Menu
2019-07-04T18:04:13-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Reformas

Votação da Previdência em dois turnos antes do recesso começa a ganhar contorno

Já há conversas para fechar acordo em torno da chamada quebra de interstício entre o primeiro e segundo turno de votação em plenário

4 de julho de 2019
18:04
Rodrigo Maia
Presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) - Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O parecer do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) ainda não chegou oficialmente ao plenário na Câmara dos Deputados, mas já foram detectadas conversas sobre possível acordo de lideranças para a chamada quebra de interstício. O que facilitaria a aprovação total da reforma da Previdência antes do recesso parlamentar.

Pelo regimento interno na Câmara, entre o primeiro e segundo turno de votação teria de ocorrer uma “pausa” regimental de cinco sessões, o interstício. As discussões são para garantir o acordo de lideranças e/ou as assinaturas necessárias para levar à quebra do interstício.

A indicação é bastante positiva e mostra que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, dispõe com certa folga dos 308 votos necessários à aprovação do texto. O problema, como sempre, mora nos detalhes, entre ele as manobras protelatórias que podem ser feitas em plenário. Por isso, por enquanto, se atribui maior probabilidade de que ocorra a votação em primeiro turno até o recesso, com o segundo turno ocorrendo em agosto.

Em tese, com quebra de interstício garantida, seria possível voltar a Previdência em dois turnos já na semana que vem, poupando tempo, por assim dizer, já que o recesso está previsto para começar em 18 de julho.

Nesta quinta, após a aprovação do relatório de Moreira por 36 votos a 13 na Comissão Especial, tanto o ministro da Economia, Paulo Guedes, quanto o secretário da Previdência, Rogério Marinho, mostram otimismo com a possibilidade de encerrar a votação agora em julho. Guedes também disse que superada a reforma da Previdência "só tem notícia boa".

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

De volta para a fase amarela

Um dia após eleições, governo de SP anuncia medidas mais duras de isolamento

Até o último domingo (29), o estado de Sã Paulo acumulava uma alta de 8,9% no número de casos da doença no último mês.

Fundos imobiliários

Primeiro ETF do IFIX começa a ser negociado nesta segunda-feira

B3 e XP lançam fundo de índice referenciado no IFIX, o Índice de Fundos Imobiliários. Trend IFIX terá taxa de administração de 0,3% ao ano

Conversão em tempo real

Banco híbrido Capitual passa a permitir saques de criptomoedas em caixas eletrônicos

O Capitual é um banco digital que oferece serviços bancários tradicionais para Pessoas Físicas e Jurídicas, a possibilidade de negociação de oito criptomoedas, quatro moedas fiduciárias e ouro

Na pandemia

Dívida bruta do governo geral fica em 90,7% do PIB em outubro, diz BC

Na esteira do aumento dos gastos dos governos para fazer frente à pandemia do novo coronavírus, a dívida pública brasileira acelerou em outubro. Dados divulgados nesta segunda-feira, 30, pelo Banco Central mostram que a Dívida Bruta do Governo Geral fechou outubro aos R$ 6,575 trilhões, o que representa 90,7% do Produto Interno Bruto (PIB). O […]

Fundos imobiliários

Liberado a partir desta segunda, aluguel de cota de FII permite ao investidor ganhar mesmo na baixa

Medida permite a cotistas de FII emprestarem suas cotas em troca de remuneração e a investidores de curto prazo operarem vendidos, apostando na queda dos fundos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies