🔴 AS BIG TECHS ESTÃO ‘SUGANDO’ DINHEIRO DA BOLSA BRASILEIRA? – VEJA COMO SE PROTEGER

Estadão Conteúdo
entrevista

‘Efeito batom da economia não apareceu’, diz presidente do Boticário

Como o custo dos produtos é baixo, mesmo em cenários de retração, os cosméticos costumam ter bom desempenho; Mas não é o que está ocorrendo durante a pandemia da covid-19, segundo Artur Grynbaum

Estadão Conteúdo
27 de maio de 2020
8:07 - atualizado às 8:12
Brasil, São Paulo, SP, 11/09/2014. Retrato do presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum. - Imagem: FELIPE RAU/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

O setor de cosméticos, em tempos de crise, é visto como um privilegiado porque é beneficiado pelo que os economistas chamam de "efeito batom". Como o custo dos produtos é baixo, mesmo em cenários de retração, os cosméticos costumam ter bom desempenho.

Mas não é o que está ocorrendo durante a pandemia da covid-19, segundo o presidente do Grupo Boticário, Artur Grynbaum. "Nessa crise, o efeito batom não apareceu porque o convívio social ficou prejudicado", disse o executivo, que participou na terça-feira, 26, da série de entrevistas ao vivo Economia na Quarentena, do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia, a seguir, os principais trechos da entrevista:

Como será a retomada das lojas O Boticário?

O plano já está em marcha. Hoje, temos 4 mil lojas, sendo que cerca de 2,5 mil já abertas em diversas regiões. Obviamente, são cidades menores. Estamos orquestrando com nossos franqueados e distribuidores para retomarmos de maneira segura. Para isso, temos de ter as nossas fábricas em funcionamento e nossa distribuição. Os nossos escritórios estão em home office.

O setor de cosméticos é de experimentação. Vocês estão revendo alguns desses processos?

Estamos revisitando tudo. É muito importante a segurança dos consumidores que iremos voltar a receber. Teremos padrões de distanciamento dentro e fora das lojas. Retiramos todos os testes, que foram colocados todos atrás do caixa. A consultora pegará uma fita ou um produto de forma altamente higienizada. Na maquiagem, estamos colocando instrumentos digitais no ponto de venda para que se possa fazer maquiagem virtual.

O grupo tem a maior rede de franqueados do País. Eles estão recebendo auxílio?

Num primeiro momento, tratamos da questão financeira. Fizemos prorrogações dos títulos de março e abril para que eles tivessem mais tempo para olhar operações e times, além de contratos de locação. Fizemos um longo parcelamento de produtos.

Os setores vão se recuperar de forma desigual. Como o setor de cosméticos deve se comportar?

Num primeiro momento da pandemia, as pessoas se voltaram para as necessidades essenciais. A busca foi para álcool em gel, sabonetes. Na sequência, itens de uso rotineiro, como xampus, desodorantes - coisas que as pessoas continuaram a consumir. Nesse período, surgiu a figura do faça você mesmo. Então, as pessoas estão buscando produtos para aplicar em casa.

Como está o movimento das lojas?

A volta é bastante lenta. Nos primeiros dias, tem um certo consumo represado. Fora isso, o movimento é lento. As lojas de shoppings ainda estão com movimento bastante baixo, assim como as das regiões centrais da cidade. Nas lojas de bairro e de hipermercados, o movimento está melhor. As pessoas associam a questão os cosméticos como um setor resiliente à crise. As pessoas associam ao 'feito batom' Só que, nesta crise, o efeito batom não apareceu porque o convívio social está prejudicado. Esperamos que retorne na sequência.

O cenário econômico está muito difícil de prever?

Está bastante turvo o cenário, está difícil entender a dimensão da crise. A crise não é só de saúde, é econômica e aqui no Brasil ainda tem o componente político. Isso dificulta números mais assertivos de retomada. A gente entende que não vai ser uma questão de três ou quatro meses. Vai demorar para voltar ao ponto em que estávamos em março de 2020. É um ledo engano pensar que vai ser rápido. Quanto mais volatilidade, mais fica difícil de prever. Temos nossas curvas de demanda, e temos de estar preparados para acelerações ou recuos. Mas está turvo, porque hoje estamos dependendo de humores. E precisamos olhar para fundamentos para tomar melhores decisões.

A empresa lançou mão de medidas do governo de suspensão de contratos ou corte de salários por causa da pandemia?

Estamos tentando preservar o máximo possível de empregos. Lançamos mão da MP 936 e colocamos contratos em suspensão. Depois desse período, a gente espera ter uma visão melhor e mais condições de tomar decisões lá na frente.

Como o Grupo Boticário decide a reabertura de lojas? Há um acompanhamento próprio da situação em diferentes regiões?

Fazemos um acompanhamento próprio, com cuidado na reabertura das lojas. O pilar essencial é a segurança das pessoas. Temos acompanhando decretos municipais e estaduais, mas fazemos acompanhamento separado de número de casos, mortes e leitos disponíveis. Em posse disso, conversamos com os franqueados de cada região. Em Belém, fechamos as lojas em 22 de março. A autoridade pública só determinou o fechamento em 25 de abril, mais de um mês depois.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Compartilhe

MEIOS DE PAGAMENTO

Cielo se prepara para sair da bolsa e uma dupla de empresas de maquininhas pode surfar essa onda, mas o Santander tem uma favorita

12 de junho de 2024 - 17:33

Os analistas avaliam que existe uma boa janela de curto prazo para a Stone e a PagSeguro em meio à queda das ações e à OPA da Cielo; veja quem é a preferida

Rali das “meme stocks”

‘Efeito Roaring Kitty’ faz GameStop levantar mais de US$ 2 bilhões com venda de ações

12 de junho de 2024 - 16:04

Varejista de videogames vendeu 75 milhões de ações após volta de trader que inspirou o épico ‘short squeeze’ em 2021

Mercado acionário

Bank of America corta preço-alvo para ações de bancões brasileiros, mas mantém recomendação

12 de junho de 2024 - 15:10

Combinação de receitas diversificadas, funding, controle de custos e balanços fortes são os fatores positivos apontados pelos analistas

DINHEIRO NO BOLSO

Dividendos milionários: Grupo Mateus (GMAT3) vai pagar mais de R$ 134 milhões para acionistas; confira os prazos e como receber

12 de junho de 2024 - 12:50

O anúncio da distribuição do JCP ocorre em um momento positivo para a companhia, que vem contrariando a crise no varejo

Quem vai ficar com ela

Acionistas da Braskem descartam negociação com a Petrochina

12 de junho de 2024 - 11:42

Companhia informou à CVM que seus controladores, Petrobras e Novonor, negam as negociações

UM NOVO PEDIDO

Vale (VALE3), BHP e Samarco fazem nova proposta bilionária por desastre em Mariana — mas ainda é menos do que o governo exige

12 de junho de 2024 - 10:39

Junto com a BHP Brasil e a Samarco, as mineradoras se propuseram a pagar R$ 140 bilhões pela tragédia na barragem

MAIS UMA FATIA

Do papel ao pano, Suzano (SUZB3) entra no ramo têxtil e compra 15% de fabricante de fibras por cerca de R$ 1,3 bilhão

12 de junho de 2024 - 8:54

Além da aquisição, o acordo com acionistas da B&C inclui o direito da Suzano a duas cadeiras no conselho de administração da Lenzing

ENTREVISTA EXCLUSIVA

Diversidade de gênero: presidente da ABVCAP anuncia iniciativa para impulsionar mulheres em carreiras de investimentos

11 de junho de 2024 - 19:45

Em entrevista ao Seu Dinheiro, Priscila Rodrigues, presidente da Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital contou detalhes do projeto de incentivo a mulheres

CONFIRA OS CENÁRIOS

Rede D’Or (RDOR3) quer recomprar até R$ 1 bilhão em ações e deve usar reserva de lucros para isso; como ficam os acionistas?

11 de junho de 2024 - 18:38

A empresa poderá adquirir até 30 milhões de ações ordinárias, soma que corresponde a 10% do total em circulação no pregão de ontem

APÓS FUSÃO FRUSTRADA

Santander corta o preço-alvo da PetroReconcavo (RECV3), mas mantém recomendação de compra e ações saltam 4% na bolsa

11 de junho de 2024 - 15:25

Para o segundo semestre, a expectativa é de que a PetroReconcavo pise no acelerador, para uma média de 27 mil boed até o fim de 2024 e de 31 mil boed em 2025

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar