Menu
2019-04-05T14:22:25-03:00
Estadão Conteúdo
Com plano de desinvestimento

Casino assume compromisso de vender lojas em negociação de 42 milhões de euros

Plano, acertado em compromisso prévio com as empresas, é vender 17 unidades para a rede de supermercados alemã Lidl e um hipermercado Géant de Roubaix para a Leclerc

15 de fevereiro de 2019
10:53 - atualizado às 14:22
Casino
Casino - Imagem: shutterstock

Grupo Casino, que no Brasil controla o Grupo Pão de Açúcar (GPA), decidiu vender algumas de suas lojas por um total de 42 milhões de euros, conforme informou o varejista nesta sexta-feira, 15.

O plano, acertado em compromisso prévio, é vender 17 unidades para a rede de supermercados alemã Lidl e um hipermercado Géant de Roubaix para a Leclerc.

Os franqueados do grupo francês, que representam de 49% do Casino, também assinaram um acordo para vender 16 lojas para o Lidl.

Os negócios, conforme a empresa, fazem parte de sua estratégia de desinvestimento com foco em lojas avaliadas como "estruturalmente deficitárias". A expectativa é a de que as alienações sejam concluídas ainda no primeiro semestre deste ano.

No caso das lojas integradas, o compromisso acertado representa um valor de 25 milhões de euros em produtos da venda e levam em conta o hipermercado para o Leclerc - com a venda simultânea de seus imóveis para o proprietário do shoppings - e as 17 lojas (oito Leader Price, oito Casino Supermercados e um Hyper Casino) para a rede Lidl. Estas 18 unidades, de acordo com o grupo, representaram um volume de negócios de 88 milhões de euros no ano passado, com um prejuízo de 12 milhões de euros.

No caso das franquias, estão sendo vendidas 16 unidades: nove supermercados Leader Price e sete do Casino, também para a rede alemã. O valor é de 17 milhões de euros. Este conjunto de lojas representa um volume de negócios de 60 milhões de euros em 2018 e uma perda de 9 milhões de euros. Os contratos fechados preveem a continuidade dos contratos dos funcionários dessas lojas, de acordo com as normas legais.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Entrevista

‘Desemprego alto e déficit público nos deixam cautelosos’, diz presidente da Whirlpool

CEO da fabricante das marcas Consul e Brastemp diz estar cauteloso para investir em produção e em relação à sustentabilidade da demanda, por conta de desemprego e da situação fiscal

Mercadores da noite

Bolsa, dólar e juros subindo: qual dos três está mentindo?

Quando a Bolsa, o dólar e as taxas de juros estão subindo ao mesmo tempo, um dos três está mentindo – qual deles será e o que fazer?

Infraestrutura

Novo marco legal para ferrovias vai a votação no Senado na próxima semana

Legislação promete organizar regras do setor e permitir novos formatos para a atração de investimentos privados

Telecomunicações

Operadoras cobram transparência do governo na definição da tecnologia 5G

Teles se dizem preocupadas com as “incertezas” relativas ao processo, depois de governo sinalizar banimento da chinesa Huawei

Recorde

Estrangeiros põem R$ 30 bilhões na bolsa brasileira em novembro

Trata-se de recorde de entrada de recursos estrangeiros em um mês, impulsionado pela migração de recursos para bolsas emergentes; movimento por aqui, porém, pode ser passageiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies