🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
Processo envolvendo corrupção

Petrobras provisiona US$ 622 milhões referente à sentença de arbitragem movida pela Vantage

Caso teve origem em um contrato de serviços de perfuração obtido mediante corrupção e que foi revelado pela Operação Lava Jato

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
7 de fevereiro de 2019
20:38 - atualizado às 13:49
Fachada de prédio da Petrobras, com logo da empresa
Petroleira perdeu o processo em julho de 2018Imagem: Shutterstock

A Petrobras anunciou nesta quinta-feira, 7, que provisionará o valor previsto na sentença do processo movido pelas empresas Vantage Deepwater Company e Vantage Deepwater Drilling Inc. contra a petroleira e suas coligadas. O caso teve origem em um contrato de serviços de perfuração obtido mediante corrupção, conforme revelado pela Operação Lava Jato.

Em 03 de julho de 2018 o Tribunal Arbitral formado por três árbitros decidiu por maioria, com um voto divergente, que a estatal e suas subsidiárias deveriam pagar à Vantage a quantia de US$ 622,02 milhões, acrescida de juros compostos de 15,2% a.a., a título de ressarcimento pela rescisão antecipada do referido contrato e faturas relativas à perfuração de um poço no Golfo do México.

Segundo a Petrobras, o árbitro dissidente se negou a assinar a decisão final e emitiu, por escrito, seu voto divergente e uma objeção à referida sentença arbitral, afirmando que “os procedimentos prévios à audiência, a audiência de mérito e os procedimentos posteriores à audiência que resultaram na emissão da decisão final negaram às rés deste processo as proteções fundamentais que deveriam ser asseguradas às partes em uma arbitragem”, de acordo com a lei aplicável, o United States Federal Arbitration Act (“FAA”).

"Em 31 de agosto de 2018, a Petrobras iniciou ação anulatória da sentença arbitral, inclusive com fundamento no voto divergente acima referido, e segue buscando a anulação da sentença arbitral de forma veemente, em defesa das suas garantias legais. Uma audiência final sobre o caso na Corte Federal do Texas está prevista para 08 de março de 2019. O efeito decorrente deste provisionamento será reconhecido no resultado consolidado do Sistema Petrobras do 4º trimestre de 2018", diz comunicado da empresa.

*Com Estadão Conteúdo.

Compartilhe

O FUTURO É AGORA

Sucessor do 5G promete velocidade 30 vezes superior e está a uma atualização de chegar ao Brasil

27 de fevereiro de 2024 - 10:39

Huawei vê movimentação das grandes empresas de telecomunicações para lançar o 5.5G em breve no Brasil

BALANÇO

Lucro da AES Brasil (AESB3) cai no 4T23, mas Ebitda supera projeções e endividamento começa a cair

27 de fevereiro de 2024 - 9:01

Em meio às especulações sobre uma possível mudança no controle, AES Brasil teve lucro líquido de R$ 112,3 milhões no quarto trimestre, queda de 18%

DESTAQUES DA BOLSA

JBS (JBSS3) sobe 4% na B3 e lidera os ganhos do Ibovespa hoje: o que está por trás da alta das ações de frigoríficos?

26 de fevereiro de 2024 - 17:52

O impulso do setor vem na esteira da divulgação dos resultados da Pilgrim’s Pride Corporation, controlada pela JBS

AS JOIAS DA COROA

Uma opção ao Ozempic? Rival da Novo Nordisk dispara quase 40% após resultado promissor de remédio para emagrecer

26 de fevereiro de 2024 - 16:45

As ações da Zealand Pharma subiram forte depois de a empresa ter divulgado o ensaio de um tratamento para doenças hepáticas que ajuda na perda de peso

DEPOIS DOS BALANÇOS

O pior já passou para a Americanas (AMER3)? CEO diz que varejista está “onde queria” neste momento — mas ainda falta muito para o equilíbrio

26 de fevereiro de 2024 - 15:01

Além dos resultados atrasados dos nove meses iniciais de 2023, a varejista anunciou que o plano de recuperação judicial foi homologado pela Justiça do Rio de Janeiro

U9

A China vai passar por cima da Ferrari? O novo supercarro elétrico da BYD que promete fazer o esportivo dos sonhos comer poeira

26 de fevereiro de 2024 - 14:31

A chinesa revelou neste fim de semana um novo supercarro elétrico que, segundo ela, pode atingir velocidades semelhantes às dos modelos de última geração produzidos por gigantes da indústria

PROBLEMAS NO PORTFÓLIO

Fiagro quer executar garantias de CRA após empresa de biocombustíveis pedir blindagem temporária de dívidas na Justiça

26 de fevereiro de 2024 - 13:28

O VCRA11 investe em títulos ligados à Brasil Bio Fuels, companhia que conseguiu uma tutela cautelar de urgência contra execução de dívidas

EM OUTRAS TERRAS

Vale (VALE3) vai receber US$ 160 milhões por venda de operação na Indonésia

26 de fevereiro de 2024 - 10:55

Após o fechamento da transação — algo que só deve acontecer no fim de 2024 —, subsidiária da Vale manterá exposição à PTVI como uma joint venture não operada

LOGÍSTICA EM FOCO

Sequoia (SEQL3) e Grupo Move3 recebem sinal verde do Cade para fusão

26 de fevereiro de 2024 - 9:03

A fusão aprovada pelo Cade cria um dos líderes no segmento de encomendas expressas e soluções logísticas no setor privado, de acordo com a Sequoia

Foguete não tem ré?

Petrobras (PETR4) bate 6 recordes em valor de mercado só em fevereiro e já vale R$ 571 bilhões; hora de vender as ações?

25 de fevereiro de 2024 - 17:19

Analistas explicam o bom desempenho da estatal na bolsa, mas acreditam que pode ser hora de reduzir a exposição no papel

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies