Menu
2019-11-09T11:17:42-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Desempenho de fazer inveja

Procurando qual a melhor empresa para investir na bolsa? Então preste atenção nos bilionários

Estudo divulgado pelo Banco UBS mostra que o desempenho das companhias lideradas por magnatas foi superior à média de mercado

9 de novembro de 2019
10:34 - atualizado às 11:17
bolsa ações bilionários
Imagem: Shutterstock

Investir em bolsa de valores pode ser um verdadeiro jogo de risco, principalmente se você não escolher as empresas certas para ser sócio. Nessa tacada, buscar indicações sobre as melhores alternativas de investimentos faz toda a diferença.

Pensando nisso, um estudo divulgado pelo Banco UBS nesta semana trouxe uma dica interessante para quem quer investir em empresas da bolsa mas não sabe muito bem qual delas escolher.

A dica é muito simples: na dúvida, dê atenção especial aos bilionários. O estudo aponta que nos últimos 15 anos as empresas controladas por bilionários tiveram um desempenho superior às demais empresas listadas no mercado de ações. Segundo o levantamento, essas companhias apresentaram um retorno médio de 17,8% no período, enquanto que a média do mercado girou em torno dos 9,1%.

Quer rentabilidade? Então toma!

Outro fator de grande importância para os investidores, a rentabilidade média das empresas controladas por bilionários também não fez feio.

O retorno médio sobre o patrimônio líquido (ROE) nos últimos 10 anos girou em torno de 16,6%, porcentagem bastante significativa se compararmos com os 11,3% entregues pelas demais empresas.

Além disso, as empresas lideradas pelos ultrarricos também conseguiram um forte desempenho após sua abertura de capital. O UBS fez uma análise como 102 empresas controladas por bilionários listadas publicamente e nela constataram que, nos três anos anteriores ao IPO (oferta inicial de ações, na sigla em inglês), essas companhias tiveram um ROE médio de 35,4%. Logo após a oferta, a rentabilidade média declinou para 17,3%, algo considerado natural pelo mercado.

O diferencial está justamente no período após o IPO: as empresas controladas por bilionários apresentaram uma recuperação constante ao longo dos anos. Já no caso das outras empresas, o estudo mostra que ROE declinou com o IPO e seguiu ladeira abaixo nos anos posteriores.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Orçamento em foco

Presidente da Câmara defende a desvinculação total do orçamento

Arthur Lira (PP-AL) rejeita tese segundo a qual desvinculação deixaria setores essenciais sem recursos

Liminar

Tribunal de Contas de São Paulo suspende leilão de linhas da CPTM

Leilão estava previsto para a próxima terça-feira

Contra a pandemia

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 1,9 trilhão

Projeto de lei segue agora para o Senado

IPO registrado

Rio Branco Alimentos protocola pedido de registro de oferta pública de ações

Oferta será primária e terá como coordenador-líder o Citi, além da coordenação do Bank of America Merril Lynch e do BTG Pactual

Boleto salgado

Aneel mantém bandeira amarela em março; conta de luz continua com taxa adicional

É o terceiro mês consecutivo que o órgão regulador aciona bandeira neste patamar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies