Menu
2019-02-14T09:26:39-02:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Privatização

Mudanças à vista? Salim Mattar diz que Vale precisa ser “reprivatizada”

Em evento em Brasília, o secretário especial de desestatização e desinvestimento disse que é preciso reduzir um pouco a presença de fundos de pensão na empresa para que ela seja mais privada e sem interferência do governo

13 de fevereiro de 2019
23:57 - atualizado às 9:26
Navio da Vale
Imagem: Agência Vale

Ao participar de um evento da Revista Voto, em Brasília, o secretário especial de desestatização e desinvestimento, Salim Mattar, disse nesta quarta-feira (13) que a Vale precisa ser "reprivatizada". Segundo ele, fundos de pensão e a BNDESPar, que é o braço do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) detêm controle da empresa.

A questão foi levantada por ele após uma reportagem do UOL que questionava a privatização da companhia. Mas o secretário foi cauteloso.

Ele disse que "não há horizonte para a venda e que não está incentivando fundos e bancos públicos a venderem as ações neste momento, mas que é preciso refletir".

Ainda assim, Mattar destacou que o governo veio para desestatizar e que é "natural" que essas ações sejam vendidas em algum momento.

Brumadinho

O secretário lembrou a tragédia de Brumadinho e disse que, após o rompimento de rejeitos da Vale no local, "veio a tona muita coisa" sobre a companhia. No evento, Mattar se referiu a Vale como "uma fantástica companhia e que estava prestes a se transformar na número um do mundo".

Ele também defendeu que é preciso fechar estatais que apenas aumentam o déficit e afirmou que serão privatizadas ou fechadas quatro estatais que estão sob a gestão do Ministério da Economia: Casa da Moeda (CMB), Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), Dataprev e Instituto de Resseguros do Brasil (IRB), que realizou abertura de capital em 2017.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

FECHAMENTO DA SEMANA

Ufa! Ibovespa avança quase 5% em semana de alta volatilidade, mas dólar vai a R$ 5,68

A PEC emergencial e a disparada dos títulos públicos norte-americanos monopolizaram o noticiário, pressionando o câmbio e a bolsa

Regime especial

STF forma maioria para manter sigilo das informações do programa de repatriação

A análise tem origem em uma ação proposta pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) em 2017.

Algo não agradou

Guedes vê perda estrutural em PEC do auxílio

O sentimento na equipe de Guedes foi de perda da possibilidade de acionamento dos gatilhos em caso de calamidade por mais dois anos seguintes

DIÁRIO DE BORDO

À procura de um porto seguro para seu dinheiro em tempos turbulentos no Brasil? Veja onde investir

Se “mar calmo nunca fez bom marinheiro”, o que aprendi nesses meus 25 anos de mercado financeiro é que em momentos de ruídos e turbulências precisamos ser ainda mais persistentes e consistentes em nossos investimentos.

Suspeita de crime

CVM confirma processo para investigar suposto ‘insider trading’ na Petrobras

A suspeita de que alguém pode ter lucrado R$ 18 milhões com o vazamento de informações sobre o que ocorreria na estatal vieram à tona no início da semana e mexeram com os ânimos do mercado.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies