Menu
2019-10-14T14:10:47-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Não é bem assim

Libra, o ‘bitcoin do Facebook’, anunciou que já conta com 28 empresas parceiras, mas a Visa diz que não é bem assim

CEO da gigante de pagamentos afirmou que sua empresa apenas assinou uma carta de intenção não vinculante para se juntar à Libra

28 de agosto de 2019
16:40 - atualizado às 14:10
Montagem do logo da Libra (Criptomoeda do Facebook Libra) em uma criptomoeda
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Em junho deste ano o projeto Libra, a criptomoeda que está sendo desenvolvida pelo Facebook, anunciou que já contava com 28 grandes empresas parceiras para tocar o projeto. A lista era de causar inveja e contava com grandes marcas como Uber, Spotify, PayPal e Mastercard.

Mas uma declaração recente do CEO da gigante de pagamentos Visa, Alfred Kelly, uma das parceiras anunciadas pela Libra, colocou em xeque a estrutura de negócio. Durante a teleconferência de resultados do terceiro trimestre da sua companhia, Kelly negou que qualquer negócio de parceria tenha sido concluído com o Facebook, idealizador da Libra.

Minimizando o envolvimento da Visa com criptomoeda, o executivo respondeu que as empresas apenas assinaram uma carta de intenção não vinculante para se juntar à Libra. "Somos uma das empresas que expressaram esse interesse. Ninguém ainda se juntou oficialmente”, declarou.

Para ele, ainda é muito cedo para formalizar qualquer vínculo com o megaprojeto, mas que o interesse da Visa existe.

Para onde quer que eu vá

A estratégia divulgada pela cripto do Facebook era que os estabelecimentos que recebiam pagamentos via bandeira Mastercard ou Visa passassem a aceitar também a Libra.

Mas as declarações de Kelly expuseram uma série de obstáculos que o projeto ainda deve superar para que as parcerias se concretizem.

Vale lembrar que o o Facebook vem se defendendo de uma série de ações regulatórias mundo afora desde que resolveu anunciar sua ideia. Os mercados demandam informações mais detalhadas sobre como a Libra funcionaria. Entre os críticos, há o temor de que a chegada desse grande projeto ao mercado cause instabilidade financeira mundo afora.

Trabalhando em segurança

Em busca do seu lugar ao Sol, o projeto Libra atualmente trabalha no lançamento de um Programa Bug Bounty público ainda este ano. A ideia nasce com o objetivo de aumentar a segurança do blockchain, permitindo que os pesquisadores enviem erros e façam alertas sobre problemas de privacidade e segurança.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

um viral que vale US$ 90 bi

Confira os 5 fatos que estão fazendo o Dogecoin subir (de novo) e passar a valer mais que a Petrobras

Valendo US$ 0,68 por unidade, o DOGE ficou próximo dos US$ 90 bilhões em valor de mercado

depois do gpa

Ações de Assaí ganham novo impulso após lucro da empresa dobrar; veja o que dizem os analistas

Lucro foi de R$ 240 milhões no primeiro trimestre, um pouco acima do esperado; mercado fala que há espaço para papéis subirem mais até o final do ano

Contribuintes atentos

Economia pede a Bolsonaro que vete o adiamento de prazo do Imposto de Renda para julho

A pasta argumenta que o novo adiamento impactaria a arrecadação da União e dos governos federais e poderia impedir até mesmo o pagamento de programas sociais de combate à pandemia

RADIO CASH

‘O centrão vai fazer o Bolsonaro sangrar e a esquerda trabalhar para ele. Isso é diabólico’, diz o economista Eduardo Giannetti

Em entrevista exclusiva ao podcast RadioCash, o economista opina sobre a conjuntura da CPI da Covid, eleições de 2022 e o impacto da política monetária global, confira:

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies