🔴 MELHORES MOMENTOS DO MACRO SUMMIT BRASIL 2024 – ASSISTA AQUI

Haddad encanta o mercado, a briga dos bancos com a Oi (OIBR3) e a joia de Warren Buffett; confira os destaques do dia

15 de fevereiro de 2023
18:57
Fernando Haddad discursa em evento da Febraban / bolsa de valores
O ministro da Fazenda, Fernando Haddad - Imagem: Febraban

Uma das passagens mais conhecidas da Odisseia — épico que narra a tentativa de Ulysses de retornar ao seu lar após a longa guerra de Troia — é o encontro do heroico rei de Ítaca e a ilha das sereias.

Ele havia sido alertado pela feiticeira Circe que essas criaturas e seus belos cantos mortais poderiam encantá-lo a tal ponto que ele poderia se esquecer até mesmo de quem era. Ciente disso, pediu para que a sua tripulação o mantivesse bem preso ao mastro do navio.

Hoje, quando os olhos do mercado financeiro se voltaram para o evento BTG Conference — com grandes nomes do mercado e do alto escalão do governo — os investidores pareciam muito bem amarrados a seus mastros de ceticismo. Afinal, a crise entre o governo federal e o Banco Central é uma ferida recente e inesperada, e parece estar longe de cicatrizar.

Mas, ao contrário do que ocorreu com o herói grego, a tática parece não ter dado muito certo para os agentes do mercado na primeira fila da palestra de Fernando Haddad, ministro da Fazenda de Lula.

Ele pode até não ter declarado paz ao Banco Central e à sua política de manter a Selic acima da casa dos 13%, mas encantou a todos ao garantir que a nova âncora fiscal brasileira, que substituirá o semi-aposentado teto de gastos, deve chegar ao Congresso meses antes do inicialmente previsto.

Considerados grandes figuras imortais do mercado, Rogério Xavier, da SPX, e Luis Stuhlberger, da Verde, também fizeram coro às palavras de Haddad, mas seguindo uma melodia diferente — a de que uma revisão da meta de inflação não seria um pecado tão perverso assim. 

Envolto pelo belo canto das sereias do mercado, o Ibovespa deixou a cautela internacional e renovou o seu otimismo com o futuro, fortalecendo-se ao longo do dia para fechar o pregão em alta de 1,62%, aos 109.600 pontos.

Apesar do alívio na curva de juros, o dólar à vista avançou 0,41%, a R$ 5,2197, de olho em dados mais fortes do que o esperado da economia americana.

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta quarta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Confira outras notícias que mexem com o seu dinheiro

AGORA VAI?
Banco se rende ao Nubank (NUBR33) e eleva recomendação para a ação pela primeira vez; papéis sobem forte após balanço. Além da indicação, o preço justo passou de US$ 3,10 para US$ 5,50 com o resultado acima do esperado.

DISPUTA NOS TRIBUNAIS
Bancos partem para cima da Oi (OIBR3) e dizem que recuperação judicial anterior não acabou; saiba o que está em jogo. A Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Banco do Nordeste, logo seguidos pelo Bradesco, apelaram contra a decisão que suspendeu a cobrança de dívidas da operadora.

REPARAÇÃO
Fundos de investimento estrangeiros pedem arbitragem contra IRB (IRBR3) por perdas sofridas por fraude no balanço. Mais de 150 investidores gringos buscam indenização por prejuízos decorrentes do tombo nas ações da companhia depois que escândalo veio à tona em 2020; valor da causa é estimado em R$ 10 milhões.

REVISANDO O PORTFÓLIO
A joia de Warren Buffett: Berkshire Hathaway ignora balanço enfraquecido da Apple e investe mais US$ 3,2 bilhões na maçã. Com a compra de mais 20,8 milhões de papéis no quarto trimestre, a participação da holding do Oráculo de Omaha na fabricante de iPhones subiu para 5,8%.

PROMETEU POUCO E ENTREGOU MUITO
Esta empresa divulgou fortes resultados no último trimestre de 2022 e ainda vai pagar dividendos bem gordos aos acionistas. Descubra qual é a companhia e se vale a pena investir neste vídeo exclusivo no nosso canal do Youtube. Basta clicar aqui.

Compartilhe

SEXTOU COM O RUY

Enquanto você se preocupa com a Oi (OIBR3), esta empresa da B3 virou a campeã de qualidade no serviço de internet – e ainda está barata na bolsa

12 de abril de 2024 - 6:07

Para se diferenciar, essa companhia construiu uma infraestrutura de qualidade, que tem proporcionado prêmios de internet fixa mais rápida do Estado de São Paulo, à frente das gigantes de telecom

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Quintal da China, quintal do mundo

10 de abril de 2024 - 19:15

Se a economia chinesa sofre, nós necessariamente compartilhamos dessa desgraça?

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Juro real de volta aos 6%: com bolsa na pior e dólar nas alturas, essa é uma nova oportunidade?

9 de abril de 2024 - 6:40

Uma regra prática comum para investimentos em renda fixa no Brasil sugere vender títulos quando os juros reais atingem 3% e comprá-los a 6%

EXILE ON WALL STREET

Além do bitcoin (BTC): esta carteira já rendeu 447% acima da maior criptomoeda do mercado

8 de abril de 2024 - 20:01

Acredito que exista uma forma melhor de pensar sobre a ciclicidade do preço do bitcoin (BTC), que historicamente nos ajudou a gerar alfa neste mercado

BOMBOU NO SD

Argentina entra na rota de ‘paraíso fiscal’, China encara mesma crise do Japão e inteligência artificial “sugando” o Ibovespa — veja tudo o que foi destaque na semana

6 de abril de 2024 - 13:36

A crise e os seus reflexos no país vizinho no Brasil despertaram o interesse dos leitores do Seu Dinheiro nos últimos dias

IR 2024

Pago escola e plano de saúde de um filho ilegítimo; posso abater esses gastos no imposto de renda?

6 de abril de 2024 - 8:00

Filho não assumido rende deduções no imposto de renda? A Dinheirista responde dúvidas de leitores sobre o IR 2024

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Lições da renda fixa — um intervalo assimétrico

3 de abril de 2024 - 20:01

De 2010 para cá, mediante a ajuda da balança comercial, a maturação do Copom e a lapidação das metas fiscais, os juros reais passaram a respeitar uma zona limítrofe de 3% a 6%, com raras exceções

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

A inteligência artificial está “sugando” recursos das bolsas — inclusive do nosso Ibovespa

2 de abril de 2024 - 6:58

No início dos anos 2000, se entendia que os mercados emergentes, de alguma forma, se aproximariam dos desenvolvidos

EXILE ON WALL STREET

Tony Volpon: E se a inflação superar a meta do Fed? Precificando o “no landing” dos juros nos Estados Unidos

1 de abril de 2024 - 20:01

O Fed sinalizou três cortes de juros de 0.25% neste ano. Mas, como em 2023, vale a pena perguntar: e se o esperado não acontecer?

de repente no mercado

A ‘virada de chave’ do Magalu, melhores investimentos para abril, ‘boom’ dos FIIs e um guia para investir (ou não) em PETR4

31 de março de 2024 - 12:00

E mais: análise do 4T23 de Equatorial (EQTL3); veja os destaques da semana na ‘De repente no mercado’

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies