IPCA + 7,5%: receba esta e outras ofertas ‘premium’ de renda fixa no WhatsApp; clique aqui

Cotações por TradingView
2019-06-26T14:50:02-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
o futuro já começou

Boeing fecha parceria com empresa de carros voadores de Larry Page

Parceria deve unir inovação da Kitty Hawk com a escala da Boeing e seu expertise aeroespacial; empresa trabalhará com modelo Cora

26 de junho de 2019
14:47 - atualizado às 14:50
Boeing Kitty Hawk CoraThumb
Modelo Cora, da Kitty Hawk - Imagem: Divulgação

A Boeing informou que fechou uma parceria com a Kitty Hawk, a empresa de veículos voadores de Larry Page, co-fundador do Google.

Por volta das 14h40, as ações da multinacional de desenvolvimento aeroespacial e de defesa eram negociadas a US$  377,24 na bolsa de Nova York, numa alta de 2,14%. Confira nossa cobertura de mercados desta quarta-feira, 26.

Segundo a companhia, o acordo visa juntar esforços para avançar na busca pela qualidade da mobilidade urbana. E acrescenta ainda que a parceria estratégica unirá a inovação da Kitty Hawk com a escala da Boeing e seu expertise aeroespacial.

"Trabalhar com uma empresa como a Kitty Hawk nos deixa mais próximos do objetivo de avançar com segurança no futuro da mobilidade”, disse Steve Nordlund, vice-presidente e gerente da Boeing NeXt.

Já o CEO da Kitty Hawk, Sebastian Thrun, falou que está animado em ver as duas empresas trabalhando juntas para tornar cada vez mais próximo da realidade o voo de carros elétricos.

Cora e Drive.in

Fundada por Larry Page, Kitty Hawk criou um modelo chamado Cora, um veículo híbrido de drone e helicóptero, que promete levar até dois passageiros do ponto A ao B sem se preocupar com o tráfego ou a emissão de carbonos na atmosfera.

É justamente com a equipe responsável pelo Cora que o pessoal da Boeing terá contato.

Vale lembrar que o Cora funciona com base num software que permite o voo com a supervisão de humanos. A empresa ainda é dona do Flyer, um modelo comandado pelo próprio passageiro.

A empresa de Page não está sozinha. A Apple disse no início do mês que estuda comprar a Drive.in, uma outra empresa de carros autônomos. De acordo com o site Axios, o negócio já foi fechado. A companhia chegou a ser avaliada em US$ 200 milhões dois anos atrás.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

REVIRAVOLTA NA B3?

Sem tempo para esfriar o corpo! Oi (OIBR3) entra com pedido cautelar e pode se preparar para a sua segunda recuperação judicial em menos de dois meses

1 de fevereiro de 2023 - 23:24

Hoje, uma eventual falência da Oi afetaria mais de 62 mil colaboradores, com impactos para os cofres públicos, uma vez que a companhia honra cerca de R$ 2,85 bilhões em compromissos fiscais.

DIA 32

Eleições no Congresso: das favas contadas à vitória de Lula contra o avanço bolsonarista

1 de fevereiro de 2023 - 20:25

Rodrigo Pacheco foi reconduzido à presidência do Senado com 49 votos, enquanto Arthur Lira foi reeleito para o comando da Câmara — mas os números não contam o que estava em jogo

LUCRO NO EXTERIOR

Petrobras (PETR4) sofre derrota bilionária no CARF, mas garante que irá recorrer; entenda o caso

1 de fevereiro de 2023 - 19:44

A estatal perdeu em um julgamento de recursos contra duas cobranças que totalizam cerca de R$ 5,7 bilhões

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Jerome Powell encanta Wall Street, mas Ibovespa não acompanha; confira os destaques do dia

1 de fevereiro de 2023 - 19:34

Chamado de Eros no Monte Olimpo e de Cupido na Roma Antiga, o deus da paixão é fruto da união entre os deuses da guerra e do amor. Ainda que ganhe novos nomes por onde passa, a imagem de um ser angelical armado com a flecha dos enamorados é universalmente reconhecida — e parece ter […]

é hora de dizer adeus

Stone embolsa R$ 218 milhões com venda de ativos e dá adeus ao Inter

1 de fevereiro de 2023 - 19:30

Cada BDR negociado na B3 sob o ticker INBR32 corresponde a uma ação de Classe A negociada em Nova York. Nesta quarta-feira, o ativo recuou cerca de 6% após a operação.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies