Menu
2020-12-23T17:28:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
mercados hoje

Ibovespa vai a 118 mil pontos em dia de otimismo no exterior; dólar fecha próximo a R$ 5,20

Mercados ignoram críticas do presidente dos EUA ao novo pacote de ajuda aprovado no Congresso; dia é de agenda cheia de dados de novembro

23 de dezembro de 2020
10:20 - atualizado às 17:28
mercados
Imagem: Shutterstock

O Ibovespa opera em alta nesta quarta-feira (23), seguindo o clima positivo nos mercados no exterior. O dólar à vista também avançou hoje, pressionado por compras de final de ano realizadas por empresas, para remessas de lucros ao exterior, e bancos, para fins de hedge (proteção).

Por volta das 17h, o principal índice acionário da B3 subia 1,00%, aos 117.797 pontos, depois de ter chegado a romper os 118 mil pontos mesmo em dia de volume reduzido por conta do feriado de Natal nos próximos dias. A moeda americana fechou em alta de 0,73%, negociada a R$ 5,1998, após ter chegado a R$ 5,22, na máxima.

A toada é positiva no exterior, apesar de mais uma cepa mais transmissível de coronavírus ter sido identificada no Reino Unido, e de o presidente dos EUA, Donald Trump, ter criticado o pacote fiscal de US$ 900 bilhões recém-aprovado pelo Congresso americano.

No Twitter, Trump disse que o projeto é "muito diferente" do esperado e chamou-o de "desgraça", colocando em dúvida a assinatura do texto. Para o pacote entrar em vigor, falta apenas a sanção presidencial.

Hoje os mercados são animados pela perspectiva de aprovação de um acordo pós-Brexit entre Reino Unido e União Europeia ainda nesta quarta-feira, e pelo fato de que alguns países aliviaram restrições impostas ao Reino Unido, com reabertura de fronteiras e espaço aéreo aos britânicos.

Com isso, as bolsas europeias fecharam em alta. O índice pan-europeu Stoxx 600 avançou 1,08%. As bolsas americanas também operam em alta hoje, embora o Nasdaq esteja mais perto da estabilidade. Há pouco, o Dow Jones subia 0,71%, o S&P 500 avançava 0,47% e o Nasdaq tinha leve alta, de 0,11%.

Um fator local que contribui para a alta da bolsa brasileira é o fato de a PEC dos municípios não ter sido votada ontem, ficando apenas para o ano que vem. A PEC prevê um aumento de repasses da União para os municípios, o que pressionaria ainda mais as contas públicas e vinha aumentando a percepção de risco fiscal dos investidores.

Com esse alívio momentâneo, os juros futuros fecharam em queda, apesar da alta do dólar. Veja o desempenho dos principais vencimentos:

  • Janeiro/2021: de 1,918% para 1,904%;
  • Janeiro/2022: de 2,89% para 2,865%;
  • Janeiro/2023: de 4,30% para 4,215%;
  • Janeiro/2025: de 5,86% para 5,75%.

Final de ano

O Ibovespa deve ter um volume de negociação menor nesta quarta-feira, por conta do ritmo de fim de ano. Amanhã e na próxima sexta-feira (24 e 25) não haverá pregão, em razão do feriado de Natal. Indicadores divulgados pela manhã ainda guiam a tomada de decisão, aqui e lá fora.

Há pouco o Ministério da Economia revelou que o mercado formal de trabalho brasileiro registrou em novembro a abertura de 414,5 mil vagas. Foi o quinto mês consecutivo de saldo positivo do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Já nos EUA, o Departamento de Trabalho do país divulgou que os pedidos de auxílio-desemprego registraram queda de 89 mil na semana encerrada em 19 de dezembro, a 803 mil. O resultado ficou abaixo das previsões de analistas, que projetavam 888 mil solicitações.

Pelo lado mais negativo, o índice de sentimento do consumidor americano subiu entre novembro e dezembro para 80,7, mas ficou abaixo da previsão de 81,0 dos analistas ouvidos pelo "The Wall Street Journal".

Enquanto isso, as vendas de moradias novas nos EUA caíram 11% entre outubro e novembro, para 841 mil unidades, uma queda muito maior que a prevista por analistas consultados pelo "The Wall Street Journal", que era de 2,2%.

Quem sobe, quem desce

Com o relaxamento das restrições ao Reino Unidos, os papéis das companhias aéreas avançam nesta quarta, após dois dias de fortes quedas. A alta do petróleo puxa as petroleiras, enquanto os bons números do Caged pesam positivamente sobre as ações de varejistas.

Os papéis da Petrobras têm motivos extras para se valorizarem nesta quarta, pois a estatal fechou contratos de longo prazo para fornecer nafta, etano e propano para a petroquímica Braskem. Também anunciou a conclusão da venda da Liquigás, seguindo seu plano de venda de ativos para focar na exploração do pré-sal. Por volta das 17h, os papéis preferenciais da Petrobras (PETR4) subiam 2,60%, os ordinários (PETR3) avançavam 2,48%.

Já as ações de frigoríficos e das empresas de papel e celulose estão entre as maiores perdas do Ibovespa, com realização dos fortes ganhos dos últimos dias.

Maiores altas

CÓDIGOEMPRESACOTAÇÃO (R$)VARIAÇÃO
PRIO3PetroRio65,10+9,08%
AZUL4Azul37,66+6,78%
GOLL4Gol24,47+5,02%
USIM5Usiminas14,55+4,15%
SBSP3Sabesp45,22+3,95%

Maiores quedas

CÓDIGOEMPRESACOTAÇÃO (R$)VARIAÇÃO
KLBN11Klabin25,18-2,29%
BEEF3Minerva10,40-2,26%
SUZB3Suzano56,40-2,22%
MRFG3Marfrig14,66-1,81%
EZTC3EZTEC42,47-1,46%
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

fique de olho

Itaú anuncia pagamento de juros sobre capital próprio

Serão R$ 0,05648 por ação, com retenção de 15% de imposto de renda na fonte; pagamento é uma antecipação aos aos dividendos e JPC do resultado de 2021

mudanças na estatal

Conselheiro recém-eleito da Petrobras renuncia

Marcelo Gasparino da Silva foi eleito no último dia 12; executivo indica medida como “irrevogável”

seu dinheiro na sua noite

B3 Fashion Week

A semana de moda da bolsa brasileira está pegando fogo! Flashes por todos os lados, comentários entusiasmados, queixos caídos a cada novo desfile. As grandes marcas não pouparam esforços para a coleção outono/inverno — e, como era de se esperar, um intenso burburinho toma conta dos bastidores. Essa sexta-feira foi particularmente animada, com a Renner […]

Moradia classe A

Pandemia, juros baixos e dólar caro: combo impulsiona o mercado de imóveis de luxo

Uma combinação que prejudicou boa parte das empresas brasileiras acabou beneficiando o segmento imobiliário de alto padrão

fechamento da semana

Brasília impede Ibovespa de decolar, mas saldo da semana ainda é positivo; dólar vai a R$ 5,58

No Brasil, o que garantiu um bom desempenho do Ibovespa foi a alta das commodities e a recuperação econômica de Estados Unidos e China.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies