O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-06-28T10:19:31-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Sinal vermelho

Deu ruim, Elon Musk: Tesla fará recall de quase 300 mil veículos na China

Autoridades chinesas convocaram o recall por riscos associados ao sistema de piloto automático dos carros da Tesla, a empresa de Elon Musk

26 de junho de 2021
13:39 - atualizado às 10:19
Modelo S da Tesla (TSLA34), fabricante de automóveis elétricos do bilionário Elon Musk
Imagem: Shutterstock

Dor de cabeça para os donos de veículos da Tesla na China — e, consequentemente, para Elon Musk, o presidente da empresa: as autoridades de regulamentação do país convocaram um recall de quase 300 mil carros por riscos relacionados ao sistema de piloto automático instalado nos veículos.

A medida atinge os modelos 3 e Y, dois dos mais populares da fabricante de automóveis elétricos. Tudo por causa de uma função que pode ser acionada por engano pelos motoristas — e que pode fazer os carros acelerarem de repente, aumentando a chance de acidentes.

Ao todo, 250 mil veículos dos modelos 3 e Y — todos fabricados na China — são alvo do recall. Outros 35 mil carros importados do tipo 3, na versão sedan, também precisarão passar pelo processo.

Os motoristas afetados, no entanto, não precisarão deixar seus automóveis em oficinas ou assistências técnicas: o recall será feito de maneira remota, com uma atualização do software do piloto automático.

Em um post no Weibo — uma rede social semelhante ao Twitter e que é bastante popular na China —, a Tesla pediu desculpas aos donos de veículos que serão afetados pelo recall.

"A Tesla continuará a melhorar a segurança, em conformidade com os requisitos nacionais, e fará o possível para fornecer aos usuários uma experiência de direção excelente e segura", disse a companhia de Elon Musk.

Segundo dados da indústria chinesa, a Tesla vendeu cerca de 33 mil carros elétricos em maio — os automóveis do tipo 3 e Y são fabricados numa unidade em Xangai.

*Com agências internacionais

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies