Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2018-10-05T12:36:09-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Em queda

Desemprego nos EUA continua caindo mas a geração de vagas também

País gerou 134 mil vagas no mês, o menor patamar dos últimos 12 anos; taxa de desemprego caiu de 3,9% para 3,7%

5 de outubro de 2018
10:44 - atualizado às 12:36
Donald Trump
Presidente dos EUA - Imagem: Shutterstock

A taxa de desemprego nos Estados Unidos caiu para 3,7% em setembro ante 3,9% em agosto, divulgou o Departamento de Trabalho do país nesta sexta-feira, 5.

Por outro lado, o país gerou 134 mil vagas no mês, o menor patamar mensal dos últimos 12 meses. O resultado é visto como um possível sinal de que empregadores começam a ter dificuldades para preencher vagas com as medidas impostas pelo atual governo de Donald Trump, que dificultam a contratação de estrangeiros no país. Analistas ouvidos pelo Broadcast, do Estadão, previam 185 mil vagas criadas e taxa de desemprego em 3,8%.

O salário médio por hora subiu 0,29% em setembro ante agosto, para US$ 27,24 (+US$ 0,08). Na comparação anual, houve alta de 2,8%. A projeção dos economistas, nesse caso, era de alta mensal de 0,30% e de 2,8% no ano.

Furacão Florence

No relatório, o departamento explica que os números de emprego em alguns setores podem ter sido afetados pelo furacão Florence, que atingiu alguns estados do país no mês passado. O órgão não conseguiu, contudo, quantificar esse impacto, informando que a taxa de resposta à pesquisa de setembro ficou dentro do patamar considerado normal.

Os números revisados também mostraram que houve geração de 270 mil vagas em agosto e de 165 mil em julho, um ganho líquido de 87 mil. Ao longo dos primeiros nove meses do ano, os empregadores criaram em média 211 mil postos ao mês, superando a média mensal de 2017, de 182 mil. No mês passado, 150 mil americanos entraram na força de trabalho, mantendo estável a taxa de participação na força do trabalho, em 62,7%.

*Com Estadão Conteúdo
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

parecer do relator da reforma

Dividendos recebidos por fundos de investimento; veja novas mudanças em 4 pontos

Relator da reforma do Imposto de Renda inseriu em seu parecer a previsão de que os lucros e dividendos recebidos por fundos de investimento serão tributados em 5,88%

seu dinheiro na sua noite

Com alta da Petrobras, Ibovespa fecha terça no azul; veja os destaques

Dia teve tanto o Ibovespa quanto o dólar em uma verdadeira montanha-russa, mas altas de Vale e Petrobras garantiram fechamento no azul

FECHAMENTO DO DIA

Vale puxa o Ibovespa e garante alta do dia, mas dólar avança com temores fiscais na véspera do Copom

Em Nova York, a volatilidade foi mais comedida. No Brasil, o conturbado cenário interno trouxe dor de cabeça e tensão para o Ibovespa e o câmbio

Chama o Max!

Como ter renda extra através de ações? Max Bohm explica os diferentes tipos de proventos!

Já pensou viver de renda? É o sonho de muitos brasileiros. Max Bohm, analista da Empiricus, explica quais são os diferentes tipos de proventos recebidos por um acionista. Confira agora!

Com preço no piso da faixa indicativa, Raízen movimenta R$ 6,9 bilhões no IPO; veja o que vem a seguir para esta ação

Ação da produtora de açúcar e álcool e dona dos postos Shell é precificada a R$ 7,40 e começará a ser negociada no próximo dia 5

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies