Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-10-14T14:23:01-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
reversão?

Após três quedas seguidas, confiança da indústria avança em agosto

ICI, da FGV, subiu 0,8 ponto no mês, para 95,6 pontos; ainda assim, especialista diz que é insuficiente para mudar tendência de baixa

26 de agosto de 2019
11:17 - atualizado às 14:23
Fábrica em Mogi das Cruzes, São Paulo.
Imagem: Shutterstock

O Índice de Confiança da Indústria (ICI) da Fundação Getulio Vargas (FGV) avançou 0,8 ponto em agosto, para 95,6 pontos, após três quedas consecutivas, mas ainda se manteve aquém dos 100 pontos. Além disso, em médias móveis trimestrais o índice ainda recuou, pelo quinto mês consecutivo, desta vez em 0,5 ponto.

Apesar do resultado positivo em agosto, a economista da FGV Renata Mello Franco avalia que é insuficiente para mudar a tendência de queda. Ela lembra que enquanto os indicadores para os próximos três meses avançaram, o sentimento em relação à evolução dos negócios nos seis meses seguintes piorou.

Por segmentos, a melhora da confiança foi observada em 12 dos 19 avaliados. O Índice de Situação Atual (ISA) cresceu 1,2 ponto, para 95,6 pontos, enquanto o Índice de Expectativas (IE) subiu 0,4 ponto, atingindo 95,7 pontos.

Condutor

Em agosto, todos os componentes do ISA apresentaram comportamento favorável, mas a melhora na percepção sobre os estoques foi o principal condutor da evolução do indicador no mês.

A parcela de empresas que avaliam o nível de estoques como insuficiente aumentou de 5,2% para 5,4% do total, enquanto a parcela das que consideram excessivo caiu de 11,8% para 10,8% do total, levando a uma alta de 2,4 pontos do indicador, para 96,5 pontos.

Já a produção aumentou 0,8 ponto e a situação atual dos negócios teve variação positiva de 0,1 ponto.

No IE, houve melhora das expectativas para os próximos três meses. Os indicadores de produção prevista e evolução pessoal ocupado aumentaram em 2,0 e 2,2 pontos, respectivamente. Em compensação, o indicador que mede o otimismo dos empresários com a evolução do ambiente de negócios nos seis meses seguintes caiu 3,1 pontos.

Quanto ao Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI), houve alta de 0,3 ponto porcentual entre julho e agosto, alcançando 75,8% e acumulando 1 ponto de crescimento no ano. Em médias móveis trimestrais, o NUCI avançou pela quinta vez seguida, em 0,1 ponto, para 75,4%.

A edição da confiança da indústria de agosto coletou informações de 1.138 empresas entre os dias 1º e 22 deste mês. A próxima divulgação ocorrerá em 26 de setembro, com a prévia saindo dia 20 de setembro.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Ele está de volta?

Setores fazem pressão por volta do horário de verão

Criado com a finalidade de aproveitar o maior período de luz solar durante a época mais quente do ano, o horário de verão foi instituído no Brasil em 1931 pelo então presidente Getúlio Vargas e adotado em caráter permanente a partir de 2008.

MANOBRAS

Juiz põe no banco dos réus ex-gestores do banco Máxima por gestão fraudulenta

O Banco Máxima S.A. informa que seus atuais acionistas assumiram a administração do banco em 2018, após aprovação pelo Banco Central, e que os integrantes da antiga gestão não têm mais qualquer relação com a instituição financeira

Foguete? Tô fora!

Warren Buffet: o bilionário que não quer conhecer as estrelas

Enquanto Bezos, Musk e Branson protagonizam a nova corrida especial, o Oráculo de Omaha prefere apenas observar

O melhor do Seu Dinheiro

O seu momento Sherlock Holmes

Na adolescência, ouvia que quem buscasse por romance policial brasileiro deveria ler algo do Rubem Fonseca. Era uma vontade minha achar uma história desse gênero que fosse mais próxima da minha realidade — e o filtro nacionalidade me pareceu o mais adequado.  A ideia surgiu depois de ter conhecido parte das histórias criadas por Agatha […]

Mesa Quadrada

Comentarista da ESPN Paulo Antunes fala da sua paixão por futebol americano e experiência no mercado financeiro

Ele conta sobre suas aventuras na cobertura de futebol americano e basquete e ainda revela seus investimentos na Bolsa em novo episódio do podcast Mesa Quadrada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies