Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-07T11:37:36-03:00
Estadão Conteúdo
efeito da crise

Preço da gasolina cai 8% nos postos em abril, aponta ValeCard

Com a redução da circulação de veículos por conta da pandemia do novo coronavírus, o consumidor pagou em média R$ 4,23 pelo litro da gasolina no mês passado

7 de maio de 2020
11:37
Posto de combustível em Brasília
Posto de combustível em Brasília - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O preço médio da gasolina comum nos postos no Brasil caiu 8% em abril na comparação com março. Com a redução da circulação de veículos por conta da pandemia do novo coronavírus, o consumidor pagou em média R$ 4,23 pelo litro da gasolina no mês passado.

Em comparação com o valor médio de janeiro (R$ 4,762), a queda já chega a 11,17%. O levantamento foi feito pela ValeCard, empresa especializada em soluções de gestão de frotas.

Rio de Janeiro (R$ 4,678) e Acre (R$ 4,67) foram os Estados com o combustível mais caro no País. Já Paraná (R$ 3,777) e Santa Catarina (R$ 3,863) apresentaram os preços mais baratos.

Os Estados que tiveram as maiores quedas no valor da gasolina em abril foram Paraná (-13,85%), Distrito Federal (-12,95%) e Mato Grosso (-11,51%). O Amapá foi o único estado a registrar alta no valor em abril (2,76%).

Obtidos por meio do registro das transações realizadas em abril com o cartão de abastecimento da ValeCard em cerca de 20 mil estabelecimentos credenciados, os dados mostram que Belém (R$ 4,722) e Rio de Janeiro (R$ 4,676) tiveram os preços mais altos entre as capitais. Curitiba (R$ 3,598) e Brasília (R$ 3,868) foram as capitais com preços mais baixos.

Ainda que em menor proporção, a queda do preço da gasolina nas bombas acompanhou a redução dos preços nas refinarias. Há expectativa sobre os valores agora em maio.

Ontem, a Petrobras informou aos seus clientes que aumentou o preço da gasolina em 12% em suas refinarias. A companhia informou que o preço estava em defasagem em relação ao mercado internacional há algum tempo.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Crise hídrica

Ministro de Minas e Energia descarta racionamento e diz trabalhar para evitar apagão

Com níveis alarmantes nas usinas hidrelétricas, até mesmo a volta do horário de verão é considerada por alguns membros do governo e indústria

Negócio da China?

SEC confirma pausa em IPOs de empresas chinesas; agência reguladora dos EUA fará novas orientações sobre riscos

Em meio à ofensiva regulatória de Pequim, a SEC busca novas orientações ao mercado sobre os riscos envolvidos em comprar ações de companhias do país asiático

Passo à frente

Rumo ao “outro patamar”: EQI, que trocou a XP pelo BTG, recebe autorização para abrir corretora

Depois de ser pivô de disputa entre os bancos, escritório de agentes autônomos dá um passo decisivo para ter “vida própria” no mercado

Estreia forte

Ações da ClearSale estreiam na bolsa com disparada de 20% após IPO

No 40º IPO na B3 no ano, empresa de soluções antifraude movimentou pouco mais de R$ 1 bilhão

Deu ruim, Jeff Bezos

Quando o bom não é suficiente: Amazon despenca e afunda o Nasdaq após trimestre frustrante

As ações da Amazon têm a maior queda desde março do ano passado, afetadas pela perspectiva de desaceleração no crescimento das receitas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies