Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-10-31T09:39:59-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Do lado de lá

PIB da zona do euro cresce 0,2% no 3º trimestre e UE tem taxa de desemprego estável em setembro

Na comparação anual, o PIB do bloco teve expansão de 1,1% entre julho e setembro. Na base anualizada, a economia local avançou a uma taxa de 0,8% no terceiro trimestre, a mesma do segundo trimestre

31 de outubro de 2019
8:35 - atualizado às 9:39
Zona do Euro - Euro, União Europeia
Imagem: shutterstock

Nesta quinta-feira (31), a agência oficial de estatísticas da União Europeia (UE), a Eurostat, divulgou novos dados sobre o Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro. O índice  cresceu 0,2% no terceiro trimestre de 2019 ante os três meses anteriores, acima das expectativas de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta de 0,1%.

Na comparação anual, o PIB do bloco teve expansão de 1,1% entre julho e setembro. Na base anualizada, a economia local avançou a uma taxa de 0,8% no terceiro trimestre, a mesma do segundo trimestre.

Já a taxa de desemprego da zona do euro ficou em 7,5% em setembro, o mesmo nível de agosto. A Eurostat estima que havia 12,335 milhões de desempregados na zona do euro em setembro. Em relação a agosto, o número de pessoas sem emprego na região teve aumento de 33 mil.

*Com Estadão Conteúdo 

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

O futuro está no céu

A acirrada corrida pelo ‘carro voador’

Além de chamar a atenção no mercado de capitais, as startups de “carros voadores” estão atraindo talentos e parceiros de setores mais tradicionais da economia

XP anuncia investimento na edtech Resilia

A Resilia é uma edtech que combina tecnologias que potencializam o aprendizado individualizado e em comunidade com um método de ensino que capacita potenciais talentos de uma forma mais rápida para o mercado digital

Análise

Investir em ações de banco ainda é uma boa? Veja 3 motivos que deixam a XP Investimentos cautelosa

Se no ano passado a postura era otimista, agora os analistas do setor financeiro da XP estão mais cautelosos, já que o cenário é de preços elevados dos ativos e uma concorrência e intervenções regulatórias preocupantes.

REFORMA TRIBUTÁRIA

PIB pode crescer 1,6% com redução de IR para empresas, indica estudo

O cálculo de 20% teve como base comportamento das empresas depois de um dos maiores aumentos na alíquota do imposto sobre dividendos no mundo – na França, em 2013, de 15,5% para 46%

ESG

‘Equidade racial se tornou prioridade dentro da Vivo’, diz presidente

Dentro da extensa agenda ESG, que concentra ações ambientais, sociais e de governança, a Vivo aposta na equidade racial

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies