2020-04-16T10:54:31-03:00
Estadão Conteúdo
fala, secretário

‘Não é preciso privatizar por privatizar’, diz Mansueto

Secretário do Tesouro diz que pergunta chave é se o serviço consegue fazer seu trabalho de forma adequada; ele afirma que é muito claro que os países entrarão em recessão

16 de abril de 2020
10:53 - atualizado às 10:54
O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida
O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida, reconheceu a importância das privatizações no País, mas ponderou que é preciso reconhecer também a eficiência de cada instituição, seja ela pública ou privada, antes de tomar qualquer decisão.

"A pergunta chave é se o serviço está conseguindo fazer seu trabalho de forma adequada. Não podemos ter preconceito por uma instituição ser pública ou privada. O que não é necessário é ter cinco, dez bancos públicos", afirmou, em entrevista à Globo News.

O ministro da economia, Paulo Guedes, disse, reconhece que empresas do serviço público e que são eficientes não precisam ser privatizadas. "É para o debate ir para uma área mais racional."

Mansueto reafirmou que o Tesouro tem um colchão de liquidez e que não passa por dificuldades para se financiar. Disse que assim que a crise por conta do coronavírus passar, o Tesouro voltará a captar. "Estamos muito bem. Não temos pressa de ir a mercado. Não há problema de financiamento", garantiu.

De acordo com o secretário, é muito claro que alguns países entrarão em recessão, porém a magnitude da queda do PIB em vários locais, inclusive no Brasil, é uma incógnita. "Devemos aproveitar esse período de crise para economizar lá na frente e termos fôlego para uma próxima crise."

Também é evidente que Estados e municípios necessitem de ajuda. No entanto, é preciso haver diálogo para que essa ajuda seja por um tempo certo. "É claro que governadores e prefeitos precisam de ajuda, e não por um período que possa comprometer. Não há embate com Congresso, mas há visões diferentes. Temos de respeitar posições divergentes, sentarmos para chegarmos a um meio termo. A diferença entre nós, uma delas, é por quanto tempo deve perdurar essa ajuda", descreveu. "Preferimos ajuda por três meses e se precisar, debateremos um aumento. É um debate técnico e acredito que na boa conversa chegaremos a um meio termo", reforçou.

O secretário disse que o Brasil está preparando para um "lockdown" de três meses e que nenhum país ficou isolado por mais tempo. "Nenhum está colocando um 'lockdown' tão grande. Estamos nos preparando para três meses. Se for necessário, ampliaremos", disse.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

DESTAQUES DO DIA

Commodities brilham e Gerdau (GGBR4), Braskem (BRKM5) e PetroRio (PRIO3) puxam recuperação do Ibovespa

Enquanto o Ibovespa sobe mais de 1%, o bom desempenho das empresas ligadas ao setor de commodities puxam a recuperação do índice

Bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin começa dezembro em alta e se mantém nos US$ 58 mil; Terra (LUNA) e Shiba Inu (SHIB) são destaques entre as altcoins

As criptomoedas deixam para trás um final de mês difícil e avançam apesar das últimas declarações da secretária do Tesouro dos EUA sobre a regulamentação de stablecoins

Conteúdo NovaDAX

NovaDAX diversifica portfólio com listagem de cinco novas moedas

Os investidores da plataforma agora tem mais opções de trade

BURACO NEGRO

Empresa de Elon Musk à beira da falência? Bilionário admite que o risco é real se a SpaceX não decolar

Em e-mail enviado aos funcionários, CEO descreve a existência de uma crise muito pior do que a imaginada no desenvolvimento dos motores Raptor

Índice em expansão

Casa cheia: Porto Seguro (PSSA3) e Positivo (POSI3) entram na primeira prévia do novo Ibovespa

As units da GetNet (GETT11) foram excluídas da carteira nessa primeira prévia; com isso, o Ibovespa começaria 2022 com 93 ativos