Menu
2021-02-23T09:31:31-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
climão

Banco do Brasil diz que não recebeu pedido para mudanças na diretoria

Banco perdeu R$ 10,9 bilhões em valor de mercado diante de receio que Bolsonaro possa mudar comando assim como na Petrobras

23 de fevereiro de 2021
9:31
Jair Bolsonaro e o presidente do Banco do Brasil, André Brandão
Jair Bolsonaro e o presidente do Banco do Brasil, André Brandão - Imagem: Alan Santos/PR

O Banco do Brasil (BBAS3) informou na segunda-feira (22) à noite não ter recebido qualquer indicação de mudança na composição de seu corpo diretivo.

O fato relevante divulgado pela instituição se deve o recente noticiário envolvendo a companhia e a oscilação atípica dos papéis. As ações do banco despencaram 11,65% ontem, em meio aos temores de que o BB seria o próximo alvo de interferências do governo.

Em valor de mercado, a empresa perdeu R$ 10,9 bilhões em apenas um dia.

Os temores estão baseados no interesse que o presidente Jair Bolsonaro demonstrou no mês passado de mexer no comando do Banco do Brasil.

O presidente quis demitir o presidente do banco, André Brandão, pelo desgaste provocado com o anúncio de fechamento de 112 agências, com desligamento de 5 mil funcionários do banco.

Apesar de a reestruturação do banco ter agradado investidores e equipe econômica na ocasião, o comunicado foi considerado inoportuno quando o Executivo negociava apoio com parlamentares em troca de aliados nos comandos da Câmara e do Senado.

A indicação do general Joaquim Silva e Luna para o comando da Petrobras, após Bolsonaro se desentender com o atual presidente da estatal, Roberto Castello Branco, a respeito da política de reajustes de preços dos combustíveis, reascendeu os receios de que uma interferência do tipo possa ocorrer no Banco do Brasil.

* Com informações da Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

O melhor do seu dinheiro

A semana que vem, enfim, chegou

Depois de uma série de adiamentos, a PEC Emergencial enfim foi aprovada em dois turnos pelo Senado. A medida permitirá o retorno do auxílio emergencial, que ficará limitado ao teto de R$ 44 bilhões, que quase foi derrubado, mas acabou ficando. O texto segue agora para a Câmara dos Deputados. O avanço foi comemorado pelo […]

FECHAMENTO

Aprovação da PEC emergencial garante recuperação do Ibovespa enquanto NY amarga perdas

A fala de Powell fez o Ibovespa reduzir os ganhos, mas ainda assim o principal índice da bolsa avançou 1,35%; dólar teve queda de 0,11%, a R$ 5,6582

Petróleo

Evitar volatilidade nos preços serve a consumidores e produtores, afirma ministro árabe na Opep+

Quanto aos elementos que vêm sendo observados na demanda para as decisões do grupo, o saudita apontou o retorno da mobilidade como uma prioridade.

Retirada histórica

Saques líquidos da poupança somam R$ 5,832 bi em fevereiro, revela BC

Este é o maior volume de retiradas para meses de fevereiro desde 2016, quando as saídas somaram R$ 6,638 bilhões.

Justificativa?

Carga tributária é ‘enorme e escorchante’ e Guedes busca solução, diz Bolsonaro

Bolsonaro disse também que “herdou um país com uma dívida enorme”.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies