Menu
2019-04-03T09:04:41-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
A estrela do dia

Em discurso de Davos, Bolsonaro não deve detalhar reforma da Previdência

Em seu discurso, que deve ocorrer por volta das 12h30 (horário de brasília), Bolsonaro prometeu destacar o “agronegócio do Brasil, sem questões ideológicas”

22 de janeiro de 2019
7:09 - atualizado às 9:04
Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro em Davos, na Suíça - Imagem: Alan Santos/PR

Os holofotes já estão apontados ao presidente Jair Bolsonaro, que deve discursar no Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça.

Em seu discurso, que deve ocorrer por volta das 12h30 (horário de brasília), Bolsonaro prometeu destacar o "agronegócio do Brasil, sem questões ideológicas" e sem preconceitos, não excluindo possibilidades de negociações com a China.

Segundo Eduardo Bolsonaro, filho e deputado que acompanha o presidente, a reforma da Previdência não será detalhada o discurso.

Questionado sobre o fato de muitos investidores estrangeiros argumentam que precisam saber como será o comprometimento do governo com essa reforma para aplicarem recursos no Brasil.

"Todos sabem que a Previdência está nos planos. Eles estão estudando, etc e tal, mas isso é para apresentar lá no Brasil", disse, explicando que nem sobre datas deverá haver alguma informação hoje.

Já o presidente em exercício, Hamilton Mourão, afirmou que o discurso de Bolsonaro em Davos vai ter como alvo diminuir resistências em relação à imagem do brasileiro.

Para ele, Bolsonaro vai mostrar que é "um brasileiro".

"O discurso do presidente vai ser em cima das reformas da área econômica, especialmente da reforma da Previdência", disse Mourão ao deixar o Palácio do Planalto. Mourão afirmou também que a proposta de reforma da Previdência deverá ser apresentada pelo governo só depois das eleições da Câmara e do Senado.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

O hambúrguer e o câmbio

Está na hora de comprar ou vender dólar? A resposta pode estar no preço do Big Mac

Se levarmos em consideração o preço do sanduíche mais popular do mundo, a moeda norte-americana deveria valer R$ 3,87, segundo o índice calculado pela The Economist

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies