Menu
2020-06-02T10:27:14-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
no twitter

Grupo divulga dados pessoais que seriam de Bolsonaro, família e aliados

Um perfil publicou imagens que alega retratarem a lista de bens declarados pelo presidente, com valor idêntico à declaração apresentada ao TSE

2 de junho de 2020
10:26 - atualizado às 10:27
14/01/2020 Declaração à imprensa apo?s reunia?o com  Minist
(Brasília - DF, 14/01/2020) Jair Bolsonaro. - Imagem: Isac Nóbrega/PR

Perfis no Twitter que dizem pertencer ao grupo hacker Anonymous Brasil divulgaram na noite desta segunda-feira, 1º, supostos dados pessoais do presidente Jair Bolsonaro, seus filhos Carlos, Eduardo e Flávio.

Também tiveram os supostos dados vazados o deputado estadual Douglas Garcia, aliado do presidente, os ministros Abraham Weintraub e Damares Alves, e o dono da Havan e também aliado de Bolsonaro, Luciano Hang. Entre os dados vazados estão informações como e-mails, telefones, endereços, perfil de crédito, renda, nomes de familiares e bens declarados.

Um desses perfis publicou imagens que alega retratarem a lista de bens declarados por Bolsonaro, com valor idêntico à declaração apresentada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de R$ 2.286.779,48, e até uma suposta fatura de posto de gasolina em nome do presidente no valor de R$ 56.160,00, com data de fevereiro deste ano e endereço de cobrança no seu endereço residencial na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

A Anonymous, que seria dona das contas, atua em outros países e ressurgiu no último domingo, dia 31, após desdobramentos do caso de George Floyd, homem negro assassinado durante uma abordagem policial nos Estados Unidos. Em vídeo, a organização ameaça expor "muitos crimes" cometidos pela polícia em todo o mundo.

A conta que - vazou supostos dados de autoridades brasileiras nesta segunda - estava sem publicar no Twitter desde outubro de 2018. No último domingo, anunciou a volta. O perfil afirma ainda que outras contas "hacktivistas" estão sendo reativadas na rede social.

O vereador Carlos Bolsonaro confirmou o vazamento de dados pessoais. Na manhã desta terça, o filho do presidente Jair Bolsonaro escreveu em sua conta no Twitter que o ataque é uma "clara tentativa de intimidação" e que "medidas legais estão em andamento". O deputado Douglas Garcia também confirmou os dados.

Carlos relacionou o vazamento ao que chama de "turma 'pró-democracia'", em alusão às manifestações realizadas nos últimos dias contra o presidente, e reiterou críticas aos desdobramentos do inquérito das fake news no Supremo Tribunal Federal (STF).

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

números mistos

‘Prévia do PIB’, IBC-Br aponta para nova desaceleração da economia

Índice registra crescimento de 0,59% em novembro, abaixo dos 0,75% de outubro, mas acima do esperado por analistas

De um para três

Visando liquidez, Ânima Educação anuncia desdobramento de ações

A empresa explica que o valor do capital social continuará o mesmo, de aproximadamente R$ 2,5 bilhões.

Aquisição

Movida anuncia compra da Vox Frotas por R$ 89 milhões

De acordo com a empresa, o valor será pago em dinheiro, sendo 50% à vista e 50% em um ano após a transação.

dragão debilitado

China cresce 2,3% em 2020, mas pode desacelerar no começo de 2021

Crescimento da economia no 4º trimestre superou expectativas, mas dados de dezembro foram mistos, diz Commerzbank

NÚMEROS DA PANDEMIA

Brasil registra 209,9 mil mortes e 8,48 milhões de casos de covid-19

Nas últimas 24 horas, foram notificados 551 óbitos e 33.040 novos diagnósticos de covid-19, segundo dados do Ministério da Saúde

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies