Menu
2018-10-18T10:05:32-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Cortando dívidas

Casino está se livrando dos seus imóveis na França

Grupo francês vai se desfazer de 14 imóveis da varejista Monoprix

18 de outubro de 2018
9:21 - atualizado às 10:05

O grupo francês Casino, que controla o Grupo Pão de Açúcar (GPA), fechou um acordo com a AG2R La Mondiale para vender 14 imóveis da varejista Monoprix. A informação foi anunciada pela companhia nesta quinta-feira, 18.

Ao todo, os imóveis têm um valor total de 180 milhões de euros (US$ 207,7 milhões) após deduções de taxas de registro, segundo "Broadcast", do Estadão. O Casino agora espera receber os recursos das vendas até janeiro de 2019.

Nos últimos meses, o Casino vendeu 55 imóveis da Monoprix avaliados em 565 milhões de euros. Em junho, a empresa já havia anunciado os planos de se desfazer de 1,5 bilhão de euros em ativos. Os cortes fazem parte de uma estratégia da varejista para reduzir sua alavancagem na França.

*Com Estadão Conteúdo 

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

REFORMAS

Reformas tributária e administrativa podem ir juntas ao Congresso

Em sua fala, o presidente reafirmou a necessidade de reduzir os impostos e destacou que Estados e municípios têm autonomia e independência para alterar alguns impostos. “Não culpe só a mim”

MAIS CASOS CONFIRMADOS

Novo coronavírus já infectou mais de 2 mil pessoas ao redor do mundo

Também há casos confirmados da doença nos Estados Unidos, Tailândia, Japão, Coreia do Sul, Vietnã, Cingapura, Malásia, Nepal, França e Austrália

MAIS DESINVESTIMENTOS?

Oi contrata Bank of America para acelerar venda de telefonia móvel, diz jornal

De acordo com o jornal O Globo, a companhia espera obter R$ 15 bilhões com o negócio

PENSATA DE DOMINGO

Nunca é tarde para entrar na bolsa. Será?

Hoje quero falar sobre a visão que eu e o Rodolfo compartilhamos para o ano de 2020. E, claro, o que você deve fazer com seus investimentos para chegar à aposentadoria precoce.

CORONAVÍRUS

Xi Jinping alerta para a ‘grave situação’ criada pela disseminação ‘acelerada’ do novo coronavírus

Até agora, as autoridades disseram que a doença já infectou mais de 1.300 pessoas e matou 41. Mas a Comissão Nacional de Saúde anunciou que 237 pacientes estão em condições graves

ECONOMIA

‘Recessão profunda torna retomada lenta’, diz economista do Insper

“Um ponto a se considerar é que, somando com os resultados de 2018, já são quase 1,2 milhão de empregos desde a crise. O mercado de trabalho demorou para responder, porque a recessão foi muito profunda, mas está respondendo”, falou Sergio Fripo

AINDA SOBRE A 'CAIXA-PRETA'

TCU dá 20 dias para BNDES explicar auditoria milionária da ‘caixa-preta’

Após um ano e dez meses focado em oito operações com as empresas JBS, Bertin, Eldorado Brasil Celulose, a auditoria não apontou nenhuma irregularidade

DE OLHO NA VALE

Vale paga multas ao governo mineiro, mas questiona cobranças do Ibama

De acordo com dados da Semad, foram aplicados até o momento 11 autos de infração em decorrência do rompimento da barragem no dia 25 de janeiro de 2019

OLHO NAS STARTUPS

Volume de aportes em startups do País cresce 80% e atinge US$ 2,7 bi em 2019

O número de aportes, por sua vez, cresceu 8,3% na comparação com 2018, mas não bateu recordes – em 2017, foram 263 investimentos no País, mas com valor individual menor, totalizando US$ 905 milhões

ACORDOS

Bolsonaro assina 15 acordos com a Índia e fala que comércio poderá superar US$ 50 bilhões até 2022

O principal acordo assinado é o de cooperação e facilitação de investimentos (ACFI), segundo o jornal Folha de S.Paulo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements