Menu
2020-11-21T14:36:01-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Combustível a hidrogênio

China quer avançar em ideia menosprezada durante anos por Elon Musk

Governo chinês informou que o país se concentrará no uso de veículos movidos a hidrogênio, em vez das baterias elétricas como as usadas nos carros da Tesla

21 de novembro de 2020
14:34 - atualizado às 14:36
Elon Musk, CEO da Tesla
Elon Musk, CEO da Tesla - Imagem: Reprodução YouTube

A China começa a avançar em uma ideia que foi ridicularizada por Elon Musk, o bilionário CEO da fabricante de carros elétricos Tesla: o desenvolvimento de carros, caminhões e ônibus movidos a hidrogênio. O governo chinês inclusive passou a oferecer recompensas às cidades que atingirem as metas de adoção.

Musk passou anos zombando da ideia de usar células de combustível de hidrogênio em vez de baterias elétricas nos veículos verdes da próxima geração. “Células de combustível = bobagem vende”, publicou no Twitter o CEO da Tesla.

Leia também:

O Conselho de Estado da China informou que o país se concentrará na construção da cadeia de abastecimento de células de combustível e veículos movidos a hidrogênio. O presidente Xi Jinping definiu um prazo de 2030 para a China começar a reduzir as emissões de carbono.

A China tem como meta ter 1 milhão de veículos com célula de combustível em operação até 2030, de acordo com um plano de desenvolvimento de veículos de economia de energia elaborado pelas autoridades, apesar de apenas 2.700 desses carros terem sido vendidos no ano passado.

Elon Musk não está sozinho no ceticismo em relação às células de combustível. Elas são menos eficientes do que as baterias e o custo de construção de infraestrutura, como postos de abastecimento, é muito mais alto.

Os veículos com células de combustível “continuarão a ser um fracasso comercial nas próximas duas décadas”, escreveu a IDTechEx, uma empresa de pesquisa de Cambridge, na Inglaterra.

*Com informações da Bloomberg

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Energia elétrica

IPCA pode ir a 6,5% na bandeira vermelha

A bandeira vermelha 2, que tem custo adicional de R$ 6,243, iria a R$ 7,571 caso adotada a proposta da consulta pública

Esquenta dos Mercados

Relatório da inflação, leitura do PIB dos EUA e queda de ministro devem guiar a bolsa hoje

Assim como uma noite no deserto, o investidor deve ficar atento aos sinais para atravessar um momento de dificuldade

Volta ao original

Câmara rejeita emendas do Senado e retoma texto original de MP que eleva imposto para bancos

Deputados retomaram a alíquota de 25% na CSLL também para as agências de fomento e bancos de desenvolvimento estaduais

Para dar e vender

Defensivas e com potencial de crescimento: como as ações do setor de saúde ainda podem dar muitas alegrias na bolsa

A combinação de baixo endividamento, bons níveis de caixa e espaço para consolidação tornam as ações do segmento muito atrativas, segundo analistas

Fernando Cirne

A importância das fusões e aquisições para a Locaweb

Já avaliamos mais de 1.900 empresas e, desde o IPO, concluímos 10 importantes aquisições, que se somaram às outras seis concretizadas antes da abertura de capital

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies