Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-08-07T17:02:19-03:00
Estadão Conteúdo
Tsunami de dinheiro

Captação líquida de fundos em julho atinge R$ 22,5 bilhões

Resultado foi mais de quatro vezes maior do que o balanço positivo do mesmo mês do ano passado (R$ 4,98 bilhões)

7 de agosto de 2019
17:02
Pessoas trocam sacos de dinheiro
Imagem: Watchara Ritjan/Shutterstock

A captação líquida da indústria de fundos em julho deste ano (R$ 22,5 bilhões) foi mais de quatro vezes maior do que o resultado positivo do mesmo mês do ano passado (R$ 4,98 bilhões), segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

Com esse resultado, o setor acumulou de janeiro a julho uma captação líquida de R$ 161,7 bilhões, mais do que o dobro do registrado ao longo de todo o ano passado (R$ 96,9 bilhões).

Segundo comunicado da Anbima, o resultado de julho confirmou o cenário recente da indústria - com forte crescimento dos multimercados e dos fundos de ações.

O primeiro grupo puxou a captação com 71% (ou R$ 16 bilhões) dos R$ 22,5 bilhões somados por todas as classes.

O segundo grupo veio na sequência, com uma captação de R$ 6,7 bilhões, seguido dos fundos de previdência, com R$ 5 bilhões, e os de renda fixa, com R$ 2,4 bilhões.

Na contramão, os fundos de investimentos em direitos creditórios (FIDCs) tiveram resgate líquido no mês passado de R$ 9,37 bilhões, interrompendo uma sequência de dois meses de forte captação líquida.

Nas palavras do vice-presidente da Anbima e presidente da BB DTVM, Carlos André, o "mercado tem refletido a expectativa de permanência da taxa básica de juros nas alocações dos ativos por um período mais prolongado".

"Até 2016, os fundos de renda fixa tinham uma captação maior na comparação com outras classes. Com a redução da Selic em 2017, houve uma procura maior dos investidores por alternativas de investimentos em fundos - e as classes de multimercados e de ações vêm ganhando cada vez mais relevância", escreve o executivo.

Em julho, grande parte da indústria apresentou, na média, rentabilidade positiva no mês. Uma explicação para isso, segundo a Anbima, é cenário de juros baixos - confirmado pelo corte da Selic no dia 31 de julho - e a aprovação da reforma da Previdência.

Entre os fundos de ações, dez dos 12 tipos registraram variação positiva. Entre eles, destacam-se os tipos de investimento no exterior, com ganhos de 4,76%, índice ativo, com 4,12%, e livre, com 3,58%, bem acima portanto do ganho acumulado do Ibovespa no período (0,84%). Entre os multimercados, o maior retorno positivo (+1,52%) veio do tipo long and short direcional. Os multimercados livre e macro renderam 1,14% e 0,67%, respectivamente.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Mais uma empreitada

Do espaço para as fazendas: Elon Musk consegue licença para oferecer internet via satélite no Reino Unido

A Starlink, segundo informações do jornal Telegraph, quer chegar a regiões onde a cobertura por fibra e 5G não alcançam, e tem planos mais ambiciosos

Leão faminto

Carga pesada: Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão

Monitoramento da Associação Comercial de São Paulo mostra que, no ano passado, marca foi atingida somente no dia 28 de setembro

Muita calma nessa hora

Tem Vale Gás? Petrobras diz que não há definição sobre participação em programas sociais

Manifestação vem depois que o presidente Jair Bolsonaro disse em entrevista que a estatal tem R$ 3 bilhões em reservas para custear ajuda

Clube do Livro

Batalhas sem arma: Em “Cripto Wars”, Jim Rickards explica guerras cambiais e agora, com criptomoedas

Autor, conhecido também por suas previsões certeiras sobre o bitcoin, fala de como a tecnologia mudou as estratégias financeiras dos países

RUMO AO MILHÃO

O primeiro e mais importante investimento para quem atingir o primeiro milhão (ou ir além)

Por mais que você busque o conforto e a segurança de uma promessa de retorno garantido, digo, com convicção, que o único investimento com retorno garantido em longo prazo é aquele feito em educação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies