Menu
2018-10-18T20:24:17-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Gigante de calçados prepara sucessão

Depois de 15 anos, Márcio Utsch vai vestir suas havaianas e deixar a presidência da Alpargatas

Conselho de Administração da empresa aprovou o nome de Roberto Funari para substituir o executivo

18 de outubro de 2018
20:24
marcio-utsch
Utsch ficou à frente da Alpargatas por 15 anos - Imagem: Miguel Ângelo/CNI

Márcio Luiz Simões Utsch assumiu a presidência da Alpargatas em 2003, quando a empresa ainda pertencia à Camargo Corrêa.

De lá para cá, muita coisa mudou na casa dos chinelos Havaianas: em 2013, a compra do controle total da subsidiária na Argentina; em 2015, a venda das marcas Topper e Rainha e, pouco tempo depois, a J&F Investimentos, dona da JBS, comprou a empresa por R$ 2,67 bilhões - isso pouco tempo antes do escândalo das delações dos Batista.

Em julho de 2017, outra mudança: as empresas Cambuhy Investimentos e Brasil Warrant e a holding Itaúsa fecharam a negociação de compra da Alpargatas por R$ 3,5 bilhões de reais.

Apesar de tudo isso, o nome do presidente permanecia intocável. Mas nesta quinta-feira, 18, a Alpargatas deu o primeiro passo para colocar um fim a era Utsch, quando o conselho de administração da empresa anunciou a indicação de Roberto Funari para assumir o controle dos negócios.

Funari é formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e fez carreira em gestão de negócios e marcas globais, estratégia corporativa e inovação. Ele ocupou cargos em empresas como Reckitt Benckiser e Imperial Brands. O plano de sucessão começa hoje e deve se estender até o primeiro trimestre de 2019. Vale ficar atento à reação das ações da Alpargatas no pregão de sexta-feira, 19, diante dessa mudança que já pode ser considerada histórica.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Estrada do futuro

Como as empresas mentem para você sobre o crescimento exponencial

A palavra “exponencial” está batida. Todo mundo se diz exponencial. O Google é exponencial, a Amazon é exponencial… então toda empresa de tecnologia é exponencial? Não. Entenda as diferenças

Mais uma opção

Empresa protocola na Anvisa pedido para uso emergencial da Sputnik V

Neste domingo, Anvisa se reunirá para tratar de pedidos para uso de vacinas CoronaVac e a da AstraZeneca/Oxford

Seguro obrigatório

Pagamento de indenizações do DPVAT passa a ser feito pela Caixa

Banco agora é o responsável pela gestão dos recursos do seguro e pelo pagamento das indenizações. A medida começa a valer a partir desta segunda-feira

Sinal verde

Bolsonaro não deve mais barrar a Huawei no leilão do 5G no Brasil

Segundo fontes do Palácio do Planalto e do setor de telecomunicações, o banimento da empresa chinesa provocaria um custo bilionário com a troca dos equipamentos

Impasse

Guedes monta operação ‘apara arestas’ para manter Brandão à frente do Banco do Brasil

Por enquanto, o presidente do BB está no “limbo” na avaliação de funcionários do próprio banco, sem uma manifestação pública do presidente e de Guedes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies