Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-12-05T14:51:49-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
FOGUETE SEM FREIO

Boeing tropeça e SpaceX, de Elon Musk, garante mais três viagens tripuladas com a Nasa

O plano original era alternar missões com as duas empresas, mas o Starliner, foguete da Boeing, deve ficar impedido de voar até 2023

5 de dezembro de 2021
16:37 - atualizado às 14:51
Montagem de Elon Musk no espaço voando em foguete que está falhando o motor com o planeta terra ao fundo
Elon Musk no espaço voando em foguete que está falhando o motor - Imagem: Montagem Andrei Morais / Elon Musk Instagram / Shutterstock / Envato

Os funcionários da SpaceX iniciarão a próxima semana com um peso a menos nos ombros. Elon Musk, o fundador da empresa, havia aterrorizado a todos a última semana com a ameaça de falência caso não façam progresso no desenvolvimento dos motores do foguete Starship.

Porém, graças a atrasos na certificação da Boeing, a companhia garantiu um alívio financeiro na forma de mais três viagens tripuladas com a Nasa rumo à Estação Espacial Internacional.

A agência espacial norte-americana pretendia alternar entre a SpaceX e a Boeing para as missões. Mas, enquanto a segunda empresa enfrenta problemas técnicos que atrasaram seu cronograma, o plano ficará suspenso. "A avaliação é que o sistema de transporte da tripulação SpaceX é o único certificado para atender aos requisitos de segurança", reforça, em nota, a Nasa.

Problemas no teste

Para a felicidade de Elon Musk, os empecilhos para a utilização do Starliner, o foguete da Boeing, foram descobertos às vésperas de uma missão teste de voo orbital não tripulada marcada para agosto.

Segundo a Nasa, o transporte espacial apresentou um "problema de válvula de isolamento do oxidante" no teste anterior à missão. Com os atrasos, a empresa deve ficar impedida de voar com astronautas da agência até 2023.

SpaceX morde contratos

Além dos três voos adicionais, a SpaceX já conta com outros contratos milionários com a Nasa. Em setembro, a empresa de Elon Musk garantiu US$ 152,5 milhões ao ser escolhida para lançar os satélites meteorológicos da missão Geoestacionária Operacional Ambiental-U (GOES-U).

Por volta do mesmo período, a companhia também teria fechado um acordo de US$ 9,4 milhões para desenvolver projetos de naves lunares. Os contratos fazem parte do programa Artemis, que visa enviar astronautas de volta à Lua até 2024.

*Com informações do Business Insider

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

PRECAUÇÃO EXTRA

Cautela demais atrapalha os negócios? Não para o Bradesco (BBDC4): banco cria nova vice-presidência focada na gestão de riscos

A nova vertical abrangerá as áreas de compliance, conduta, ética e demais setores ligados à gestão de ameaças corporativas

FECHAMENTO DOS MERCADOS

Ibovespa ignora tensão pré-Fed e sobe mais de 2%, fechando no melhor nível desde outubro; dólar volta aos R$ 5,43

O dia tinha tudo para ser como ontem, mas o Ibovespa encontrou forças para voltar aos 110 mil pontos e recuperar as perdas da semana

CRIPTOMOEDAS HOJE

Bitcoin (BTC) sobe forte e apaga parte da queda brusca na semana; veja como operam as principais criptomoedas do mercado

Como outros ativos do risco, a moeda digital também foi afetada pelas tensões entre entre Ucrânia e Rússia nos últimos dias, mas encontrou fôlego para avançar hoje

INTERRUPÇÃO TEMPORÁRIA

Banco Central suspende sistema para consulta de dinheiro ‘esquecido’ em bancos; veja o que está por trás do bloqueio

O BC precisou interromper o funcionamento do sistema lançado ontem após enfrentar instabilidades geradas pelo grande volume de acessos

NOVA DEBANDADA?

Mais um técnico da área de Orçamento da Economia deixa cargo e expõe novo desgaste na equipe de Paulo Guedes

O movimento de saída é comum no último ano de governo, mas agora tem ocorrido mais cedo, ainda no primeiro mês de 2022

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies