Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-02-15T10:40:09-03:00
Estadão Conteúdo
Emprego

Informalidade cresce e é recorde em 20 estados

Apesar do aumento da ocupação, qualidade do trabalho ainda precisa melhorar; geração de vagas se concentra no estado de São Paulo.

15 de fevereiro de 2020
10:40
Prédios em São Paulo
Prédios na avenida Paulista: geração de vagas formais se concentra no estado de São Paulo. - Imagem: Shutterstock

A estudante universitária Dennyse Sousa, 24, mora em Belém (PA) e trabalha desde os 16 anos. Nunca teve a carteira assinada. Ela estagiou, foi babá, atendente em uma gráfica e freelancer em eventos como demonstradora de produtos em supermercados. Há três anos, vende brincos e acessórios artesanais. "Como não conseguia um emprego fixo, com carteira assinada, eu tive que tentar várias maneiras de conseguir alguma renda. Queria aliviar as despesas da família", diz.

A história de Dennyse ilustra a informação divulgada ontem pelo IBGE de que a melhora na qualidade do emprego gerado no País ainda está concentrada em poucos locais, especialmente em São Paulo, segundo os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua).

No ano de 2019, a taxa de informalidade alcançou recorde em 19 Estados, além do Distrito Federal. Na média do Brasil, a taxa de informalidade foi de 41,1%, o equivalente a 38,4 milhões de pessoas entre os trabalhadores ocupados. Mas esse porcentual subia a 62,4% no Pará, onde reside Dennyse. No Maranhão, 60,5% dos trabalhadores ocupados eram informais. No Estado de São Paulo, a taxa de informalidade média foi de 32,0% no ano passado, também o nível mais elevado da série iniciada em 2016.

"O ano de 2019 é importante, porque é o terceiro ano seguido com aumento na ocupação. Mas outros indicadores mostram que a qualidade desse trabalho que está sendo gerado ainda carece de uma melhora", ponderou Adriana Beringuy, analista da Coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE.

Na passagem do terceiro trimestre de 2019 para o quarto trimestre do ano, a taxa de desemprego teve um recuo estatisticamente significativo - ou seja, superou a margem de erro - em apenas nove das 27 Unidades da Federação. Em São Paulo, a taxa de desemprego desceu de 12,0% para 11,5%, movimento semelhante ao da média nacional, que saiu de 11,8% para 11,0% no período.

Foram abertas 593 mil vagas com carteira assinada no setor privado em todo o País no último trimestre do ano passado, sendo mais da metade delas em São Paulo, que gerou 324 mil postos formais a mais no período. Em todo o Brasil, apenas quatro Estados tiveram avanço significativo na carteira assinada no último trimestre do ano: São Paulo, Rondônia, Paraíba e Sergipe.

O Estado de São Paulo abriu 473 mil vagas formais no setor privado no período de um ano. "A gente não vê nenhuma atividade se destacando. Tudo indica que foi uma soma de pequenas reações setoriais. Não foi a indústria que reagiu em São Paulo e começou a contratar com carteira na região. Não parece ser isso", disse Adriana.

No quarto trimestre de 2019, o País ainda tinha 11,632 milhões de desempregados, sendo 2,910 milhões deles em busca de emprego há pelo menos dois anos.

E entre esses desempregados está Dennyse, a estudante do início deste texto, que segue vendendo brincos por meio das redes sociais e em eventos. Sem emprego formal, são essas vendas que ajudam com as despesas da faculdade, tarifa de transporte público, produtos de higiene, entre outras. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Logística portuária

Alaska aceita proposta para vender da Log-In (LOGN3) para MSC; ação sobe mais 7% hoje

A gestora é a principal acionista da companhia, com uma participação de 45% do capital da Log-In; cota do fundo subiu ontem apesar da queda do Ibovespa

Gestão de ativos

Alívio nos ares: Gol (GOLL4) refinancia R$ 1,2 bi em dívidas de curto prazo

Com isso, o endividamento de curto prazo da companhia aérea ficará ao redor de R$ 500 milhões — o que representa o menor nível desde 2014

Exile on Wall Street

Entre renda e multiplicação de capital, você pode ficar com os dois — Veja como

Você se lembra da sua primeira conta poupança? A minha e a do meu irmão foram abertas por volta dos meus 11 anos, quando nossos pais nos levaram ao banco para depositar o dinheirinho acumulado de nossas três fontes de renda — as moedas de casa, o troco dos lanches da escola e as generosas […]

Não é 'block' mas é 'chain'

Aceita bitcoin: Tráfico de drogas no Rio de Janeiro aceitava criptomoedas por WhatsApp; envolvidos são presos

O grupo coordenava o envio, estoque, compra e venda por meio de um grupo “oficial” no aplicativo de mensagens

MERCADOS HOJE

Aumento do IOF pega mal e Ibovespa recua mais de 1%; dólar sobe a R$ 5,32

Depois de meses de especulação e preocupação, a saída encontrada pelo governo federal para financiar o novo Bolsa Família, rebatizado de Auxílio Brasil, não agradou o mercado e o Ibovespa começa refletindo esse mau humor.  Ontem, o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que eleva o Imposto sobre Operações Financeiras até dezembro, o que deve […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies