Menu
2020-03-23T10:11:51-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
Cursando jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Hora do e-commerce brilhar

Principais varejistas fecham as portas por tempo indeterminado como medida contra o coronavírus

Magazine Luiza também cancelou a realização das suas Assembleias Gerais Ordinárias e Extraordinárias que estavam marcadas para o dia 9 de abril

23 de março de 2020
9:47 - atualizado às 10:11
shutterstock_655654483
Imagem: Shutterstock

O avanço do coronavírus no Brasil tem obrigado empresas a se adaptarem a uma nova realidade para evitar a propagação e contágio da doença.

Em muitos estados, somente serviços essenciais estão autorizados a funcionar durante o período de quarentena. Assim, as empresas já começam a se articular para se adequarem às novas regras ou expandir para outros territórios as medidas preventivas.

Um dos setores mais afetados é o varejista. Muitas companhias já adotaram as medidas de contenção em todo o país, encerrando as atividades nas lojas físicas por tempo indeterminado.

A Via Varejo, dona das Casas Bahia e Ponto Frio, e o Magazine Luiza, dois gigantes do setor, foram os últimos a anunciarem o fechamento de suas lojas físicas.

Segundo o comunicado divulgado pela Via Varejo, lojas de rua e de shoppings ficarão fechadas e a companhia avalia qual será o melhor momento para reabertura. O setor de e-commerce permanece operando normalmente, assim como os canais de atendimento online e por telefone da empresa.

Além de fechar suas lojas físicas, o Magazine Luiza também cancelou a realização das suas Assembleias Gerais Ordinárias e Extraordinárias que estavam marcadas para o dia 9 de abril. Para se preparar para o período, a empresa reforçou o seu e-commerce, expandindo o leque de produtos disponíveis e a oferta de frete grátis. As medidas começam a valer nesta segunda-feira (23).

Na semana passada, as Lojas Renner já haviam anunciado o fechamento de suas lojas físicas no Brasil, Uruguai e Argentina.

A Guararapes, controladora da Riachuelo, também já havia anunciado a decisão de suspender as operações em todas as lojas físicas por tempo indeterminado em todo país. As Lojas Marisa e C&A também estão operando apenas via e-commerce.

Shoppings

Os shoppings também correm para adotar medidas de prevenção.

Agora pela manhã, a BR Malls anunciou a suspensão das operações de todos os seus 31 shoppings centers no Brasil a partir de hoje.

A Multiplan e a o Iguatemi também suspenderam temporariamente o funcionamento de algumas das suas unidades. A primeira paralisou operações em Canoas (RS), Curitiba, Jundiaí (SP), e em Ribeirão Preto (SP) durante o fim de semana. Já o Iguatemi segue as diretrizes do governo do Estado de São Paulo, com as unidades de Sorocaba (SP), São Carlos (SP), Ribeirão Preto (SP) e São José do Rio Preto (SP) permanecendo com as portas fechadas.

*Conteúdo em atualização

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Pior ainda

‘Estamos em recessão, bem pior do que a crise financeira de 2008’, diz diretora do FMI

Diretora do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva afirmou que a recessão global decorrente do coronavírus já é uma realidade e que será “bem pior” que a crise financeira de 2008/2009

Carta aos cotistas

Gestora Legacy está comprada em ouro e vem aumentando posição em ações americanas

Em carta, gestora diz que acredita que economia americana é a mais apta a se recuperar da crise com rapidez; ouro é alternativa em meio a deterioração fiscal e monetária das moedas

Datafolha

Aprovação de Bolsonaro cai a 33% e do Ministério da Saúde dispara a 76%, diz Datafolha

Pesquisa do Datafolha divulgada nesta sexta-feira, 3, mostra que a aprovação dos brasileiros ao Ministério da Saúde, liderado por Luiz Henrique Mandetta, subiu 21 pontos percentuais (p.p), de 55% na pesquisa anterior

bolso afetado

Para 50%, coronavírus causou impacto na situação financeira pessoal, diz pesquisa

Proporção de pessoas que considera que suas dívidas vão aumentar ou aumentar muito disparou de 25% para 45%

fatia maior para o motorista

Senado eleva rendimento de motorista de aplicativo até outubro

Alteração obriga empresas como Uber, Cabify e 99 a reduzirem em ao menos 15% o valor retido nas corridas

em busca de soluções

Magazine Luiza, GPA e outras empresas promovem movimento #NãoDemita

Grandes bancos, fabricantes de alimentos, empresas de tecnologia, saúde e investimentos estão endossando uma campanha para evitar a demissão

perspectivas

Economia volta à retomada no 2º semestre, diz economista-chefe do Bradesco

Para Fernando Honorato Barbosa, o setor de serviços será o último a se recuperar

Reprovação aumenta

Governo Bolsonaro tem 42% de avaliação ‘ruim’ ou ‘péssima’ em abril, diz pesquisa

É o maior nível de avaliações ruins ou péssimas desde o início do mandato, mas ainda estável no limite da margem de erro

Virada de mão

“Vai faltar real para comprar dólar no preço atual”, diz Márcio Appel, da Adam Capital

Depois de ganhar dinheiro com a desvalorização cambial, gestor deixou de apostar na alta do dólar contra o real e avalia comprar a moeda brasileira

medida anticrise

Senado aprova texto-base de projeto que suspende prazos contratuais até outubro

Medida coloca no papel flexibilizações durante a pandemia do novo coronavírus no País e dependerá agora de chancela da Câmara

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements