O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-01T12:05:28-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
SEU DIA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC) hoje: entenda a lei da União Europeia que piorou o sentimento do mercado de criptomoedas; semana caminha para fechamento estável

A nova lei de cripto da UE busca identificar transações acima de mil euros, o que foi mal visto pelo mercado

1 de abril de 2022
10:40 - atualizado às 12:05
Bitcoin (BTC) não se assusta com projeto que busca barrar criptomoedas na União Europeia
Confira o que movimenta o mercado de criptomoedas e o bitcoin (BTC) hoje. Imagem: Shutterstock

A semana do bitcoin (BTC) começou com uma disparada inesperada, um verdadeiro “destrave” do mercado de criptomoedas. Mas o primeiro dia de abril começa com o pé esquerdo para as moedas digitais, e a União Europeia (UE) é a principal culpada disso. 

O parlamento europeu, responsável por várias decisões do bloco, votou a favor de uma lei contra o semi-anonimato das carteiras digitais (wallets) de criptomoedas. Agora, mesmo pequenas transações devem ser identificadas, de acordo com a proposta. 

Dessa forma, as principais criptomoedas do mundo andam na contramão das bolsas internacionais nesta sexta-feira (1º): 

#NomePreço24h %7d %
1Bitcoin (BTC)US$ 44.865,02-5,01%0,57%
2Ethereum (ETH)US$ 3.269,63-4,19%3,13%
3Tether (USDT)US$ 1,000,00%0,01%
4BNB (BNB)US$ 428,56-4,01%2,10%
5USD Coin (USDC)US$ 0,99930,04%-0,08%
6Solana (SOL)US$ 122,77-3,25%18,15%
7XRP (XRP)US$ 0,8105-6,51%-3,36%
8Cardano (ADA)US$ 1,12-7,17%1,05%
9Terra (LUNA)US$ 101,54-5,83%8,54%
10Avalanche (AVAX)US$ 92,22-7,59%6,32%
Fonte: CoinMarketCap

O desempenho dos fundos de índice negociados em bolsa, os chamados ETFs, foi pressionado com a queda das criptomoedas nos últimos dias.

No entanto, o saldo da semana segue positivo — enquanto o desempenho no mês foi misto. 

Confira:

TickerGestoraPreçoVariação (24h%)Variação (7d%)Variação (30d%)
HASH11HashdexR$ 39,47-3,73%7,84%-0,45%
ETHE11HashdexR$ 46,55-2,51%8,26%4,82%
BITH11HashdexR$ 51,99-3,72%5,48%-3,45%
DEFI11HashdexR$ 44,60-3,80%10,40%3,43%
QBTC11QR CapitalR$ 13,65-3,12%5,49%-2,57%
QETH11QR CapitalR$ 11,41-3,47%8,56%3,63%
QDFI11QR CapitalR$ 8,35-4,57%17,61%11,33%
Fonte: Google Finance

Bitcoin contra União Europeia

A proposta da UE vem na esteira de uma série de medidas contra a lavagem de dinheiro no bloco. O objetivo é identificar transações de até mil euros (cerca de R$ 5.100), além de estabelecer diretrizes para pagamentos em criptomoedas. 

Segundo o Coindesk, mesmo pequenos pagamentos em estabelecimentos devem ser identificados, seja por wallets privadas ou atreladas a corretoras de cripto (exchanges). 

Entretanto, a medida foi questionada por autoridades desse mercado, como o próprio CEO da Coinbase, Brian Armstrong. Em sua conta no twitter, o presidente de uma das maiores exchanges do mundo fala sobre o problema da identificação dessas transações.

Anonimato nas corretoras? Nem tanto

Como Armstrong afirmou, para qualquer transação acima de mil euros, as corretoras deverão “coletar, armazenar e verificar” informações pessoais dos clientes e das carteiras que receberão a transferência.

Atualmente, esse sistema não é padronizado entre as exchanges estrangeiras. No Brasil, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é uma das diretrizes para a coleta e armazenamento dessas informações. 

Contudo, uma parcela significativa dessas exchanges faz a gestão desses dados, o que não seria um problema a priori para quem utiliza corretoras. 

O problema das wallets de criptomoedas e bitcoin

No entanto, as criptomoedas surgiram justamente com o intuito de serem métodos de transferência de dinheiro praticamente anônimas — tecnicamente falando, é possível identificar as wallets, mas não seus donos; por isso, é preferível dizer que as carteiras são “semi-anônimas”.

A identificação dessas wallets é considerada uma invasão de privacidade por parte dos usuários de criptomoedas. Uma comparação utilizada pelos entusiastas de cripto é com o prontuário médico de um paciente: ele tem o direito de não revelar as informações sobre seu histórico de saúde.

Pisando no calo dos russos

O legislativo europeu já havia declarado que estava de olho nas transações em criptomoedas por causa das sanções econômicas à Rússia. O país se vale de moedas digitais para escapar das punições dos EUA e da UE. 

Não está claro se a medida visa reprimir transferências para russos ou ucranianos, contudo a possibilidade de atingir esse objetivo é alta.

Papo Cripto #015 — a lei no bitcoin

Além do texto de hoje, confira o nosso Papo Cripto com o advogado Rodrigo Caldas de Carvalho Borges, sócio no escritório Carvalho Borges Araujo.

No episódio, ele comenta a evolução da regulação das criptomoedas e como isso afeta o investidor em todo mundo.

Confira:

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

BALANÇO

Magazine Luiza (MGLU3) deixa lucro para trás e registra prejuízo líquido de R$ 161,3 milhões no primeiro trimestre; confira o que derrubou o Magalu

Última das grandes varejistas da B3 a divulgar os resultados do primeiro trimestre, o Magazine Luiza (MGLU3) reforçou nesta segunda-feira (16) como o cenário macroecônimo atrapalha a vida das gigantes do comércio físico e eletrônico. A companhia registrou prejuízo líquido de R$ 161,3 milhões entre janeiro e março, contra lucro de R$ 258,6 milhões no […]

Reino Unido ameaça revisão em termos do Brexit e alimenta temores de guerra comercial; fique por dentro da visita de Boris Johnson à Irlanda do Norte

Divergências entre diferentes unionistas e nacionalistas na Irlanda do Norte pode acabar afetando relação entre Reino Unido e União Europeia

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa na contramão de NY, Gol troca comandante e Tesla em apuros; confira os destaques do dia

Mesmo com o dia ruim em NY, o Ibovespa conseguiu ter um dia de ganhos

BALANÇO

De mudança para os EUA, Inter (BIDI11) lucra R$ 27,5 milhões no primeiro trimestre; confira os destaques do banco digital

O Inter também ultrapassou a marca dos 18 milhões de clientes entre janeiro e março, alta de 82% na comparação com o mesmo período de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies