Menu
2021-03-17T16:41:34-03:00
Rafael Lara
Rafael Lara
Estudante de jornalismo na Faculdade Cásper Líbero de São Paulo. Trabalhou em empresas como: TV Gazeta, Suno Research e Portal iG.
Novidade no mercado

CVM aprova negociação do primeiro ETF de criptomoedas no Brasil

Com a aprovação, todos os investidores brasileiros poderão adquirir cotas do ETF diretamente pela B3

17 de março de 2021
14:58 - atualizado às 16:41
Criptomoedas bitcoin
Imagem: Shutterstock

O primeiro ETF de criptomoedas do mundo, o Hashdex Nasdaq Crypto Index Fundo de índice, da gestora brasileira focada em criptoativos Hashdex, conseguiu a aprovação da CVM para conseguir negociar o fundo de índice no Brasil. Com isso, qualquer investidor no Brasil poderá investir no ETF, sob o ticker HASH11.

Leia também:

O fundo de índice tem como objetivo replicar a performance do Nasdaq Crypto Index (NCI), índice focado em ativos digitais calculado pela Nasdaq em parceria com a Hashdex. Porém, o ETF brasileiro HASH11 apresentará o retorno em reais.

Vale lembrar que o Hashdex Crypto Index Fundo de Índice já havia sido anunciado em setembro de 2020 e listado em fevereiro deste ano na Bolsa de Valores de Bermudas, país que é justamente conhecido por uma regulamentação mais amigável aos criptoativos.

O ativo já estava disponível no Brasil, porém somente através dos fundos de criptoativos da própria Hashdex, em parceria com corretoras nacionais e exposições variadas, de 20%, 40% ou até 100% de exposição (o último somente permitido a investidores profissionais). Com a aprovação do ETF brasileiro, todos os investidores locais poderão adquirir cotas diretamente pela B3.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

em meio à crise

Em reunião com empresários, Bolsonaro defende vacinação e diz não ter preocupação com CPI da Covid

Presidente e ministros participaram de uma videoconferência com o grupo que reúne os 50 maiores grupos privados do País

seu dinheiro na sua noite

Ação da Moura Dubeux caiu 50% desde o IPO. Ficou barata?

O ano de 2020 começou promissor para a economia brasileira e com boas perspectivas para a chegada de novas empresas à bolsa. A temporada de IPOs se iniciou nos primeiros dias de fevereiro, com a estreia da construtora Mitre, seguida da empresa de tecnologia Locaweb. Mais para meados do mês, vimos a abertura de capital […]

ampliação de sortimentos

Lojas Americanas compra Imaginarium e prevê aumentar marcas próprias

Companhia anunciou aquisição do Grupo Uni.co, mas não revelou valores; com negócio, Americanas avança sobre varejo especializado em franquias

FECHAMENTO

Mercado olha desconfiado para Orçamento e Ibovespa acompanha queda do exterior; dólar fica estável

Com a agenda de indicadores esvaziada e a véspera de feriado, os investidores acabaram optando pela cautela

Prioridade na Casa

Câmara aprova requerimento de urgência sobre projeto de privatização dos Correios

A medida permite que a proposta “fure” a fila de votação de projetos e pode agilizar o processo de desestatização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies