Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-04-26T11:05:01-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
NÃO FOI DESSA VEZ

Dogecoin (DOGE) se deu mal: após ser comprado por Elon Musk, Twitter testa pagamentos na rede com outra criptomoeda; saiba qual

O banho de água fria veio com o anúncio de que o USD Coin (USDC) seria usado como meio de pagamento na plataforma

26 de abril de 2022
10:56 - atualizado às 11:05
Dogecoin (DOGE) não será a moeda do futuro do Twitter; entenda motivos
Dogecoin (DOGE) não será a moeda do futuro do Twitter; entenda motivos. Imagem: Shutterstock

A compra do Twitter pelo bilionário Elon Musk por US$ 44 bilhões foi um dos assuntos mais comentados da última segunda-feira (26). Mas havia outro assunto rodando entre as redes dos entusiastas de criptomoedas: a adoção do dogecoin (DOGE) como moeda de negociação na rede social.

Vamos recapitular: Musk sempre foi um grande entusiasta do mundo cripto, falando abertamente sobre sua empresa de carros elétricos, a Tesla, incorporar o bitcoin (BTC) ao seu balanço. Contudo, sua criptomoeda preferida é o dogecoin, a moeda-meme com o símbolo de um cachorro da raça shiba inu.

Bons ventos para o DOGE?

Com a entrada de Musk no Twitter, a comunidade ficou animada com a ideia de que a criptomoeda pudesse ser usada como meio de pagamento da rede social. A plataforma já havia permitido a utilização de artes no formato de NFT para as fotos de perfil, um grande passo na questão da tecnologia.

Entretanto, o DOGE acabou tomando um banho de água fria com a notícia de que o Twitter está testando negociações na plataforma com USD Coin (USDC), uma stablecoin em dólar.

Não foi dessa vez, dogecoin

A companhia de tecnologia em meios de pagamento Stripe firmou uma parceria com o Twitter para permitir transações para criadores de conteúdo em criptomoedas. Atualmente, a plataforma já permite a monetização de espaços com a venda de ingressos.

Nessa linha, a nova tecnologia permitirá a adoção de pagamentos em stablecoin, as criptomoedas com lastro. Os desenvolvedores usam a rede (blockchain) da Polygon — que possui a criptomoeda MATIC — pelas taxas menores e maior velocidade de transação.

O uso de uma stablecoin é mais indicado por sua baixa volatilidade. No caso do USDC, a paridade com o dólar torna a moeda ideal para negociações — diferentemente de outras criptos que podem variar muito em um curto período de tempo, como o próprio DOGE.

A memecoin em números

O dogecoin chegou a disparar mais de 27% após o anúncio de compra de Elon Musk. Nesta terça-feira (26), a maior memecoin do mundo é negociada em alta de 10,49%, cotada a US$ 0,1559.

Além disso, o número total de DOGE circulante no mercado é de 132 bilhões — muito maior do que os 19 milhões de bitcoins em circulação no mercado. Esse dado é importante para conhecer a liquidez de um ativo e se ele pode ser usado como reserva de valor.

Em outras palavras, criptomoedas de emissão infinita são incapazes de acumular valor, por isso algumas delas adotam a queima (burn) ou destruição de tokens para limitar seu suprimento, como foi o caso do Shiba Inu (SHIB) na última segunda-feira (26).

E o que os analistas pensam?

Valter Rebelo, analista de criptomoedas da Empiricus, entende que o colocar dinheiro nessa classe de moedas digitais está mais para loteria do que para investimento.

Em entrevista ao Papo Cripto, ele explicou porque o projeto (ainda) não pode ser levado a sério — e o que as memecoins precisam fazer para isso ser realidade:

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) retoma parte do fôlego, mas ainda segue abaixo dos US$ 30 mil; confira o que mexe com as criptomoedas

O mercado global de ativos digitais já perdeu mais de US$ 1 trilhão em valor desde o início do grande inverno cripto

PASSARINHO NA GAIOLA

E agora Elon Musk? Acionistas entram com ação contra o bilionário e o Twitter (TWTR34); saiba o motivo

A plataforma também está sendo alvo do processo, que envolve denúncias de uso de informação privilegiada no âmbito da oferta de compra da empresa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O copo meio cheio do Ibovespa, a nova chance da Cielo (CIEL3) e o retorno da Terra (LUNA); confira os destaques do dia

A possibilidade de que o Federal Reserve seja obrigado a manter o ritmo do aperto monetário ajudaram os ativos de risco nesta quinta-feira

ELEIÇÕES DE 2022

Distância entre Lula e Bolsonaro aumenta para 21 pontos na nova pesquisa Datafolha; confira as intenções de voto

Instituto destaca que o levantamento anterior, feito em 22 e 23 de março, tinha cenários distintos, excluindo pré-candidatos que deixaram a disputa e adicionando nomes que passaram a ser apresentados pelos partidos

FECHAMENTO DO DIA

Dólar cai abaixo dos R$ 4,80 e Ibovespa sobe 1% com sinais de fraqueza da economia americana; entenda a razão

O Ibovespa reagiu ao bom desempenho dos ativos no exterior após os investidores entenderem que o Fed deve segurar o aperto monetário

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies