Menu
2021-01-04T20:24:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
começando bem 2021

Só dá Musk em 2020: Tesla entrega número recorde de carros no 4º trimestre

Resultado supera estimativas de analistas de Wall Street para o período, com montadora fechand 2020 com quase 500 mil carros vendidos

2 de janeiro de 2021
14:15 - atualizado às 20:24
Tesla
Imagem: Shutterstock

Se tem alguém que não pode reclamar de 2020 é Elon Musk. Mesmo com o mundo vivendo uma pandemia, o empresário se tornou segundo homem mais rico do mundo, lançou foguete e viu as ações da Tesla serem incluídas no S&P 500 – veja mais no “melhores momentos” que fizemos do bilionário.

E ele já começa 2021 dando boas notícias aos investidores: a Tesla entregou um número recorde de carros no quarto trimestre, fechando o ano passado com quase 500 mil unidades vendidas.

Nos últimos três meses do ano passado, a montadora de carros elétricos entregou 180,5 mil veículos, superando o patamar histórico estabelecido no terceiro trimestre, de 139,3 mil unidades.

O resultado também ficou acima da média das estimativas de analistas de Wall Street ouvidos pela consultoria FactSet, de 174 mil unidades entregues. As projeções coletadas iam de 151 mil a 184 mil.

No acumulado de 2020, a Tesla entregou 499,5 mil veículos. Em encontro com investidores em setembro, Musk disse que esperava que as entregas no ano ficassem entre 477,7 mil e 514,5 mil unidades, mesmo com a pandemia de covid-19 forçando a paralisação das atividades.

Musk já afirmou que pretende elevar a quantidade de carros vendidos por ano para 20 milhões de unidades até o final da década. Para isso, ele planeja lançar um modelo mais barato, de US$ 25 mil (atualmente, o mais barato, um Model 3, tem preço inicial de US$ 35 mil) em até três anos e um utilitário esportivo (SUV, na sigla em inglês) chamado Cybertruck.

Ele também conta com o início das operações de duas fábricas, uma em Austin, no Texas, e outra em Berlim, na Alemanha. No ano passado, a Tesla inaugurou uma nova fábrica, em Xangai, e fechou acordos com novos fornecedores de baterias.

* Com informações do site CNBC

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Moradia classe A

Pandemia, juros baixos e dólar caro: combo impulsiona o mercado de imóveis de luxo

Uma combinação que prejudicou boa parte das empresas brasileiras acabou beneficiando o segmento imobiliário de alto padrão

fechamento da semana

Brasília impede Ibovespa de decolar, mas saldo da semana ainda é positivo; dólar vai a R$ 5,58

No Brasil, o que garantiu um bom desempenho do Ibovespa foi a alta das commodities e a recuperação econômica de Estados Unidos e China.

em encontro com investidores

Arthur Lira sinaliza que Orçamento será resolvido ‘sem rupturas’

Presidente da Câmara mencionou ainda o posterior encaminhamento da reforma administrativa e ainda o início das discussões sobre a privatização da Eletrobras

Conheça as novatas

A hora da biotecnologia: empresas do setor disparam até 78% após IPOs na Nasdaq

Três estreantes do segmento atraíram a atenção dos investidores e chegaram com tudo à bolsa norte-americana

rearranjo no segmento

Dona da Farm negocia fusão com a Shoulder, de moda feminina

Empresas mantém conversa “em fase preliminar”, em um momento de rearranjo do segmento; Grupo Soma comprou recentemente a NV e a Lauf

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies