🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O SEU CAPITAL POR 7,5X COM 1 CLIQUE – CONHEÇA A FERRAMENTA

Os quatro estados emocionais e os impactos na sua carreira

O final de ano se aproxima e é um ótimo momento de reavaliar as metas pessoais. Que tal analisá-las sob a ótica dessas quatro emoções?

5 de novembro de 2023
8:01 - atualizado às 15:19
Executivos subindo escada como metáfora para trajetória de carreira
Imagem: Shutterstock

Qual estado emocional você acredita que melhor descreve sua perspectiva atual com a sua carreira?

a) Ressentido
b) Resignado
c) Em paz
d) Entusiasmado

Eu gosto de usar uma matriz para poder explicar as diferenças de cada uma dessas alternativas, que funciona assim:

  • Do zero a uma renda passiva: treinamento completo com os ‘tubarões’ do mercado mostrará as estratégias mais avançadas para poder gerar dinheiro na conta; inscreva-se aqui

Ressentimento

“Se eu tivesse aceitado aquela oferta de emprego, eu estaria muito melhor hoje.”

Se você nega os fatos como eles são, você vive ressentido. A pessoa nesse estado é aquela que fica chorando o leite derramado, lamentando sobre os fatos como eles são.

Ela provavelmente estará procurando explicações para o que já passou, quando poderia concentrar seu olhar para as oportunidades de crescimento e desenvolvimento disponíveis hoje.

Ressentidos têm dificuldade em evoluir, porque preferem viver na negação da realidade à encarar a realidade como ela é.

Resignação

“As coisas sempre foram desse jeito e não vão mudar.”

Essa fala vem do famoso coleguinha que está há anos na mesma função ou trabalho, e hoje já não consegue enxergar absolutamente nenhuma possibilidade de mudança.

É aquela pessoa no time que joga um verdadeiro balde de água fria em todas as ideias de melhoria. Ou aquele perfil que escolheu determinado caminho para a própria carreira, já não está mais satisfeito como as coisas funcionam, mas também não se abre para imaginar alternativas.

Resignados tem dificuldade em evoluir porque preferem viver na negação das possibilidades e podem fechar portas para oportunidades.

Paz

“Estou bem com as minhas escolhas e com o que eu tenho.”

Estar em paz com as nossas decisões e com o que temos é condição mínima para uma vida com menos estresse e angústia.

Muitas pessoas confundem o sentimento de paz, no qual buscamos aceitar as circunstâncias como são, mesmo sem necessariamente apreciá-las, com o estado de 'estar conformado'.

Neste último, não apenas aceitamos a situação, mas também desistimos de qualquer esperança ou desejo de mudança.

Aqueles que estão em paz consigo mesmos tendem a encontrar serenidade para evoluir, pois aceitam a conviver harmonicamente com a realidade, mantendo portas abertas para as oportunidades.

Entusiasmo

“Eu não tenho 100% de clareza do que vai acontecer, mas estou animado com as mudanças que estão por vir.”

Pessoas entusiasmadas muitas vezes são motivadas por paixões ou interesses específicos, e a intensidade de seu entusiasmo pode variar dependendo do contexto.

É por isso que é frequente encontrar pessoas que buscam fontes de entusiasmo também fora do ambiente de trabalho, mantendo, assim, uma relação mais funcional com suas atividades profissionais.

Entusiasmados com a carreira tendem a prosperar, pois canalizam sua energia em direção às possibilidades, mantendo-se aberto para as oportunidades. Quando a carreira se torna uma fonte de entusiasmo, acredite: cultive com muito carinho esse raro presente.

Talvez uma das perguntas que você esteja se fazendo é: mas me parece que eu sinto todas essas emoções em diferentes momentos. E a resposta é: sim, seguramente.

O desafio é que você possa manejar cada um desses estados emocionais de forma a te impulsionar para o atingimento de suas metas, e não que as emoções te controlem e tirem sua capacidade de agir.

A DINHEIRISTA - Fui parar no Serasa por ser fiador de um inadimplente. E agora?

Reflexões finais

Proponho algumas reflexões finais.

1) Ressentimento vivido de forma recorrente pode mostrar algo que te importava no passado, mas que você não aceitou perdê-lo. Que tal fazer as pazes com a realidade e partir para outra?

2) Se você está repetindo demais que ‘as coisas não vão mudar’, talvez seja a hora de você fazer uma transição. Já parou para avaliar se realmente vale a pena esperar do externo uma renovação que você deseja? A mudança que quero ver em algo – pessoas, contextos e relações – começa em mim.

3) Se você tem andado sempre em paz com as suas escolhas, o convite é estar atento ao quanto você está conformado com a realidade. Se você está consciente sobre ela e continua com esperança sobre as coisas, você deve estar no caminho certo.

4) Entusiasmo buscado de maneira ininterrupta pode ser um sintoma da sua dificuldade em viver na estabilidade. Acabativas são importantes para ganho de musculatura em desafios futuros. Viver as possibilidades é bom, mas estar sempre nesse estado pode tirar a chance de você aproveitar o presente.

Por fim, o final de ano se aproxima e é um ótimo momento de reavaliar as metas pessoais. Que tal analisá-las sob a ótica dessas quatro emoções? Talvez você se surpreenda com o motivo de algumas coisas não terem se concretizado.

Até a próxima,
Thiago Veras

Compartilhe

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar