A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-01T07:59:06-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
ELEIÇÕES 2022

Hegemonia em risco? Datafolha mostra Haddad bem à frente de concorrentes e risco de PSDB não ir nem ao segundo turno em São Paulo

A poucas semanas da definição das alianças, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) parece ter presença assegurada no segundo turno. A dúvida está em relação a quem o enfrentará na disputa

1 de julho de 2022
7:59
Fernando Haddad
Haddad lidera pesquisas. A dúvida no momento é quem será seu adversário. Candidatura do PSDB patina. - Imagem: Reprodução/Facebook

O PSDB governa o Estado de São Paulo ininterruptamente desde 1º de janeiro de 1995. De Mario Covas a Rodrigo Garcia, os tucanos governaram o Estado mais rico do Brasil também com Geraldo Alckmin, José Serra, Alberto Goldman e João Doria.

Nesses 27 anos de hegemonia do PSDB em São Paulo, vices de outros partidos assumiram o governo somente em dois breves períodos nos quais os titulares desincompatibilizaram-se para disputar a presidência.

Não eram do PSDB:

  • Claudio Lembo (PFL), em 2006, e
  • Marcio França (PSB), em 2018.

Um estranho no ninho tucano?

É verdade que o atual governador, Rodrigo Garcia, abandonou uma longa história no DEM para filiar-se ao PSDB apenas recentemente, em meio às pretensões frustradas de Doria de concorrer à presidência. Mas o que conta é a legenda em que ele está agora.

De qualquer modo, pesquisas de intenção de voto sinalizam que, desde a primeira vitória de Covas, em 1994, a hegemonia tucana no Estado nunca esteve tão em risco.

As mais recentes movimentações políticas em São Paulo reforçam a polarização nacional entre petismo e bolsonarismo na disputa pelo Palácio dos Bandeirantes.

Pesquisas mostram Haddad na liderança

A poucas semanas da definição das alianças para as eleições de outubro, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) parece ter presença assegurada no segundo turno.

A dúvida está em relação a quem o enfrentará na disputa.

No cenário com a presença de Márcio França, o ex-vice de Alckmin disputaria o segundo turno com Haddad, segundo a mais recente pesquisa do Instituto Datafolha.

Sem Márcio França na jogada, Rodrigo Garcia aparece empatado com o ex-ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos), que conta com o apoio do presidente Jair Bolsonaro.

Há especulações de que França poderia desistir da disputa e se lançar candidato ao Senado na coligação de Haddad. Essa hipótese ganhou força com a desistência do apresentador José Luiz Datena (PSC) de disputar o cargo.

Confira a seguir os cenários pesquisados pelo Datafolha

Cenário sem Márcio França:

  • Fernando Haddad (PT): 34%
  • Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos): 13%
  • Rodrigo Garcia (PSDB): 13%
  • Gabriel Colombo (PCB): 3%
  • Felício Ramuth (PSD): 2%
  • Altino Junior (PSTU): 2%
  • Vinicius Poit (Novo): 1%
  • Abraham Weintraub (Brasil 35): 1%
  • Elvis Cezar (PDT): 1%
  • Em branco, nulo e nenhum: 20%
  • Não souberam: 9%

Cenário com Márcio França:

  • Fernando Haddad (PT): 28%
  • Márcio França (PSB): 16%
  • Tarcísio Gomes de Freitas (Republicanos): 12%
  • Rodrigo Garcia (PSDB): 10%
  • Felício Ramuth (PSD): 2%
  • Gabriel Colombo (PCB): 2%
  • Vinicius Poit (Novo): 1%
  • Abraham Weintraub (Brasil 35): 1%
  • Altino Junior (PSTU): 1%
  • Elvis Cezar (PDT): 1%
  • Em branco, nulo e nenhum: 16%
  • Não souberam: 9%

*O instituto Datafolha ouviu 1.806 moradores entre os dias 28 e 30 de junho. A margem de erro é de dois pontos porcentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-02523/2022.

*Com informações do Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sente pressão do Fed e recua na semana, enquanto ethereum (ETH) sustenta alta impulsionada pela “The Merge”; entenda

18 de agosto de 2022 - 20:25

O ethereum (ETH) vence a letargia do mercado hoje ainda impulsionado pela The Merge, atualização que, segundo analista, foi enfim “descoberta” pelo mercado

ELEIÇÕES 2022

Bolsonaro aparece no retrovisor de Lula, mas petista ainda pode levar no primeiro turno, segundo Datafolha

18 de agosto de 2022 - 20:00

Essa é a primeira pesquisa de intenção de voto divulgada após o início oficial da campanha presidencial, que começou há dois dias

REBATEU FAKE NEWS

“Estou meio acostumada a tomar paulada”: Luiza Trajano fala sobre política, empreendedorismo e os desafios do Magalu (MGLU3)

18 de agosto de 2022 - 19:13

A empresária rebateu alguns dos principais boatos que envolvem o seu nome e comentou as perspectivas do varejo no TAG Summit 2022

MAIS UM PASSO

Unindo os jalecos: acionistas do Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) aprovam a fusão entre as companhias

18 de agosto de 2022 - 19:12

Os acionistas de Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) deram aval para a junção dos negócios das companhias; veja os detalhes

o melhor do seu dinheiro

Ibovespa faz o dever de casa, o futuro das petroleiras e quem vai ficar com Congonhas; confira os destaques do dia

18 de agosto de 2022 - 18:40

Passado o grande evento da semana — a divulgação de ontem (17) da ata da última reunião do Federal Reserve — os investidores tiveram pouco com o que trabalhar nesta quinta-feira (18), levando as bolsas globais a mais um dia de muita volatilidade.  A cautela inicial em Nova York e a subida dos juros futuros […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies