Menu
2020-12-19T12:20:42-03:00
Marina Gazzoni
Marina Gazzoni
CEO do Seu Dinheiro. É CFP® (Certified Financial Planner). Tem graduação em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e MBA em Informação Econômico-Financeira e Mercado de Capitais no Instituto Educacional BM&FBovespa. Foi Diretora de Conteúdo e editora-chefe do Seu Dinheiro, editora de Economia do G1 e repórter de O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo e do portal IG.
seu dinheiro no sábado

Seu Dinheiro no sábado: Bolsa no azul, ações assimétricas e como escapar do leão

19 de dezembro de 2020
12:09 - atualizado às 12:20
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Quem aguentou o tranco dos mercados em 2020, finalmente, tem motivos para sorrir. Não é que o Ibovespa recuperou os pontos perdidos para o coronavírus e agora está no azul no acumulado deste ano?

Na sexta-feira, o Ibovespa fechou aos 118.023 pontos, uma alta de 2,1% no ano. Ufa!

Ponto para quem teve sangue frio para suportar a queda dos mercados. Felizmente, não só os veteranos, mas também os novatos se saíram bem, como mostrou uma pesquisa com os novos investidores pessoas físicas (veja mais abaixo).

Se você estava na correria para comprar presente de Natal, resolver tudo no trabalho antes de sair de férias ou mesmo faxinar a casa para receber a família e acabou perdendo tudo isso, fica tranquilo. Eu separei para você o que de melhor rolou no Seu Dinheiro nesta semana.

1 - O investidor pessoa física não é bobo

Uma pesquisa da B3 com 1.371 pessoas que investiram pela primeira vez na bolsa entre abril de 2019 e de 2020 quebrou uma série de tabus. A maioria dos investidores pessoa física não é bobo, busca diversificar a carteira, não entrou na bolsa pensando em ‘day trade’ e não vai sair correndo no primeiro susto dos mercados. Veja aqui mais detalhes sobre quem são os novos investidores da bolsa e como eles estão lidando com os mercados.

2 - Welcome to Brazil

Não foi só a pessoa física que embarcou na bolsa brasileira. Na reta final de 2020, os investidores estrangeiros entraram em peso na B3. No mês de novembro, a bolsa recebeu o maior fluxo de capital externo desde 1995, quando começou a registrar esse número. Em dezembro, o dinheiro continua chegando. O Ivan Ryngelblum mostra nesta reportagem por que os gringos estão investindo no Brasil.

3 - Qual a boa da bolsa?

Se você está pensando em entrar na bolsa agora ou já está nela e procura ações para comprar, recomendo fortemente a leitura da última coluna do Matheus Spiess. Ele fala sobre como encontrar as grandes oportunidades da bolsa, ou seja, ações que, por uma assimetria, estão valendo menos do que seus fundamentos sugerem.

4 - Dona de termelétrica e queridinha do mercado?

O Ruy Hungria trouxe uma discussão interessante nesta semana: vale a pena investir na Eneva em tempos de ESG e pressões ambientais? A empresa é dona de termelétricas e ainda assim é uma das queridinhas do mercado. O Ruy indica a compra da ação da Eneva e dá os motivos aqui.

5 - Você ainda pode fazer algo pelo seu dinheiro em 2020

Antes de entrar no clima de festas de fim de ano e colocar o “Então é Natal”, da Simone, pra tocar, vale fazer um esforcinho extra em 2020 para melhorar sua vida financeira. A Julia Wiltgen elencou quatro atitudes que você pode ter ainda este ano para pagar menos imposto em 2021.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro no sábado", newsletter semanal do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Indústria em expansão

Brasil vive ‘boom’ de gestoras de recursos

De janeiro a março, Anbima registrou 27 novas gestoras

Pandemia

Governo proíbe entrada de estrangeiros em voos provenientes da Índia

Restrição vale também para Reino Unido, Irlanda do Norte e África do Sul

Imposto de renda

Cerca de 12 milhões de pessoas ainda não enviaram declaração

Balanço foi divulgado pela Receita Federal na sexta-feira; prazo termina em 31 de maio

COLUNA DO JOJO

Como Jojo Wachsmann investiria o prêmio de R$ 1,5 milhão de Juliette, campeã do BBB21

CIO da Vitreo conta como alocaria uma carteira diversificada, segura e rentável com o prêmio do maior reality show do Brasil

Vai e vém

Demanda por crédito no Brasil cai 11% em abril, mas sobe 231% em 12 meses

Oscilação do índice medido pela Neurotech é atribuída a sazonalidade

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies