Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-08-17T20:17:38-03:00
seu dinheiro na sua noite

Guedes e Bolsonaro, a história de um casamento — ou de um divórcio

17 de agosto de 2020
20:17
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Jair Bolsonaro gosta de usar metáforas de relacionamento em seus pronunciamentos e entrevistas. Em 2018, quando ainda era pré-candidato à Presidência, assumiu um “namoro” com o economista Paulo Guedes.

Parecia uma relação com poucas chances de dar certo. Porém, contrariando os prognósticos, eles acabaram indo para o altar com a vitória de Bolsonaro nas eleições.

A união contou com as bênçãos do mercado, que viu no casamento uma oportunidade inédita de o governo implementar uma agenda liberal na economia.

Como todo relacionamento, o de Bolsonaro e Guedes já teve seus altos e baixos. Mas até aqui o presidente manteve a promessa de dar ao ministro autonomia na condução da pauta econômica.

Do seu lado, Guedes permaneceu fiel ao presidente inclusive nos momentos mais delicados, notadamente na época da ruidosa saída de Sergio Moro do governo.

Mas Bolsonaro agora ensaia um flerte na direção das alas que defendem uma maior intervenção do Estado na economia. Afinal, o aumento de gastos durante a pandemia lhe rendeu o doce prazer da popularidade — algo que Guedes não foi capaz de proporcionar.

Uma eventual pulada de cerca — ou melhor, do teto de gastos — pode ser a senha para um divórcio entre o presidente e seu ministro. E o risco de um rompimento pesou bastante no mercado financeiro nesta segunda-feira.

O Ibovespa caiu quase 2% e voltou a ficar abaixo dos 100 mil pontos, enquanto o dólar disparou e encostou mais uma vez na marca de R$ 5,50. O Ricardo Gozzi conta para você como o desgaste na relação entre Bolsonaro e Guedes mexeu com o humor dos investidores.

POLÍTICA

 Enquanto o mercado teme pela permanência de Guedes, Bolsonaro curte um aumento de popularidade, que passou de 30% em julho para 37% em agosto. A rejeição ao governo também caiu, segundo a pesquisa XP/Ipespe.

MERCADOS

 A B3 confirmou a inclusão de PetroRio e EZTec no Ibovespa, de acordo com a segunda prévia do principal índice da bolsa. Com as inclusões, índice terá 77 ativos de 74 empresas. Magazine Luiza e Via Varejo ganharam peso maior.

 Warren Buffett também entrou na corrida do ouro. A holding do bilionário adquiriu cerca de 21 milhões de ações da mineradora Barrick Gold, por US$ 564 milhões. O mercado gostou da nova tacada do investidor.

 Por falar em ouro, o nosso colunista Ivan Sant’Anna escreveu um texto inédito para os leitores do Seu Dinheiro Premium sobre as perspectivas para o metal dourado. Uma verdadeira aula à qual você pode ter acesso por uma condição muito especial.

EMPRESAS

 Da Serra Pelada para a bolsa. Essa é a trajetória de Ilson Mateus, dono da rede de supermercados que leva seu sobrenome e que entrou com pedido para realizar uma oferta de ações na B3. Vale a pena conhecer a história do empresário e da varejista.

 A guerra de versões tem sua vez no mundo corporativo. Hoje, a Linx negou que tenha se recusado a ouvir a oferta da Totvs e disse que o seu conselho vai analisar a proposta. Saiba os detalhes do novo capítulo dessa disputa corporativa de R$ 6 bilhões.

ECONOMIA

 A guerra comercial entre Estados Unidos e China segue no front corporativo. O governo norte-americano ampliou as restrições à Huawei, gigante das telecomunicações chinesa. O objetivo é limitar o acesso à tecnologia americana.

 A captação da poupança e os juros baixos facilitam o financiamento da sonhada casa própria. Mas os brasileiros têm incertezas em um momento de crise — e o setor tenta convencê-los com ofertas especiais.

COLUNISTAS

 O que a igualdade de gênero tem a ver com os seus investimentos? Bem, muito. Alguns trabalhos mostram que companhias mais igualitárias nesse sentido dão mais retorno e têm desempenho melhor que a média, como mostra a coluna do Felipe Miranda.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

PANDEMIA NO PAÍS

Covid-19: Brasil registra 863 óbitos e 32.058 novos casos em 24h

Segundo Ministério da Saúde, 86,6% dos paciente estão recuperados

privatização na berlinda

Justiça de Alagoas suspende leilão para concessão de saneamento na B3

No último dia 24, a 1ª Vara da Comarca de Marechal Deodoro negou liminar ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Marechal Deodoro (SAAE), que pedia a suspensão do processo licitatório

fatia relevante

Gestora Atmos passa a deter 6,68% das ações preferenciais do Inter

Fundo passou a deter cerca de 25,3 milhões de papéis PN do Inter

seu dinheiro na sua noite

Onde está o Guedes?

Paulo Guedes esteve presente ontem no anúncio do programa Renda Cidadã pelo governo, ao lado de Jair Bolsonaro e lideranças do Congresso. Mas os investidores no mercado financeiro não reconheceram no ministro a figura que prometeu implementar uma agenda de medidas liberais na economia, incluindo privatizações e reformas. A desconfiança sobre como a equipe econômica encaixaria […]

ajuste fiscal

Propostas para o Renda Cidadã não têm intenção de driblar teto, diz secretário do Tesouro

“A gente sabe que o teto é baseado em credibilidade e não adianta tomarmos ações que minem a credibilidade do teto”, disse Bruno Funchal

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu