Menu
2020-02-03T16:02:00-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
ELEIÇÕES AMERICANAS

Super Bowl traz campanhas de Trump e Michael Bloomberg e dá ‘teaser’ da disputa eleitoral nos EUA

Nos intervalos da partida entre Kansas City Chiefs e San Francisco 49ers, os dois candidatos gastaram cerca de US$ 11 milhões, algo em torno de R$ 47 milhões, para veicular campanhas publicitárias por cerca de 60 segundos

3 de fevereiro de 2020
14:08 - atualizado às 16:02
trump e bloomberg
Imagem: YouTube

A final do campeonato de futebol americano, NFL, ontem (2) foi marcada uma batalha para além dos campos. De olho na corrida presidencial, o atual presidente norte-americano Donald Trump e o candidato à presidência, Michael Bloomberg duelaram nos televisores para defender suas candidaturas no maior evento do mercado publicitário americano.

Nos intervalos da partida entre Kansas City Chiefs e San Francisco 49ers, os dois candidatos gastaram cerca de US$ 11 milhões, algo em torno de R$ 47 milhões, para veicular campanhas publicitárias por cerca de 60 segundos. De acordo com o New York Times, nunca antes dois candidatos à presidência do país haviam exibido anúncios nacionais durante o Super Bowl.

E a disputa nas telas é apenas reflexo de que a corrida eleitoral será quente. Ao longo dos dois comerciais veiculados durante a partida, Trump preferiu destacar os primeiros anos no cargo e celebrou o aumento na segurança no país.

Para isso, ele apresentou temas e imagens ligados às mudanças feitas pelo governo que enfatizavam a queda no desemprego e o fato de que os Estados Unidos estariam mais "fortes, seguros e prósperos agora".

Já Michael Bloomberg optou por apresentar o outro lado da segurança americana. O candidato pelo partido democrata contou histórias de crianças e jovens que foram mortos pela violência armada.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

tensão nos negócios

Varejo raciona e acusa indústria de reajustar preços

Fornecedores, por sua vez, alegam aumento de demanda e questões operacionais para essa alta, como o custo logístico

baixa pelo coronavírus

Latam reduz operações em 95% em abril

Afetada pela pandemia do novo coronavírus, Latam Airlines Brasil diz que continuará voando para 39 destinos com frequências reduzidas

Maior nível em quase um mês

Ações da Petrobras disparam mais de 10% após Trump sinalizar uma trégua na guerra de preços do petróleo

As ações da Petrobras sobem mais de 10%, na esteira da valorização do petróleo — lá fora, cresce a expectativa quanto a um acordo entre russos e sauditas

Não tão rápido...

Pagamento de benefícios não vale para salários de março, afirma secretário do Trabalho

Questionado sobre a nova MP do governo federal, Dalcolmo disse que o pagamento – que complementa a renda de quem tiver o salário reduzido – diz respeito apenas ao mês já trabalhado

Exile on Wall Street

Investimos em conversas que vão longe

São raros os dias em que tudo cai — ou tudo sobe —, e eles sugerem um mercado irracional, que não sabe bem o que está fazendo.

covid-19 no radar

Fitch reduz previsões de preço do petróleo por coronavírus e excesso de oferta

Para 2021, as novas projeções de preços médios da Fitch são de US$ 42 o barril de WTI e de US$ 45 o barril de Brent. Antes, eram de US$ 45 para o WTI e US$ 48 para o Brent.

dados da receita

Arrecadação de impostos soma R$ 116 bilhões em fevereiro

Impulsionada pelo resultado de janeiro, no primeiro bimestre, a arrecadação federal somou R$ 291,421 bilhões, segundo a Receita

novidade do banco central

BC vai editar circular regulamentando empréstimos com letras financeiras

Ainda haverá um prazo para operacionalização do instrumento. O BC não divulgou uma estimativa de quando, de fato, os empréstimos começarão a ser feitos

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

medida anticrise

Governo calcula que 25 milhões terão salário reduzido para evitar alta acentuada do desemprego; entenda

Num cenário sem as medidas, o governo estima que as demissões poderiam atingir até 12 milhões de trabalhadores; país já tem 12,3 milhões de desempregados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements