Menu
André Franco
Crypto News
André Franco
É engenheiro e especialista em criptomoedas da Empiricus
2020-04-01T18:17:07-03:00
Crypto News

O dólar pode ser destronado como reserva de valor pelo bitcoin?

O dólar é a pior moeda para reserva mundial, exceto por todas as outras. Nem o bitcoin nem nenhuma cripto está preparada para servir como reserva internacional. E nem precisa

1 de abril de 2020
18:16 - atualizado às 18:17
Montagem com notas de dólares e simbolo do bitcoin
Montagem com notas de dólares e simbolo do bitcoin - Imagem: Shutterstock

Dado que é 1º de abril, você já deve esperar alguma piadinha, pegadinha ou lorota dos seus amigos e familiares, certo?

Mas dado o contexto atual, qualquer tentativa nesse sentido pode atuar como fake news e se propagar sem controle.

Além disso, não sei se temos clima e não vou ser o primeiro a testar isso com você.

Nossa conversa de hoje mantém o tom cauteloso e incerto de como será esse mundo novo pós-Covid-19.

Temos mais perguntas que respostas e, toda vez que respondemos a alguns questionamentos, outros dez aparecem.

O dólar tem chances de perder sua característica de reserva de valor mundial?

A impressão de dinheiro nessa velocidade e de forma coordenada pelos bancos centrais pode causar inflação de igual magnitude?

A estocagem de petróleo até o fim da crise não pode gerar deflação e nos jogar em uma recessão econômica?

Para todas essas perguntas, uma única resposta: não sabemos.

São totalmente desconhecidos os efeitos que o distanciamento social pode causar na nossa economia.

Mesmo assim, temos que navegar. O tempo vai passar inexoravelmente e as decisões tomadas hoje para o seu dinheiro serão as mais importantes do ano.

Mas não espere melhoras no cenário mundial nas próximas duas semanas no quesito avanço da doença.

A principal economia do mundo vai sentir, talvez pela primeira vez, a sensação de impotência diante dos desdobramentos futuros, com cidades em quarentena e número de casos aumentando.

Para conter as catastróficas consequências para o mercado financeiro, o Fed, banco central americano, vai seguir comprando ativos, distorcendo mais ainda o mercado, que de livre não tem mais nada.

Na verdade, isso já está acontecendo. Veja a imagem abaixo que mostra o valor dos ativos no balanço do Fed.

A soma em ativos no balanço ultrapassa a marca dos US$ 5,2 trilhões.

Isso distorce o mercado e, se não existe uma desvalorização dos ativos, ocorre uma desvalorização da moeda. E não estamos falando de qualquer moeda, mas do dólar, que é a principal reserva de valor do mundo.

Isso não deveria destroná-lo do posto de reserva de valor mundial? Não, porque não temos nada para substituí-lo.

O dólar é a pior moeda para reserva mundial, exceto por todas as outras.

Todos os países possuem reservas em dólar e retirar essa moeda e os EUA do centro da economia global teria implicações catastróficas para todas as nações.

Por isso o Fed ainda pode confiar em imprimir dólares na casa dos trilhões que vai ter demanda.

Mas é aquela velha história, isso é verdade até não ser mais.

E não, nem o bitcoin nem nenhuma cripto está preparada para servir como reserva internacional. E nem precisa.

Basta que uma parcela da população ou alocadores percebam o risco, por mais que pequeno, de o dólar falhar como reserva de valor que o ouro e o bitcoin se beneficiam.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Agenda BC#

BC estende regras para débito automático a contas de pagamento pré-pagas

A diretoria do Banco Central decidiu estender para as contas de pagamento pré-pagas (aquelas cujos recursos devem ser depositados previamente) as regras sobre autorização e cancelamento de débitos em conta que já estavam previstas para contas de depósitos e para contas-salário

Aprovação concedida

Tim e Vivo recebem aprovação da Anatel e do Cade para compartilhamento de rede

Serão compartilhadas infraestrutura de redes móveis para as tecnologias 2G, 3G e 4G

Empresa diz que não comenta

MPT-RS pede interdição de planta da JBS no Estado por surto de coronavírus

A JBS respondeu, sobre a ação civil pública movida nesta quarta, que não comenta processos judiciais em andamento

seu dinheiro na sua noite

Despiorou

Acabou a crise? Nesta quarta-feira, os mercados mantiveram o otimismo dos últimos dias. As bolsas subiram aqui e lá fora, ao mesmo tempo em que o dólar assistiu a mais um dia de alívio, chegando perto dos R$ 5 novamente. Está até difícil entender de onde sai tanto apetite por risco, dado que a pandemia […]

ANÁLISE

Quarentena de pijama? Não, no mundo cripto tem muita coisa rolando

Nas próximas linhas, Helena Margarido vai mostrar a você um mercado que caminha na contramão de todo establishment e permanece com alta demanda em meio à crise atual: a revolução está somente começando.

Ninguém segura

A corrida dos touros: Ibovespa sobe pelo quarto dia e volta aos 93 mil pontos; dólar cai a R$ 5,09

O Ibovespa teve mais um dia de ganhos e chegou ao maior nível desde 6 de março, sustentado pelo otimismo global. O dólar à vista caiu forte, chegando a R$ 5,01 na mínima da sessão

tombo histórico

Abinee reporta queda de 30,3% na produção do setor eletroeletrônico em abril

Essa foi a maior queda verificada na série histórica iniciada no início de 2002, segundo o presidente da entidade, Humberto Barbato

Empresários de comércio e serviços

76% de 400 micro e pequenos empresários esperam queda de faturamento

A pesquisa ouviu empresários dos setores de comércio e serviços. Parcela de 26% dos entrevistados espera recuo de 31% a 50%, enquanto 22% têm expectativa de queda até 30%

Compartilhamento de serviços

Cade nega recurso da Claro e mantém aprovação de operação entre Tim e Telefônica

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) negou recurso apresentado pela Claro contra o aval do órgão a operação de compartilhamento de redes entre a TIM e a Telefônica Brasil

Ajuda financeira

Maia diz ter informação que socorro a Estados e municípios será pago até dia 9

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia afirmou que a primeira parcela do socorro a Estados e municípios deve ser entregue aos entes até a próxima terça-feira, 9

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu