Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-16T09:19:14-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

No radar: Ibovespa em 2020, ‘tango’ argentino e escritório em Jerusalém

16 de dezembro de 2019
9:18 - atualizado às 9:19
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O ano ainda não acabou, mas já estamos de olho em 2020. Para onde vai a bolsa? Hoje o Seu Dinheiro traz as impressões de um economista do BTG Pactual para o próximo ano.

No noticiário do dia, destaque para os dados da economia chinesa e o novo escritório do Brasil em Jerusalém.

O que você precisa saber hoje:

Mercados

• O Ibovespa encerrou o pregão de sexta-feira com uma alta de 0,33%, aos 112.564,86 pontos. O dólar teve um avanço de 0,34%, a R$ 4,1076. 

O que esperar dos mercados hoje? Na Ásia, dados fortes da economia chinesa embalaram os negócios e as bolsas fecharam em alta. Os índices futuros em Nova York amanhecem no azul, impulsionando as sessões na Europa. Para um panorama geral do que deve mexer com os mercados na semana, acesse a edição semanal da Bula do Mercado (disponível para leitores Premium). 

Investimentos

• O Ibovespa pode subir mais 15% em 2020, segundo estimativa do economista do BTG Pactual digital, Álvaro Frasson. Em entrevista exclusiva ao Victor Aguiar, ele revela quais as apostas para a bolsa em 2020 e dá uma dica para quem quer se blindar da volatilidade dos tuítes de Donald Trump.

Empresas

• Conheça a história da Saudi Aramco, a petroleira árabe protagonista do maior IPO da história. O mestre Ivan Sant’Anna conta como o príncipe-herdeiro da Arábia Saudita vendeu por trilhões a empresa que seu avô comprou por uma ninharia. 

Política

• O ex-presidente do Banco Central Ilan Goldfajn comentou o cenário econômico atual, em entrevista ao Estadão de ontem. Ele falou sobre os desafios do crescimento e sobre a decisão do BC de adotar um teto na taxa de juros do cheque especial.

O governo brasileiro inaugurou ontem um escritório em Jerusalém, em Israel. O objetivo do projeto é fortalecer a parceria com o país nas áreas de inovação, tecnologia e investimentos.

O novo governo argentino faz seus primeiros atos. Ele anunciou o aumento dos custos para demissão sem justa causa e a elevação do imposto sobre exportação de produtos agrícolas.

A Receita paga hoje as restituições do sétimo lote do Imposto de Renda 2019. Ao todo 320.606 contribuintes receberão o total de R$ 700 milhões. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

DINHEIRO NA CONTA

Dividendos: Vibra (VBBR3) distribui R$ 148,5 milhões em JCP

Valor refere-se à segunda parcela de pagamento aos acionistas anunciado quando a Vibra ainda atendia como BR Distribuidora

Rumo aos dois dígitos

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 9,25%

Aumento da taxa básica dispara gatilho de mudança na forma de remuneração da poupança. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies