mercado hoje

Vai mudar

Ultrapar (UGPA3): Marcos Lutz, ex-presidente da Cosan, assumirá como CEO em janeiro de 2022

Lutz já era membro do conselho de administração da Ultrapar (UGPA3) e, após o período como CEO, deve virar presidente do colegiado

Bota para subir

Após nova alta da Selic, FMI apoia aperto monetário adotado pelo Banco Central para combater inflação

Os diretores do órgão também aprovam o compromisso do BC intervenções limitadas para conter condições desordenadas de mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies