Menu
2018-10-18T20:24:17-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Gigante de calçados prepara sucessão

Depois de 15 anos, Márcio Utsch vai vestir suas havaianas e deixar a presidência da Alpargatas

Conselho de Administração da empresa aprovou o nome de Roberto Funari para substituir o executivo

18 de outubro de 2018
20:24
marcio-utsch
Utsch ficou à frente da Alpargatas por 15 anos - Imagem: Miguel Ângelo/CNI

Márcio Luiz Simões Utsch assumiu a presidência da Alpargatas em 2003, quando a empresa ainda pertencia à Camargo Corrêa.

De lá para cá, muita coisa mudou na casa dos chinelos Havaianas: em 2013, a compra do controle total da subsidiária na Argentina; em 2015, a venda das marcas Topper e Rainha e, pouco tempo depois, a J&F Investimentos, dona da JBS, comprou a empresa por R$ 2,67 bilhões - isso pouco tempo antes do escândalo das delações dos Batista.

Em julho de 2017, outra mudança: as empresas Cambuhy Investimentos e Brasil Warrant e a holding Itaúsa fecharam a negociação de compra da Alpargatas por R$ 3,5 bilhões de reais.

Apesar de tudo isso, o nome do presidente permanecia intocável. Mas nesta quinta-feira, 18, a Alpargatas deu o primeiro passo para colocar um fim a era Utsch, quando o conselho de administração da empresa anunciou a indicação de Roberto Funari para assumir o controle dos negócios.

Funari é formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e fez carreira em gestão de negócios e marcas globais, estratégia corporativa e inovação. Ele ocupou cargos em empresas como Reckitt Benckiser e Imperial Brands. O plano de sucessão começa hoje e deve se estender até o primeiro trimestre de 2019. Vale ficar atento à reação das ações da Alpargatas no pregão de sexta-feira, 19, diante dessa mudança que já pode ser considerada histórica.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

ESTRADA DO FUTURO

As ações de tecnologia estão caras ou baratas? Saiba como os analistas fazem as contas

Com o tempo, a análise dessas empresas migrou da abordagem de tradicional para um modelo de probabilidades e grandes números

Pandemia

Número de óbitos por covid-19 passa de 434 mil; casos passam de 15,5 milhões

Mais de 2 mil mortes e 67 mil novos casos foram registrados nas últimas 24 horas

Polui menos

Petrobras bate recorde de vendas de diesel S-10

Impacto ambiental do derivado é menor

Acabou a mamata?

Congresso reage a supersalários da cúpula do governo

Medida beneficia diretamente o presidente Jair Bolsonaro e seu vice, Hamilton Mourão

Vieram fortes

Commodities e dólar em alta turbinam lucros de exportadoras no 1º trimestre

Expectativa é de efeito positivo sobre o PIB, mas comportamento desigual das empresas de capital aberto preocupa analistas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies