Menu
2019-07-08T14:19:04-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
vem mudança aí

Medida permite controle pulverizado de resseguradoras; IRB Brasil deve ser beneficiado

Governo e o Banco do Brasil já idealizam vender suas fatias na companhia em uma operação que pode movimentar cerca de R$ 8 bilhões na bolsa

8 de julho de 2019
14:14 - atualizado às 14:19
Agência do Banco do Brasil
Governo e o Banco do Brasil já idealizam vender suas fatias no IRB. - Imagem: Shutterstock

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) autorizou seguradoras e resseguradoras de capital aberto serem empresas "corporation", ou seja, de controle pulverizado - o que antes não era possível.

Como o aval vale somente para empresas com ações listadas em bolsa, a medida deve beneficiar principalmente o IRB Brasil Re - única resseguradora de capital aberto no País. O governo e o Banco do Brasil já idealizam vender suas fatias na companhia em uma operação que pode movimentar cerca de R$ 8 bilhões na bolsa.

A permissão para que resseguradoras e seguradoras atuassem como uma corporation era parte do rito necessário para que os acionistas pudessem se desfazer de suas participações no IRB.

O ressegurador é controlado pela União (11,7%) juntamente com Itaú Unibanco (11,1%), Bradesco (15,2%) e Banco do Brasil, por meio da sua holding de seguros, a BB Seguridade, com 15,2%, além do Fundo Barcelona, administrado pela Caixa Econômica Federal e com 3,0%.

A medida

Assinado pela superintendente da Susep, Solange Vieira, o documento altera a resolução CNSP 330, de 2015, que dispõe sobre as exigências para constituição, autorização, cadastro, alterações de controle e reorganizações societárias de seguradoras e resseguradoras.

Dentre as mudanças anunciadas está o artigo 17, no qual a Susep estabelece que, no caso de indefinição de controle por participação societária, representada pela ausência de um único acionista com mais de cinquenta por cento do capital votante, os integrantes do grupo de controle, se houver, devem apresentar à Susep minuta de acordo de acionistas ou quotistas envolvendo todos os níveis de participação societária.

A medida visa a, conforme a autarquia, definir o exercício do poder de controle, do qual deve constar cláusula de prevalência do referido acordo sobre qualquer outro não submetido à apreciação do órgão regulador.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

de olho na agenda

Congresso sacramenta decisão de levar Orçamento para plenário e abre prazo para emendas

Cúpula do Legislativo tenta afastar o “fantasma” do shutdown; Se a LDO não for aprovada ainda neste ano, o governo fica sem autorização para realizar despesas básicas em janeiro, como salários e aposentadorias

em brasília

Mourão diz que parte dos assessores de Bolsonaro distorce fatos

Vice-presidente afirmou nesta sexta-feira que existe “certa incompreensão” no seu relacionamento com o chefe do Executivo

seu dinheiro na sua noite

Free Solo: Ibovespa escala para perto da marca histórica

Com imagens de tirar o fôlego, o extraordinário documentário Free Solo conta a preparação do alpinista Alex Honnold para chegar ao topo do El Capitan, uma parede rochosa com quase 1000 metros de altura. Detalhe: a escalada é feita sem equipamentos de segurança. O filme vencedor do Oscar está disponível no Disney Plus. Mas quem não é […]

Respiro

E-commerce fatura R$ 7,72 bilhões com Black Friday e Cyber Monday em 2020

O valor representa aumento de 27,7% em relação ao mesmo período do ano passado.

fechamento dos mercados

Ibovespa engata 5ª semana seguida de alta com Petrobras, Vale e aéreas

Índice local de ações não tinha sequência tão longa de ganhos semanais desde dezembro de 2019; dólar mantém trajetória de queda e juros longos se descomprimem de novo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies