A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2022-07-12T20:40:38-03:00
Carolina Gama
O PASSARINHO NÃO QUER VOAR

Twitter contra Elon Musk: Plataforma dá início a disputa judicial contra o homem mais rico do mundo e ele não se cala; confira

As ações do Twitter fecharam em alta de 4,32% hoje em meio à expectativa do anúncio do processo, cotadas a US$ 34,06 — bem abaixo dos US$ 54,20 oferecidos por Musk

12 de julho de 2022
20:40
Elon Musk com o passarinho azul símbolo do Twitter nos ombros
O bilionário Elon Musk - Imagem: Shutterstock, Twitter e Andrei Morais

O Twitter protocolou nesta terça-feira (12) na Corte de Delaware um processo que deve dar início a uma longa disputa judicial entre a plataforma e o homem mais rico do mundo. O objetivo é forçar Elon Musk a seguir com a compra da empresa. 

O bilionário decidiu romper o acordo de compra da rede social, um negócio avaliado em US$ 44 bilhões, na sexta-feira (8). O motivo: o número de contas falsas ou “spam” na plataforma

Após o anúncio de desistência e fim das negociações, Bret Taylor, presidente do conselho de administração do Twitter, prometeu uma batalha judicial contra Musk — e cumpriu. 

Na ocasião, Taylor afirmou que o conselho seguia “comprometido em fechar a transação no preço e nos termos acordados” e que planejava entrar com ação legal “para fazer cumprir o acordo de fusão”. 

As ações do Twitter fecharam em alta de 4,32% hoje em meio à expectativa do anúncio do processo, cotadas a US$ 34,06 — bem abaixo dos US$ 54,20 oferecidos por Musk.

Elon Musk não honrou obrigações?

Segundo o documento enviado pelo Twitter para a Justiça, não. 

"Musk aparentemente acredita que ele, ao contrário de qualquer outra parte sujeita às leis de Delaware, está livre para mudar de ideia, estragar a companhia, romper suas operações, destruir valores dos investidores e sair andando," afirma a empresa.

O objetivo do Twitter é forçar o cumprimento do acordo de US$ 44 bilhões assinado em abril passado, quando o bilionário fez uma oferta de compra da rede social e suas operações. 

Minutos após o Twitter anunciar o processo, Musk publicou em seu perfil na rede social: "oh, a ironia".

Uma multa de bilhão vem aí

Ainda que Elon Musk desisti de ficar com o Twitter, ele terá que desembolsar uma quantia polpuda por romper o acordo de compra. 

Na reunião com o Conselho, quando o Twitter aprovou a transação com Musk, a plataforma estabeleceu a condição de que, caso uma das partes rompesse o contrato, seria imputada multa de US$ 1 bilhão.

Para sair do acordo sem pagar a multa, o bilionário alega que o Twitter omitiu informações, prejudicando o comprador. Já o Twitter afirma ter entregado todas as informações requisitadas por Musk. 

A Corte de Delaware julgará o caso nos próximos meses, conforme estipula o acordo de compra assinado pelas duas partes em abril passado — o tribunal é conhecido por resolver conflitos muito mais rapidamente do que outras cortes.

Veja também: A recessão é inevitável nos EUA? O S&P 500 vai de mal a pior? Saiba se é hora de investir em ações do exterior ou em BDRs?

O que está no centro da disputa do Twitter e de Elon Musk

Na semana passada, Elon Musk anunciou que desistiu da compra por duvidar dos números apresentados pelo Twitter. 

O bilionário acredita que a quantidade de contas falsas (que incluem robôs) na plataforma é de quase 20% do total de usuários ativos, embora a rede social afirme ser de 5%. 

A quantia é importante para mensurar o potencial de receita da companhia, que depende de anúncios para gerar caixa.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe, mas perde o protagonismo para o ethereum (ETH); entenda

12 de agosto de 2022 - 20:29

Além de aproveitar a inflação dos EUA mais branda, o que ajudou as criptomoedas em geral, o ETH se beneficiou dos progressos na direção do The Merge

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magalu (MGLU3) dispara, BC amigo das criptomoedas e outros destaques do dia

12 de agosto de 2022 - 19:07

O mercado financeiro começou a semana olhando aterrorizado para os céus. Já era esperado que os dias fossem marcados pelo avistamento de dragões no ar, mas não se sabia ao certo o tamanho da encrenca que precisaria ser enfrentada.  Com traumas dos episódios recentes, quando a cada mês a ameaça se mostrava maior e mais […]

FECHAMENTO DO DI

Alívio com inflação leva Ibovespa a subir 6% na semana; Magazine Luiza (MGLU3), Hapvida (HAPV3) e Via (VIIA3) disparam após balanço

12 de agosto de 2022 - 18:41

Os indicadores melhores do que o esperado deram um respiro para o Ibovespa nesta semana; dólar caiu quase 2%

SEMANA EM CRIPTO

Ethereum (ETH) rouba a cena e dispara 14%, mas bitcoin (BTC) encerra semana acima dos US$ 24 mil; saiba o que esperar das criptomoedas

12 de agosto de 2022 - 17:56

O otimismo com a atualização do éter, as sanções ao Tornado Cash e o real digital são alguns dos destaque da semana

FEBRABAN TECH 2022

Setor financeiro melhora planos para o metaverso e já fala em criptomoedas como ‘espinha dorsal’ do processo — mas isso vai levar algum tempo; entenda

12 de agosto de 2022 - 17:40

O Febraban Tech 2022 foi realizado entre os dias 9 e 11 de agosto, em São Paulo; confira alguns destaques

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies