🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Braskem (BRKM5) confirma proposta de venda, Ibovespa engata 5ª alta consecutiva e Telegram na corda bamba; confira os destaques do dia

10 de maio de 2023
19:30 - atualizado às 19:00
B3 com gráficos
Imagem: Shutterstock / Divulgação / Montagem Brenda Silva

Estamos apenas na quarta-feira (10), mas o mercado financeiro já atravessou um dos seus maiores gatilhos de estresse dessa semana — os números da inflação ao consumidor dos Estados Unidos. 

Peça-chave na condução da política monetária por parte do Federal Reserve, o dado em linha com o esperado foi celebrado, aumentando as apostas de que o Fed possa cortar juros ainda em 2023 — mesmo que esse cenário contrarie o discurso de Jerome Powell na última reunião. 

O otimismo, no entanto, não conseguiu sustentar sozinho o apetite por risco em Nova York. Foi preciso ajuda de uma Inteligência Artificial — mas nada de pedir indicações ao ChatGPT ou coisas do gênero. É que a Alphabet empolgou o mercado ao dar maiores detalhes sobre o seu programa de IA e embalou os ganhos do Nasdaq.

Sem nenhum drama na terra do Tio Sam e aproveitando os dias que restam antes da divulgação da inflação brasileira na sexta-feira (12), os investidores locais apararam a resposta negativa ao nome de Gabriel Galípolo ao quadro de diretores do Banco Central.

Assim, o mercado de juros operou em forte queda, influenciando o dólar à vista a cair 0,75%, a R$ 4,9499. Amanhã, os investidores devem reagir à entrevista concedida por Galípolo já no fim da tarde — e se o mercado futuro nos servir de spoiler, a reação será positiva. 

O Ibovespa teve uma leve alta de 0,31%, aos 107.448 pontos, mas alguns setores da bolsa tiveram um desempenho estelar ao repercutir a temporada de balanços. Hoje, o principal destaque ficou com a Yduqs (YDUQ3), empresa que viu seus papéis subirem mais de 20%. 

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta quarta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Confira outras notícias que mexem com o seu dinheiro

CONFORME ANTECIPADO PELO SEU DINHEIRO
Braskem (BRKM5) confirma ter recebido oferta da Apollo e da ADNOC. Segundo comunicado da petroquímica, R$ 20 por ação serão pagos à vista, outros R$ 20 em debêntures e os R$ 7 restantes com títulos de garantia.

SISTEMA FINANCEIRO
BC mede impacto de calote da Americanas nos bancos e testa cenário de “corrida bancária”. Apesar da capacidade das instituições financeiras de absorver as perdas, os problemas na varejista deixaram sequelas.

SINISTRO!
Ações do IRB (IRBR3) disparam 60% em um mês; hora de comprar mais ou colocar o lucro no bolso? O JP Morgan responde. Junto com a nova recomendação, o banco norte-americano elevou o preço-alvo para os papéis da resseguradora de R$ 25 para R$ 30 em 2023.

DON’T CRY FOR ME
Dólar evapora da Argentina: 3 dados para entender a crise por lá — e por que a situação do Brasil é bem melhor que a dos “hermanos”. Em economia, tudo pode acontecer, mas o cenário brasileiro é bem diferente do que acontece no país vizinho.

TSE X TELEGRAM
Telegram acata decisão de Alexandre de Moraes, exclui campanha contra PL das fake news e publica retratação. Na última terça-feira (09), a plataforma disparou uma mensagem para todos os usuários contendo informações falsas sobre o projeto de lei que tramita no Congresso.

OS 5 FIIs PARA BUSCAR LUCROS NOS PRÓXIMOS DIAS
O Seu Dinheiro acaba de liberar uma lista exclusiva para quem quer ter chance de se dar bem antes de maio acabar. Trata-se de um material gratuito que revela quais são os fundos imobiliários mais recomendados para o mês. Clique aqui e descubra sem enrolação.

Compartilhe

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: Dez anos de “O Fim do Brasil”

20 de maio de 2024 - 20:01

Dez anos de lançamento de “O Fim do Brasil” e, afinal, a que fim chegou a economia do Brasil? Estamos em queda livre em direção ao pior?

Especial IR

Me mudei para Portugal, mas não entreguei a Declaração de Saída Definitiva do País; como regularizar a situação?

18 de maio de 2024 - 8:00

Documento serve para encerrar as obrigações fiscais do contribuinte no Brasil, mas este leitor não a entregou e agora recebeu uma herança

SEXTOU COM O RUY

A Petrobras (PETR4) desabou mais uma vez: surge uma barganha na bolsa com dividendos bilionários?

17 de maio de 2024 - 6:04

Nas últimas várias trocas no comando da Petrobras, não tivemos grandes mudanças no dia a dia da companhia, o que inclusive permitiu ótimos pagamentos de dividendos nos últimos anos, mesmo com CEOs distintos — será que agora também vai ser assim?

CRYPTO INSIGHTS

Os sinais favoritos para entender o curto prazo do bitcoin (BTC)

14 de maio de 2024 - 19:17

A tendência macroeconômica é de expansão de liquidez, e os indicadores de curto prazo que mais gosto estão favorecendo a tese de que estamos próximos do fundo local para a mais recente correção do mercado

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Vai piorar antes de melhorar? Milei começa a arrumar uma Argentina economicamente destruída

14 de maio de 2024 - 6:01

Em poucos meses, Milei conseguiu diminuir inflação, cortar os juros e aumentar reservas do Banco Central da Argentina, mas custo social é alto

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: O real vai morrer aos 30?

13 de maio de 2024 - 20:01

A decisão do Copom na semana passada foi inequivocamente ruim. Quando você tem um colegiado dividido entre os “novos” e os “velhos”, alimentam-se os piores medos. O Copom deveria saber disso.

Especial IR

Dúvidas cruéis sobre declaração de ações no IR: isenção, retificação, mudança de ticker, prejuízos e investimento no exterior

11 de maio de 2024 - 8:00

A Dinheirista responde algumas das suas dúvidas mais cabeludas sobre como declarar ações no imposto de renda

SEXTOU COM O RUY

Bolsa barata não basta: enquanto os astros locais não se alinham, esses ativos são indispensáveis para a sua carteira

10 de maio de 2024 - 6:07

Eu sei que você não tem sangue de barata para deixar todo o patrimônio em ações brasileiras – eu também não me sinto confortável em ver os meus ativos caindo. Mas há opções para amenizar as turbulências internas.

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Selic — uma decisão com base em dados, não em datas

8 de maio de 2024 - 16:42

Hoje em dia, ao que parece, tudo tem que terminar cedo, e bebidas alcoólicas são proibidas. Por conseguinte, os debates deram lugar a decisões secas e comunicados pragmáticos

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Divididos entre o conservadorismo salutar e a cautela exagerada, Copom e Campos Neto enfrentam um dilema

7 de maio de 2024 - 6:18

Os próximos passos do Copom dependem, em grande medida, da reação da economia norte-americana à política monetária do Fed

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar