Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-10-10T10:01:54+00:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Ele ri quando os outros choram

10 de outubro de 2019
10:01
O Melhor do Seu Dinheiro
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Cada vez que a bolsa cai com força, circulam nos grupos de Whatsapp os memes de investidores em prantos. É o choro de quem perdeu dinheiro. Mas enquanto alguns se lamentam, outros riem. Às vezes recebo também alguma piada de ursos no happy hour celebrando a queda da bolsa. Afinal, não tem negócio sem comprados e vendidos.

Quem está vendido aposta contra um ativo. Acha que está caro e que o preço vai cair. E faz uma operação de venda até mesmo sem ter o papel. Tudo isso pensando em lucrar com a queda. São os ursos do mercado, que estão na “briga” no pregão com os touros, os comprados, que acham que os preços vão subir.

Temos um urso aqui no Seu Dinheiro. O Ivan Sant’Anna, autor da coluna Seu Mentor de Investimentos, fez história vendido. Ele virou um jovem rico vendendo contratos de dólar a descoberto no fim dos anos 50. Chegou a ser apontado por um colunista social como um dos dez melhores partidos de Belo Horizonte (que tal, hein?).

Mas os ursos também choram. Afinal, ele pode estar errado e os preços podem subir. Numa dessas ocasiões, Ivan perdeu em 3 meses o equivalente a 90 carros zero quando vendeu um contrato futuro de café.

No texto de hoje, o Ivan relembra suas grandes tacadas e traz suas lições. Ele também lista alguns dos melhores momentos da história para os vendidos, como o 11 de Setembro e o trade de US$ 1 bilhão de George Soros. Ele ainda dá uma ideia de operação para você fazer. Vale muito a pena a leitura!

PS: O texto do Ivan é um dos benefícios do Seu Dinheiro Premium, um espaço exclusivo para os nossos leitores mais engajados. Para acessar o conteúdo, basta fazer o cadastro aqui e indicar esta newsletter para cinco amigos. Assim que eles aceitarem, você terá seu acesso liberado.

Tente outra vez

O tão aguardado dia da nova rodada de negociações entre Estados Unidos e China chegou. Esta é a décima terceira vez que os países se reúnem para tentar colocar um fim na disputa tarifária que já se arrasta desde o início do ano passado.

As notícias confusas e conflitantes sobre o progresso das negociações deixam os mercados sem rumo, elevando a volatilidade dos negócios. Enquanto as bolsas asiáticas conseguiram recuperar as perdas durante suas sessões, os índices futuros de Nova York e as bolsas europeias seguem no vermelho.

Ontem, o Ibovespa encerrou o dia com alta de 1,27%, aos 101.248,78 pontos. O dólar fechou com alta de 0,27%, a R$ 4,1028. Consulte a Bula do Mercado para saber o que deve mexer com bolsa e dólar hoje.

Distribuindo os ovos de ouro

Se lá fora o foco segue na guerra comercial, por aqui os investidores comemoram a aprovação na Câmara da distribuição dos recursos do excedente de petróleo do pré-sal. Além de abrir caminho para que o megaleilão aconteça, a aprovação da medida também aumenta as expectativas para que a votação em segundo turno da reforma da Previdência seja concluída antes do fim do mês. São Paulo, Rio Grande do Sul e o Mato Grosso foram os que se deram melhor na divisão entre os Estados e municípios. Confira. 

A sigla do presidente

Em Brasília, o clima é de incerteza após a troca de farpas entre Jair Bolsonaro e Luciano Bivar, presidente do seu partido, o PSL. O chefe do Executivo nega que queira sair do PSL, mas nos bastidores se fala em busca de uma saída jurídica para deixar a sigla. Segundo o ‘Estadão’, o foco da disputa estaria nos milhões do fundo partidário. Entenda o que está em jogo. 

Por que eles estão parados?

Já que estamos falando de touros e ursos, os entusiastas de criptomoedas aguardam com ansiedade a entrada dos grandes investidores como touros no mercado. Hoje eles simplesmente estão fora dessa briga. Se eles entrarem no jogo comprando, meu amigo, é melhor seguir no mesmo caminho que eles. Mas por que eles estão parados? Esse é o tema da última coluna do André Franco. Recomendo muito a leitura se você já comprou ou pensa em comprar bitcoins.

Agenda

Indicadores
- IBGE divulga resultado do comércio brasileiro em agosto
- Banco Central divulga Relatório de Estabilidade Financeira
- Alemanha e Reino Unido divulgam balança comercial de agosto
- Reino Unido publica resultados de sua produção industrial em agosto
- Estados Unidos divulgam inflação e resultado fiscal de setembro, além de dados semanais de emprego
- FMI divulga capítulo analítico de seu Monitor Fiscal
- Opep publica relatório mensal

Bancos Centrais
- BCE divulga ata de sua última reunião de política monetária

Política
- Bolsonaro, Guedes e o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, participam do Fórum Brasil de Investimentos em São Paulo

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

A Bula do Mercado

Mercado divide atenção entre indicadores e política

Agenda do dia traz dados de atividade nos EUA e na China, enquanto racha no PSL ganha novos contornos

Análise

O que o ‘Lula Livre’ tem a ver com o seu bolso?

Supremo Tribunal Federal (STF) volta a julgar prisão em segunda instância e desdobramentos têm chances de chegar aos mercados, mesmo que indiretamente

Reviravolta na trama

Após uma temporada no mundo invertido, a Netflix voltou a brilhar no terceiro trimestre

A Netflix reportou um crescimento surpreendente no lucro líquido e uma recuperação no total de novos assinantes pagos — resultados que agradaram o mercado

Voos mais altos

Azul vai expandir rotas internacionais, mas não anuncia agora por causa do dólar

O executivo frisou, porém, que o foco da Azul está no mercado doméstico – a intenção é “elevar” o nível do Brasil em termos de conectividade aérea

De olho no crédito

BC lança nova página sobre informações do mercado imobiliário

O Banco Central explica que a nova publicação é resultado da compilação de informações recebidas pelo Banco Central através do Sistema de Informações de Créditos (SCR), Sistema de Informações Contábeis (Cosif), Direcionamento dos Depósitos de Poupança (RCO) e dados das entidades de depósito e registro de ativos

Colocando os pingos nos "is"

Não houve pressão para capitalizar companhia, diz presidente da Eletrobras

Ele defendeu que, se o governo efetivamente quisesse os recursos da Eletrobras, seria mais fácil realizar diretamente a capitalização dos cerca de R$ 4 bilhões de Adiantamentos para Futuro Aumento de Capital (AFACs) e com esse recurso pagar os dividendos, alternativa em que a União receberia um volume maior de recursos

Juros

Selic abaixo de 4%? Itaú Asset acredita em 3,75% em 2020

Descontando a inflação esperada dessa projeção para a Selic, temos juro real próximo de zero. Na verdade, um toquinho de 0,14% ao ano

Vai que vai

É hora delas? Bradesco BBI aposta alto nos números de Unidas e Movida

No setor de locação, todos os três papéis (Localiza, Unidas e Movida) estão com recomendações de compra pela casa, mas a Localiza não está na lista das preferidas do analista Victor Mizusaki

Siga o dinheiro

Fuga de dólares bate US$ 40 bilhões em 12 meses. Surpreso? Não deveria…

Saída de recursos é a maior desde que abandonamos o regime de bandas cambiais em 1999. Desde abril, o BC vem alertando para uma mudança estrutural no mercado de câmbio

Boas novas

Juro baixo faz BlackRock ampliar aposta no Brasil

A projeção é que a Selic baixa empurre investidores para ativos de mais risco, incluindo investimentos no exterior, que ainda engatinham por aqui

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements