Menu
2020-01-22T17:10:20-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa e UBS Escola de Negócios. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência CMA, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico.
Mercados hoje

Ibovespa se recupera das perdas de ontem e opera em alta; dólar cai a R$ 4,17

O Ibovespa e as bolsas globais se recuperam das perdas da sessão anterior, operando em alta nesta quarta-feira. O mercado segue monitorando o noticiário referente ao coronavírus

22 de janeiro de 2020
10:22 - atualizado às 17:10
Selo Mercados AGORA Ibovespa dólar
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Após uma sessão bastante pressionada na última terça-feira (22), o Ibovespa e as bolsas globais passam por um movimento de recuperação. Apesar de o risco de uma eventual epidemia da nova variante do coronavírus continuar no radar, os investidores assumem uma postura mais tranquila nesta quarta-feira (23).

Por mais que a doença tenha chegado aos Estados Unidos na tarde de ontem e que novos casos tenham sido diagnosticados no mundo, há uma menor percepção de risco no mercado, que dá um voto de confiança aos esforços das autoridades governamentais para conter o avanço do vírus.

E, nesse cenário de maior calmaria, os agentes financeiros corrigem os excessos da sessão anterior. Na Ásia, as principais bolsas fecharam em alta e, nos Estados Unidos, o Dow Jones (+0,08%), o S&P 500 (+0,14%) e o Nasdaq (+0,33%) sobem em bloco. O Ibovespa, assim, pega carona no contexto externo: por volta de 17h05, subia 0,88%, aos 118.057,75 pontos.

O mercado de câmbio também conseguiu colocar os nervos no lugar: o dólar à vista fechou em baixa de 0,71%, a R$ 4,1738 — lá fora, a moeda americana perdeu terreno em relação às divisas de países emergentes.

Por aqui, o mercado também repercute os resultados da pesquisa CNT/MDA a respeito da popularidade do governo Bolsonaro. De acordo com o levantamento, o presidente possui 47,8% de aprovação, acima dos 41% vistos em agosto, mas abaixo dos 57,5% de fevereiro de 2019.

Juros seguem em queda

O alívio no dólar à vista deu sustentação a mais uma queda nas curvas de juros — os DIs tendem a reagir de maneira mais intensa aos números de inflação pelo IPCA-15, a serem divulgados amanhã (23), já que o dado deve calibrar as apostas num eventual novo corte da Selic.

Veja abaixo como ficaram as curvas mais líquidas nesta quarta-feira:

  • Janeiro/2021: de 4,39% para 4,34%;
  • Janeiro/2023: de 5,60% para 5,54%;
  • Janeiro/2025: de 6,34% para 6,30%;
  • Janeiro/2027: de 6,73% para 6,70%.

Usiminas dispara

No Ibovespa, destaque para o bom desempenho das ações PNA da Usiminas (USIM5), que avançam 13,09% e lideram os ganhos do índice — notícias quanto a um novo aumento de 10% nos preços dos aços planos para a rede de distribuição interna a partir de março animam o mercado.

Como consequência, o Bradesco BBI elegeu os papéis da Usiminas como 'top pick' no setor de siderurgia, substituindo Gerdau PN (GGBR4), que agora sobe 1,01%. Já CSN ON (CSNA3) tem alta de 7,30%.

Top 5

Veja os cinco papéis de melhor desempenho do Ibovespa nesta quarta-feira:

  • Usiminas PNA (USIM5): +13,09%
  • CSN ON (CSNA3): +7,30%
  • Eletrobras ON (ELET3): +6,77%
  • B3 ON (B3SA3): +6,13%
  • Eletrobras PNB (ELET6): +4,89%

Confira também as maiores quedas do índice no momento:

  • Hypera ON (HYPE3): -3,48%
  • Marfrig ON (MRFG3): -3,40%
  • Lojas Americanas PN (LAME4): -1,79%
  • Azul PN (AZUL4): -1,77%
  • Cemig PN (CMIG4): -1,40%
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Entrevista

Para Deutsche Bank, política ambiental de Bolsonaro prejudica investimento estrangeiro no país

Para Deepak Puri, diretor da área de Wealth Management nas Américas do Deutsche Bank, mesmo assim Brasil deve registrar uma recuperação mais forte neste ano.

Ganhando terreno

Carrefour anuncia aquisição de 30 lojas do Makro por R$ 1,95 bilhão

O plano da varejista é converter as bandeiras das unidades para Atacadão dentro de até um ano após fechar a transação

AS LIÇÕES 'FIRE' DO BILIONÁRIO

O que você perguntaria a Warren Buffett?

Aos 89, o mago de Omaha tem muito a ensinar a quem procura dar um gás nos seus investimentos em busca da sua aposentadoria precoce

Risco de lascas de vidro

Heineken anuncia recall voluntário de lotes de long neck com problemas na garrafa

A empresa identificou alteração na embalagem que pode levar lasca de vidro a ser aberta

Após imbróglio com os russos

Fertilizantes Heringer homologa plano de recuperação judicial

Segundo Fato Relevante divulgado ontem pela companhia, o plano foi homologado pelo juízo da 2ª Vara Cível da Comarca de Paulínia

Impostos

Decreto para zerar tributo em querosene de aviação sai neste ano, diz Secretário

O governo vai editar um decreto para zerar, a partir de 2021, a incidência de PIS/Cofins sobre o combustível utilizado em aeronaves.

Entrevista

‘A grande vacina é a continuidade das reformas’, diz Ana Paula Vescovi, economista do Santander

Banco revisou para baixo previsão de crescimento para 2020, após indicadores fracos.

Mudança de hábitos

A ordem do dia é gastar menos do que se ganha e não dever nada a ninguém

Lembre-se: o governo, qualquer que seja ele, de esquerda, direita, centro, vai te trair um dia, se é que já não traiu, como aconteceu no caso de minha aposentadoria.

Sacada de marketing

Após fala polêmica de Paulo Guedes, startup fará sorteio para levar doméstica à Disney

Simplypag vai custear viagem a Orlando para um empregado doméstico e um acompanhante depois de ministro causar mal-estar com fala sobre “domésticas indo para a Disney” quando o dólar estava baixo.

Mais lidas

O caminho dos fundos imobiliários

Ontem eu publiquei uma matéria no Seu Dinheiro sobre como até as melhores aplicações ultraconservadoras (aquelas com liquidez diária e mínimo risco de calote) estão perdendo da inflação ou ficando no zero a zero. Você pode conferi-la aqui. Mas por que estou falando deste assunto? A reportagem não ficou entre as mais lidas da semana, […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements