Menu
2019-04-30T13:39:04-03:00
Estadão Conteúdo
enquanto isso, na fábrica

Ford fecha acordo de demissão incentivada com funcionários de fábrica no ABC

Sem informar valores, a empresa disse que a compensação financeira aos trabalhadores que aderirem à demissão incentivada será definida pela condição do empregado (mensalista ou horista), entre outros fatores

30 de abril de 2019
13:39
Ford, Fábrica da Ford
Fábrica da Ford - Imagem: Bruno Rocha/Estadão Conteúdo

A Ford anunciou nesta terça-feira, 30, por meio de nota, que fechou um acordo de "demissão incentivada" com os trabalhadores da fábrica de São Bernardo do Campo, que será desativada pela montadora ao longo de 2019 e está à venda.

Sem informar valores, a empresa disse que a compensação financeira aos trabalhadores que aderirem à demissão incentivada será definida pela condição do empregado (mensalista ou horista), tempo de trabalho e eventual contratação do funcionário por um potencial comprador da fábrica. A fábrica emprega cerca de 3 mil pessoas.

O acordo também prevê requalificação profissional com cursos realizados em parceria com o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, além de apoio psicológico.

A fábrica da Ford em São Bernardo é a única da marca que produz caminhões. O fechamento da fábrica, que será finalizado nos últimos meses de 2019, é resultado da decisão da empresa de sair do mercado de veículos pesados. A fábrica também produz o automóvel Fiesta, que sairá de linha.

A Ford tem buscado um comprador para a unidade, com ajuda do governo estadual, que tem dito que dará preferência ao comprador que preservar todos os empregos. Há uma negociação avançada com o grupo brasileiro Caoa.

"A Ford informa que as conversas com potenciais compradores da fábrica de São Bernardo do Campo continuam e reafirma seu compromisso em realizar todos os esforços possíveis para obter um resultado positivo", diz a nota.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

cardápio de balanços

Suzano, Fleury e Totvs: os balanços que mexem com o mercado nesta sexta

São empresas cujas ações fazem parte da carteira teórica do Ibovespa – ou seja, os resultados das companhias ajudam a calibrar o índice

Sucessão no bancão

Milton Maluhy Filho será o novo presidente do Itaú Unibanco

Maluhy tem 44 anos e ingressou no Itaú em 2002. Após passar por diversas funções, o executivo ocupa o cargo de vice-presidente da área de riscos e finanças do maior banco privado brasileiro.

Big Techs

Resultados de Facebook, Google, Amazon, Twitter e Apple mexem com o mercado; veja números

Apesar dos resultados estarem bastante acima do esperado pelos analistas, as ações de algumas das gigantes caíram no pós-mercado em NY

Rombo

Governo Central tem déficit de R$ 76,1 bilhões em setembro

O resultado, que reúne as contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central, sucede o déficit de R$ 96,096 bilhões de agosto.

fechamento

Após sangria, Ibovespa acompanha Nova York e sobe 1,3%; juros recuam com Copom

Índice teve sessão de altos e baixos a princípio, mas acabou seguindo bolsas americanas e registrou maior alta em uma semana; Petrobras e Vale são destaques após balanços. Dólar marca leve ganho

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies