🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-02-21T17:03:32-03:00
Guilherme Valle
FECHAMENTO DO CÂMBIO

Dólar à vista desacelera queda e fecha a R$ 5,10 e Euro recua 0,68%; confira o que movimentou o câmbio nesta segunda-feira

O mundo segue ligado na evolução do conflito entre Ucrânia e Rússia

21 de fevereiro de 2022
17:03
Dólar real câmbio
Hoje foi mais um dia de valorização do real frente ao dólar - Imagem: Shutterstock

O dólar fechou o pregão em baixa de 0,64%, negociado a R$ 5,1070, apoiado no forte fluxo estrangeiro em dia de pouca liquidez devido ao feriado nos Estados Unidos. O euro também recuou e terminou o dia negociado a R$5,7789, o que representa uma desvalorização de 0,68%.

Por aqui, o boletim Focus desta semana trouxe algumas novidades. A expectativa do mercado, há 4 semanas, era de que o dólar terminasse o ano de 2022 valendo R$ 5,60, agora a expectativa é de que o dólar termine o ano por volta dos R$ 5,50.

Outra novidade, que já se desenhava no horizonte, é a expectativa de que a taxa Selic chegue aos 12,25% no final de 2022. Há um mês a previsão era de 11,75%.

No Velho Continente, depois de uma semana de tensão, mais incerteza. Os agentes econômicos mundo afora seguem ligados na evolução do conflito entre Ucrânia e Rússia, ainda sem saber qual será o desfecho da crise.

No domingo, o presidente da França, Emmanuel Macron, chegou a dizer que teria conseguido organizar uma reunião entre Estados Unidos e Rússia para discutir a situação. 

Não demorou muito para que o Kremlin viesse a público dizer afirmar que há um compromisso de manutenção do diálogo entre ministros de diferentes países, mas que considera um encontro prematuro.

Do outro lado, a Casa Branca já havia afirmado que sua expectativa era de que a Rússia de fato invadisse a Ucrânia, o que inviabilizaria a reunião. Mesmo assim, os Estados Unidos concordaram “em princípio" com a solução proposta por Macron.

Mais tarde, ainda nesta segunda-feira, a Rússia informou a Alemanha e a França que tinha a intenção de reconhecer a independência de Donetsk e Luhansk. 

O dólar chegou a valer, na mínima, R$ 5,0759 nesta segunda-feira. Na parte da tarde voltou ao patamar dos R$ 5,10 com a perspectiva de que o conflito entre Rússia e Ucrânia de fato passe por uma escalada. O euro registrou, no dia de hoje, R$ 5,7572 como mínima.

Acompanhe a nossa cobertura completa de mercados para acompanhar o desempenho de bolsa, dólar e juros hoje. Confira também o fechamento dos principais contratos de DI:

CÓDIGONOME ULT  FEC 
DI1F23DI jan/2312,38%12,37%
DI1F25DI Jan/2511,34%11,40%
DI1F26DI Jan/2611,18%11,26%
DI1F27DI Jan/2711,21%11,30%

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

ELEIÇÕES 2022

Ô abre alas que Braga Netto vem aí! General da reserva é exonerado e tem caminho livre para ser vice de Bolsonaro

Bolsonaro havia confirmado no domingo (27) o nome de Braga Netto como seu vice na chapa que disputará a reeleição deste ano, causando um pouco de desconforto entre aliados que esperavam a escolha de Tereza Cristina (PP), ex-ministra da Agricultura

SEMANA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC): o pior investimento do semestre tenta sobreviver aos dados de emprego nos EUA; confira o que mexe com as criptomoedas na próxima semana

Entre os destaques da semana, estão a liquidação de ativos da Three Arrows Capital, pechinchas no mercado cripto e mais

CAÇANDO MARRUÁ

Bitcoin (BTC) no cabresto? UE tenta domar o mundo das criptomoedas com marco regulatório; saiba como

O acordo é provisório e inclui uma proposta que cobre emissores de criptoativos não lastreados e também as chamadas stablecoins, bem como as plataformas de negociação e as carteiras nas quais os ativos digitais são mantidos

O MEDO DA RECESSÃO

Meta em crise: Mark Zuckerberg quer contratar menos funcionários e demitir mais gente a partir de agora

A dona do Facebook espera um segundo semestre de vacas magras e enfrentará um severo corte de gastos; por isso, a companhia prioriza equipes mais enxutas e agressivas

ELEIÇÕES 2022

É só mais essa! Líder nas pesquisas, Lula descarta tentar reeleição se derrotar Bolsonaro em outubro

Em entrevista, Lula disse que ‘daqui a 4 anos vai ter gente nova’, criticou o Congresso e prometeu retirar sigilos impostos por Bolsonaro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies